Minha irmã engravidou do meu marido

Bom dia. Tenho 33 anos, meu marido 32 anos e somos casados há 8 e não temos filhos,

Tenho só uma irmã mais velha de 37 anos, que tem minha sobrinha de 25 e está divorciada.

Em comum acordo entre os três, decidimos apimentar a relação, fazer algo a 3, mas somente uma vez.

E nesse ato, minha irmã acabou engravidando no meu marido.

E agora não sei bem o que fazer.

Será estranho ter uma sobrinha, que o pai é meu marido.

Eu assumir a maternidade da criança, e quando ela crescer, dizer que minha irmã foi barriga de aluguel

Eu assumir a maternidade e nunca contar nada para a criança

Minha irmã assumir a maternidade e meu marido ser pai presente, mas sem falar que é pai.

Assumir que erramos todos na escolha, contar a verdade para criança (não sei se ela vai entender quando ficar mais velha)

Estou confusa ainda.
Todos nós 3 somos bem flexíveis e fáceis de lidar. só é questão de uma orientação de vocês

0 0 votar
Avaliar Desabafo
9 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Kagura
5 months ago

A primeira coisa a ser avaliada aí é se sua irmã realmente vai querer ter a criança. Em caso positivo, mantenham tudo as claras e não mintam em nada. Essa será a melhor forma de não ferrar com a saúde mental da criança no futuro.

Sei lá
5 months ago

Sua irmã também teve relação sexual com você? Ui.

Observador
5 months ago

Foi bem precoce sua irmã, 37 anos e com filha de 25 anos!

Ana Júlia
5 months ago

Vários adultos fazendo um menagè, sem se precaver com método anticonceptivos? Que falta de noção! Algo não me inspira confiança nessa história e não descarto até mesmo que essa gravidez tenha sido de comum acordo entre seu marido e a sua irmã, pois como você não gerava filho, foi uma forma que encontraram para você ter uma criança para você tambémm cuidar. Essa situação foi de uma imprudência que qualquer escolha que você faça, de falar a verdade ou mentir para a criança no futuro, sempre irá trazer problemas para a sua formação. No Brasil não existe a opção do aborto, nesse caso, a melhor solução é cada qual assumir seus papeis na vida da criança e com o passar dos anos, tentar fazê-la entender que adultos também erram e que essa família agora terá um formato não convencional.

Lisbela
5 months ago

É o seguinte,
Sua irmã quer ter esse bebê?
A opinião a ser levada em consideração é a dela, pois o bebê está dentro dela e seria ela quem vai passar 9 meses de gestação difíceis, ela já não é mais jovem, terá que ter mais cuidadoras do que teve com a primeira gestação. Sem falar na dor do parto e a recuperação, o resguardo,. Se, mas somente se a sua irmã planeja ter esse bebê, aí vocês passam a pensar na próxima hipótese.
Seria, Sua irmã abriria mão do seu próprio filho para dá-lo a vocês? Eu não acredito nessa hipótese, mas se ela lhe entregasse esse bebê você seria capaz de amar essa criança como se fosse sua? São milhares de sentimentos envolvidos,
Agora, se fosse eu, no seu lugar, iria contar logo para todo mundo que você fez exames e descobriu que não poderia ter um bebê e então sua irmã aceitou trazer seu ou sua filho ou filha ao mundo para vocês. Muito diálogo, muito zelo e muita atenção precisam surgir nessa hora. Pois a vida é muito valiosa, receber uma criança em nossas famílias é um presente dos céus! Boa sorte! Que Deus ilumine o caminho de vocês e principalmente, a dessa criança!

Nana
5 months ago

Parei de ler quando ela falou que a irmã tem 37 anos e a sobrinha 25. Mentira a história.

Erick
5 months ago

Mulher de Deus,Sexo a 3, A 3° pessoa tem que ser sempre desconhecida, para não ter nenhum afeto, é regra, senão da b.o,.
Porém se eu tivesse no seu lugar, acho que optaria pela opção da BARRIGA SOLIDÁRIA,e fim de papo,

Sincerao
5 months ago

Credo, que situação hein.

SS
4 months ago

Mana do céu, justo com a sua irmã?

Botão Voltar ao topo