Insatisfeita com marido

Casada a 11 anos, temos 1 filho.
Desde o começo do namoro já percebi que não ia dar certo, mas resolvi dar uma chance para ver se mudava.
Ele muito mimado, homem sem atitude nenhuma, tímido.
Eu nunca tive uma vida fácil, fui obrigada a amadurecer muito rápido, trabalhava desde menina, tinha muitas responsabilidades.
Ele nunca precisou trabalhar, tinha tudo na mão, todos faziam suas vontades.
Desde o início do namoro, sua mãe me mudou, pois não era da mesma classe social que a deles.
Eu até cheguei a falar isso com ele, mas ele insistia em ficarmos juntos.
Moramos juntos um tempo, nos casamos por pressão da minha parte, pois não aceitava ficar amasiada.
Eu nem o amava tanto assim, casei para me livrar dos meus pais e sogros que só sabiam nos criticar, não nos ajudavam em nada.
Ele é uma pessoa muito boa, responsável, trabalhador, não deixa faltar nada em casa.
Mas peca demais em outras coisas, é muito avoado, deixa tudo para eu fazer, desde que fiquei grávida então, piorou.
Nunca me ajudou na madrugada, eu sempre exausta e ele nem percebia.
Acha que só porque trabalha fora não precisa ajudar em casa.
Não lava uma louça, uma roupa, é bagunceiro e muito criancao.
Sexo sempre foi ruim, mas agora piorou.
Eu tento conversar, fala que vai mudar e nada.
Deixava a família se intrometer em tudo, minha sogra fez da minha vida um inferno. Tive que dar um basta, senão ia enlouquecer.
Enfim, são 11 anos engolindo sapo dos outros, ele nunca me defendeu, casamento de mal a pior.
Eu sou muito nervosa, e fico como a bruxa da história, pois a pessoa não tem atitude para nada.

Ler
Marido é alcoólatra
Etiquetas
insatisfeita

5 Comentários

  1. Segundo o que se observa desse seu relato, são tantos aspectos disfuncionais nessa relação, que sinceramente não entendo como vocês conseguiram sobreviver por onze anos juntos: Sexo ruim, interação com seus sogros conflituosa, incompatibilidades múltiplas, a qual você não se adapta a personalidade, natureza e modo de agir do seu par, enfim, os únicos aspectos que o coitado consegue ter alguns pontos positivos com vc, é pelo fato dele ser responsável com o seu trabalho e por lhe prover com todas as suas necessidades materiais. Acho que você só está se enganando e tomando o tempo do seu par, pois em um relacionamento que não existe respeito ou admiração mútua, é só atraso de vida. Você não tem a capacidade de mudar as pessoas, mas você ter o livre arbítrio de escolher o que é bom para vc, portanto, repense a sua vida afetiva e tenha você atitudes para definir o que você quer para a sua vida. Se ele não serve para vc, deixe-o encontrar uma parceira, que o ame do jeito que ele é e vá você buscar quem mais se alinha as suas exigências. Se for encerrar a relação, só não a faça pela traição, mas como pessoas civilizadas, encerrando o casamento pelo diálogo.

  2. Como sempre os relatos postados por mulheres aqui retratam elas como as perfeitas da relação e o homem como o problematico.
    Quer dizer que você não apresenta nenhum defeito forte? Você é realmente perfeita?
    Caso fosse não teria insistido na relação, a verdade é que você possui tantos defeitos quanto seu esposo e por essa razão esta presa a esse relacionamento.

  3. Tenho sim muitos defeitos, assim como todo mundo.
    Pelo jeito da resposta percebi que é homem descrevendo, agora se partir um pensamento desse de uma mulher, a empatia passou longe, pois não sei como outras mulheres gosta de rebaixar e não estender a mão para outra.
    Não sei se realmente leu o relato, mas como você reagiria se tivesse que empurrar a pessoa para fazer tudo na vida, como se fosse seu filho.
    Um marido que larga a responsabilidade de ser mãe só para vc.
    Se você tivesse um marido assim, duvido que ia aplaudir.

  4. Oi. Você disse que o sexo sempre foi ruim e piorou. Pq você diz isso? Você pode descrever o que é ruim e o como você gostaria que fosse?

  5. Só o fato dele ser trabalhador já devia ser colocado em um pedestal. Quer que ele chegue do trabalho e vá fazer a janta? Passa a semana ralando para trazer comida para casa, e no final de semana tem que aturar esposa que nem faz um sexo oral sem reclamar?

    Maioria das Mulheres gostam é de vagabundos mesmo. Daqueles que mete a mão na cara se tu abrir a boca para falar algo. Nesse caso, tem orgulho de falar que tem um marido bom.

    Eu não trabalho, nem estudo. Sou casada há 6 anos, só cuido da casa, da nossa filha e do meu rei. Sim, trato meu marido como imperador da casa dele. Lá no trabalho, ele tem que seguir regras, gerar lucro para empresa para poder trazer comida para casa. Aqui em casa ele manda, ele desmanda, ele pisca, eu faço!
    Eu acordo ele todo dia com um boquete de babar as bolas dele, se ele quiser meter até no meu ouvido, ele pode. Meu prazer é deixar meu amor satisfeito. Meu prazer é deixá-lo pleno!
    Ele não bebe, não fuma e não gosta de sair de casa, somente de vez em quando jogar bola, e mexer no carro turbo que ele tem que dá mais oficina que prazer.
    Poxa vim de família muito pobre e ter um marido que me deu a honra, e o prazer ter um apt no meu nome, um carro e uma filha. Merece ter os pés lambidos quando chega em casa.
    Homem é simples: eles precisam de contas pagas e sexo! Somente isso!
    É só deixar as bolas do teu macho bem vazias que ele não vai ter tempo de pensar em comer outra!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar