Problemas Familiares

Meu namorado com 3 filhos e minha família preconceituosa.

Se alguém puder me ajudar, aconselhar, ou dar uma opinião, seja bem vindo.
Tenho 23 anos, e estou quase namorando um cara que ele é super gente boa, e é tranquilo como eu, e ele frequenta a igreja dos mórmons, é um dos líderes de la, ele tem 3 filhos que moram com ele, e é separado.
Minha família é completamente contra o relacionamento, dizem que eu não vou me dar bem, e que ele só quer uma idiota para cuidar dos filhos dele. Sendo que eu não penso assim, ele e eu já conversamos muito sobre o relacionamento, sobre como seria e ele sempre deixou claro que quer ter apenas uma companheira para ele e não uma babá para os filhos, que os filhos dele já tem mãe e que eles também apoiam que o pai tenha alguém para estar ao lado dele. E eu já percebi que eles são super educados e respeitam ele muito bem, Eu me sinto segura no relacionamento, só o que me deixa triste é minha família com as palavras que eles me dizem, com a falta de compreensão, com os meus sentimentos. Mas gostaria de mais opiniões de pessoas por fora, que não esteja envolvida pessoalmente comigo por isso vim aqui desabafar.

9 Comentários

  1. Se você deseja realmente ter este relacionamento então tenta, entendo seus pais terem essa atitude, porque envolve três crianças.. Seria melhor encontar alguém que não tivesse já escrito uma história.
    Mas faça o que seu coração pede.
    Se não der certo pelo menos tentou.

  2. Namorar homem com filho é o inferno na terra.
    Principalmente se moram com ele.
    Um conselho de quem esta passando por isso: todos tbm me falavam a mesma coisa, que nao é legal, e que nao vai dar certo.
    Se vc tiver como escolher, e ainda nao o ama, por favor, nao faça isso.
    No inicio é tudo muito bonito. Mas a pratica é um pesadelo sem fim.
    Corre!!

  3. Pega o turbo e corre, mas corre mesmo vc não sabe o que é sofrimento um relacionamento com homem que tem filhos, no começo tudo é lindo, mas depois é um verdadeiro caos. Pesquisa muito o que é ser madrasta (youtube, blogs livros e tals.), se eu tivesse ouvido os conselhos do meus pais para não me envolver com homem que tem filho, teria evitado um depressão, tentativa de suicidio, crise de pânico e tratamento psiquiatrico, vou te dizer uma coisa vc envelhece 10 anos em 1 ano.

  4. Sua família esta certa isso não é preconceito eles se preocupam com vc mas como eu tenho certeza que vc não vai escutar ninguém, boa sorte vai precisar

    1. kkk acho que todos aqui nos comentários também pensou assim “mas como eu tenho certeza que vc não vai escutar ninguém”

  5. Olha não é preconceito, é a realidade!!!!

    Homem com filho sinônimo de futuro com problemas… Eu casei com um homem que tem um filho, ele não mora com a gente e já é difícil, imagina 3 morando juntos!
    Desculpa, mas se quer mesmo entrar neste relacionamento leia mais sobre enteados e madrasta!

    Boa sorte

  6. olha, pra ser sincera tbm tenho preconceito. eu não faria isso
    mas se você está feliz e quer isso mesmo, então vá em frente, namore com ele, se não der certo ok, mas pelo menos você tentou, muito melhor do que você sofrer por algo que nem tentou pela opinião dos outros!!!não ligue para o que os outros digam, apenas para seu sentimento!

  7. O que seus pais falam é para seu bem. é muito complicado uma mulher (sem compromisso) se relacionar com um homem já com 3 filhos. Ou vice versa. Eu que sou homem (não tenho filhos) já acho super ruim também.
    Pensa muito para o seu bem! Não vá logo de cara. É como alguns aqui mencionaram: que ele na verdade possa ou esteja procurando uma babá. Hoje em dia é poucos que querem tem um relacionamento sério, por que só querem ficar pegando ali pegando aqui e logo vem IN-responsabilidades. Então pensa!!!!

  8. O que posso te dizer por experiência própria (padrasto) é que com o tempo torna-se uma relação muito difícil de administrar, mesmo havendo muito sentimento pelo casal. São raros os casos em que a(s) criança(s) aceitam tudo numa boa, não criam problemas e te respeitam de fato como madrasta ou padrasto. No mais, você nunca será a mãe ou pai, daí, por mais que você não concorde e ainda quem a(s) criança(s) vivam sob seu teto, não poderá se intrometer diretamente na educação dela(s), tendo muitas vezes que aguentar tudo calada. E como já é de se esperar, em um conflito, sempre, absolutamente sempre, o pai ou a mãe vai ficar do lado da(s) cria(s). Resumindo à você, a longo prazo será um relacionamento tóxico e são raros os casos que prosperam. Se desejas seguir em frente, e pagar o preço, como eu fiz, te desejo muita sorte, pois você vai precisar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar