Problemas da Vida

Eu odeio a faculdade federal

Faculdade federal é uma grande bosta, não se iludam.
A gente paga com a alma e com a sanidade mental.
Os professores não estão nem aí, saem socando conteúdo, socam trabalho e esperam que a gente descubra que passou um trabalho e o prazo de entrega.
Se isso já não bastasse, alguns pegam birra da gente e zeram a nossa prova.
Falam da gente por trás. Riem da nossa cara. Eles já estão com o salário pago para o resto da vida, então por que se preocupar?
Eu odeio a faculdade federal.

6 Comentários

  1. Me desculpe mas o que você acredita que é a realidade da vida brasileira?

    Você acha que quando trabalhar a empresa não vão te socar trabalho e exigir eficiência equivalente a 3 trabalhadores?
    Ou que não vão te sugar a beira de você ter um colapso mental?

    Que seus colegas não vão te sabotar? E Se isso já não bastasse, alguns vão pegar birra da gente e tentar desmoralizar a gente ?
    Acha mesmo que sue chefe não vai te cobrar sem se importar se você precisa de descanso, de dormir, de comer, de ter um tempo com a família?

    Se você tem herança de papai e mamãe para te sustentar a vida toda, então saia da faculdade que está te treinando para vida real. Não se iluda ser trabalhador brasileiro é isso aí! Só estão treinando para vida!

    E digo mais se comparad a cobrança da faculdade brasileira com as internacionais te garanto que a brasileira é moleza, reclama quem não quer ser humilde e se esforçar. Estude e amudereça !

  2. Não generaliza. Existem professores públicos que se importam e se dedicam. Toda profissão tem seus bons e maus exemplos.

  3. Ficar com raiva e frustrado às vezes é normal. Eu no seu lugar adotaria uma outra perspectiva… estudar numa faculdade federal é um privilégio, essa que é a verdade. Respire fundo e aproveite tudo que uma universidade federal tem para oferecer!

  4. Coitade/coitadx não teve um bom corpo docente…
    Embora, também tenhamos que nos auto-observar, não vale só apontar com suposições o erro dos outros, tenha evidencias. Comece a ver a sua atitude dentro da instituição, comece a se ouvir quando falar com seus professores. Seja sempre gentil e mantenha a postura com educação, mesmo que esses não a corresponda. Por “lei” (na verdade está mais para uma regra de convivência, consciência e reconhecimento), eles são “obrigados” (tá mais para condicionados) a te dar assessoria e auxilo nas atividades. Por mais que também tenhamos que fazer a nossa parte nisso. Então sempre tenha em mãos o calendário acadêmico, o calendário de atividades da turma, datas das provas – que sempre estarão no sistema junto com a data de entregas das atividades. Se por acaso você não encontrar, converse com os colegas da sua turma, de outras turmas ou vá a secretária. Converse com o coordenador de curso, ou com algum outro professor que tenha proximidade. Caso isso não ter se resolvido, mesmo quando você e a turma persistir em todas as alternativas possíveis, procure o Ministério da Educação. Outra boa sugestão é ler um livro da Glória Kalil (risos), ou presenter seu professor com um.
    No entanto, se isso te afetar emocionalmente, procure um psicologo. Isso é indispensável em qualquer situação de tensão universitária (risos).

  5. A vida não está fácil para ninguém, mas tente rever que você está negativo e não está vendo da oportunidade que tem de está em uma faculdade boa e pública.
    Muitas pessoas sofrem para pagar uma e outras nem chance tem de pagar ou estudar em uma pública . O importante é que você teve oportunidade e é difícil mesmo.

    Se eu pudesse solucionar o problema de educação no Brasil seria permitir somente a entrada dos alunos a partir de 25 anos, pois o mundo acadêmico é um mundo para te preparar a ser adulto. E entrar muito jovem e despreparado pode ser um grande choque emoncional .
    Talvez seria melhor vicê trancar e tentar outras coisas na vida por um tempo. Sua vaga estará garantida e talvez você se reencontre

    E uma dica ignore pessoas que concordam com tudo e não oferecem soluções. É preferível alguém que seja duro do que falso. Vi os comentários e do pensador foi duro, todavia a realidade do mundo é dura mesma.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar