Minha prima é uma ” biscate”

Em dezembro de 2007 conheci um cara foi amor a primeira vista.
O cara diz que me amava, certo dia eu ia namorar com ele mas minha prima dava bandeira que o amava, resolvi nem ficar com ele.
O tempo passou ele começou namorar sério, final de 2008 ele ficou solteiro e começou me cantar novamente cedi aos seus encantos.
Resolvi o deixar de lado mesmo o amando.
Em começo de 2009 minha prima sabendo que eu o amava ficou com ele na minha frente Cheguei chorar, agora o cara continua a me cantar, coloco ele parede para escolher uma das duas, ele quer as duas, até hoje sofro de amor por ele mais minha prima é sempre o pivô.

0 0 votar
Avaliar Desabafo
3 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
s
8 years ago

Se ele a procurou e o dispensou, porque agora se intrometer com ele, esteja ele com a sua prima, com a vizinha, com uma amiga, ou com quem quer que seja?.
Seja coerente! Não haveria lógica alguma em colocá-lo em xeque. Você faria um papel simplesmente ridículo.

aff...
7 years ago

Quer dizer que o lindo-lindão quer “as duas”, você e a sua prima?
Mas que coisa meiga(linha) da parte dele, não é mesmo?
(Eu acho que ele deveria ser mandado lamber sabão o quanto antes.)
Enfim resolva-se você mesma a respeito dele, deixando de lado a sua prima – pois ela não é criança e que tome também as próprias decisões.
Se você acha que ele gosta de verdade de você, que ele a respeita e que a honraria com o título de namorada oficial, e que de fato você pode gostar de um cara que pensa em duas ao mesmo tempo, então pode aceita-lo. Mas se quer uma opinião, digo desde já que ele quer é farrear às suas custas e às custas da sua prima. Então pobrezinha daquela que cair na lábia dele.

mayra
7 years ago

Sua prima não tem culpa de nada. Ela pode ser, sim, ser “responsável” pelas próprias atitudes, aqui tidas por você como pouco adequadas, assim como você mesma por não afastar-se dela o necessário, caso ela a desagrade como companhia.
Porém, por você permitir a aproximação de um rapaz volúvel, ou pelo modo como ele se comporta em relação às garotas, sua prima não tem culpa e nem poderia ser responsabilizada.
Você não deve inquirir pessoas a respeito do que pretendem em relação a outras pessoas. Não deve abordar um rapaz e dizer “escolha”. Quem é você para cobrar dele alguma atitude, afinal? Pois se suspeitava que ele não se interessava por você com afeto verdadeiro, bastava dizer a ele “não” quando ele se aproximou.
Quem diz o que não deve, ouve o que não quer.
Foi o caso aqui. Fez a ele uma pergunta inadequada e ouviu uma resposta desaforada.
Se o garoto tivesse alguma intenção séria em relação a você, ele saberia o que fazer a respeito. E se não fez nada, foi por realmente não ter interesses legítimos. Prova disso é o tipo de proposta que ele teve a coragem de despejar nos seus ouvidos.
E sabe por quê? Porque você estava lá, dando atenção e fazendo perguntas ridículas.
Aceite que o cara é mal-intencionado, pare de ficar aí toda ansiosa perguntando coisas sem nexo. Acalme-se e mostre mais serenidade, ou vai parecer uma garota histérica sempre “dando bola” para garotos mal-intencionados e colocando a “culpa” na sua prima.

Botão Voltar ao topo