NÃO ME DOU BEM COM A MINHA MÃE !

Bom, minha mãe é do tipo difícil de lidar, se não for tudo do jeito dela não serve.
Perdi o meu pai com 1 ano de idade e desde então minha mãe luta para dar uma boa vida para mim e para meu irmão.
Meu irmão sempre foi do tipo nem aí com a vida, entrou na faculdade aos 18 anos ( hoje ele tem 24), usou drogas, bebia muito e não estava nem aí de gastar o dinheiro da minha mãe em faculdades particulares onde nunca se formou e hoje ele faz uma faculdade Federal na minha cidade.
Somos 6 anos de diferença, tenho 18, acabei de entrar na faculdade e toda esperança que minha mãe tinha no meu irmão ela jogou tudo em cima de mim.
Eu e ela só brigamos por conta das cobranças exageradas dela, eu namoro já há 1 ano e 5 meses e ela não aceita o fato de eu já ter crescido, tendo ciúmes do meu namorado e não aceitando que eu já possa ter tido qualquer ato sexual com ele.
Esses dias mesmo ela foi me buscar na casa dele me dando tapas na cara e beliscões no meio da rua, eu não sei mais o que eu faço, ela me manda ir morar com ele sempre, me chama de todos os nomes mais sujos possíveis de p*** para baixo, nunca dei motivos para ela me tratar assim, ouço isso dela desde quando eu era pequena.
O que faço ? Não há um dia sequer em que não brigamos !

0 0 votar
Avaliar Desabafo
9 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Amigo
3 years ago

Normalmente a relação de mulheres: mãe e filha; sogra e nora e irmãs, são conflituosas. As mulheres são de “se repararem” muito. Poucas buscam a superação e, a maioria faz comparação e é aí que a relação se tórna difícil. No quesito mãe/filha já ouvi até Psicóloga (que tem filhas!) dizer que o envelhecimento é para a mulher algo demorado a assimilar e, quando a filha é jovem, já mulher, póde causar na mãe a “reação” do tipo: uma idade que ela já teve e Não voltará. Cabe a você buscar propósitos em sua vida: quem sabe antes de namorar focar na faculdade/trabalho, aí sua mãe irá começar a lhe ver como uma mulher, que mesmo tão jovem, mas decidida, com sonhos, buscando seu lugar na sociedade, como se diz, buscando ser uma profissional competente. Sucesso a você.

Ana
3 years ago

Bom,eu sei que é difícil,mas tente ver o lado da sua mãe.
mesmo assim,fale com ela sobre isso.talvez ela mude,talvez não.

Se ila
2 years ago

mata ela com faca na cabeça e mata ela dnv

andy
2 years ago

Infelizmente existem relacionamentos tóxicos entre mães e filhas .A minha sempre me menospresou sempre dize que eu não podia querer mais. sempre sem qualquer gesto de carinho. Não me lembro de um te amo uma cara feliz ao me ver depois de uma viajem. Fui fazer terapia com uns 24 anos. Depois me torne no espiritismo. Passei a entender melhor. Hj dou mãe de um menino, que beijo, abraço, e falo que amo o tempo todo. Orientou mas tbm estímulo. não quero que se torne uma pessoa insegura como a mãe.

Angel
2 years ago

Eu faço faculdade durante a semana, fico longe da minha mãe a semana toda, isso já já 4 anos. Nós éramos muito parceira uma da outra, por conta da distância e do curso muito puxado acabamos nos distanciando, eu não vejo ela mais como minha mãe, não posso contar com ela para nada, eu chego aos finais de semana com tanta saudades, tanta vontade de contar tudo que aprendi, mas não tenho para quem contar, eu me sinto tão mal com essa situação?

Dani
1 year ago

Nos meus 18 anos passava pelo mesmo. Sempre achei que eu era uma pessoa ruim para minha própria mãe não gsotar de mim e me tratar tão mal. Hj com 34,e estando casada,morando longe dela,ela continua fazendo inferno na minha vida,sei que não tenho uma mãe,e sim uma inimiga. Mas nunca consegui compreender o que fiz para chegar a esse ponto,sempre me culpei,mas hoje vejo que fui uma vítima de toda essa minha história. Nunca dei motivo para ser chamada dos piores nomes do mundo,nunca dei motivo para não ter um abraço quando eu precisei. Mas eu entendo hoje que existem pessoas que não são dignas de receber um afeto de ninguém e infelizmente elas podem ser chamadas de “mães”.

morgzayon
1 year ago

Na boa, você já Maior de idade, arrume um emprego, e vá morar só, ou pede ajuda ao seu namorado..morei 8 anos fora, foi muito bom, mas tem 2 meses que voltei para casa dos meus pais, eu e minha mãe não nos damos bem, não aguento maissss, ela tem personalidade forte e eu também, se entromete ne tudo, tive que voltar para casa dos meus pais porque perdi o emprego, não tinha mais como me manter sozinha…ela mede até o papel higiênico para mim usar, hoje fui tomar um suco de uva 100% natural ela deu palpite, o achocolatado ela esconde de mim..não aguento mais isso meu Deus do céu?

Sol
8 months ago

Tenho 34 anos, sou mãe de 2 lindas meninas, minha mãe e eu não nos relacionamos bem, ela sofre de bipolaridade. ela grita e quer tudo do jeito dela, hoje eu pago aluguel para mim e as minhas filhas, pois morar na mesma casa que ela é difícil demais.
Hj eu voltei a casa dela, para ficar um pouco lá, conversar.mas como todos os dias.acabam em briga e discussões.
Já não sei o que fazer.

pedro
2 months ago

minha vida e tipo isto com a quarentena estou toda hora com ela e ela não ajuda esta difícil e ela não tem compriençao

Botão Voltar ao topo