Será que já superei?

Já faz um tempo que não falo com ele e que não o vejo, quando ele disse que não sentia mais nada por mim foi bastante difícil eu seguir em frente mas lutei de mais, já fazem quase 7 meses que isso aconteceu e eu comecei a praticar jiu-jitsu no mesmo local que ele ensaia e eu sabia que era questão de tempo até nós nos cruzarmos, e a alguns dias eu ouvi a voz dele vindo de uma das salas e espreitei pela janela e o vi mas o meu coração não reagiu apenas olhei para ele e fui embora. Quando cheguei a casa comecei a me questionar o motivo disso ter acontecido e então comecei a me questionar o que eu estava sentindo, se foi porque eu superei ou porque eu já sabia que ele estava lá e então fui até ao perfil dele e abri a foto e até vi um vídeo dele mas não senti diferença alguma. Agora eu me pergunto o que está acontecendo porque eu amava bastante ele e também sofri bastante por causa disso e as pessoas diziam que ia demorar bastante para ele parar de causar efeitos em mim

5 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Luann
3 months ago

Não necessariamente, porque foi um episódio muito repentino. Mas garanto que se você começar a estimular pensamentos sobre ele, poderá ter uma recaída e as lembranças voltarem a te incomodar. Digo isso porque já levei 8 anos para esquecer uma garota que eu sempre reforçava as lembranças com ela

ana julia
3 months ago

Quando se rompe um relacionamento ainda tendo alguma ligação emocional com seu parceiro, você passa por uma espécie de luto afetivo e esse período é variável de pessoa para pessoa, pois cada qual tem uma tolerância diferente para elaborar frustrações ou perdas. Vc está já em uma fase bem adiantada de superação, uma vez que ao encontrá-lo a sua reação foi a de controle sob o seu emocional e pode acreditar você já está pronta para seguir adiante. O que lhe ocorreu quando resolveu repaginar o passado vendo vídeos e fotos, tem mais a ver com saudades, vontade de resgatar momentos românticos, mesmo já estando consciente de que com ele a sua história já chegou ao fim, mas nada lhe impede que conheça uma nova pessoa na sua vida e que tenha um lindo e romântico recomeço afetivo, com alguém que enxergue em você algo especial e que te valorize como parceira.

Isabela
3 months ago

Eu acho que você não superou totalmente e é normal, cada um tem seu tempo,

Geraldo
3 months ago

Concordo com a analogia sobre o luto. Há 3 anos, de uma paquera com um colega bissexual, surgiu amor e, acabou dele ter “voltado ao armário” e começou a namorar uma mulher. Moramos em mesmo bairro e, o encontrei num Hipermercado, ano passado e, percebi ele “incomodado” ao me ver e ela estando com ele! Despertou em mim foi piedade por ele que tive a constatação de estar com ela por “satisfação social”! Amor meu por ele continua, mas adormecido como uma espécie de “viuvez”: sem sentir aquela atração que me vinha quando o via!

Lulu
3 months ago

Já ou u essa frase:

“Quem se ausenta demais um dia não faz falta”.

Foi isso que aconteceu com você. Ele não estava presente mais em sua vida e com o tempo não fez mais falta por isso nâo sentiu nada.

E que bom, pois não é bom viver no passado, somente demonstra que você está bem e vivendo a vida sem ele.