Problemas no Namoro

Devo terminar um namoro de 5 anos por ela ser ciumenta?

Olá, o meu desabafo será sobre o relacionamento que tenho com a minha namorada a mais ou menos 5 anos.
Nos conhecemos no começo da faculdade, quando tínhamos uns 18 anos, e estamos juntos até então.
O problema é que ela é melosa e ciumenta demais e eu acabo me estressando com isso, inclusive já chegamos a discutir várias vezes por tal motivo.
Eu gosto dela, ela é uma boa pessoa, porém esse atrito está acabando com nosso relacionamento.
Já estamos com planos para casar e montar um negócio juntos, hoje ambos temos 23 anos, porém tenho medo de que esses atritos aumentem no casamento e eu acabe me arrependendo.
Gostaria de receber alguns conselhos de vocês sobre esse assunto, desde já agradeço.

4 Comentários

  1. Ciúmes em demasia, é falta de confiança em si e na própria capacidade de administrar seus sentimentos de posse e de controle sobre a vida do parceiro. Isso é sem dúvidas sufocante e desgasta demasiadamente um relacionamento, por esse motivo, não acho uma boa ideia, manter atividades comuns de trabalho, com uma pessoa com esse temperamento. Se vc já se sente desconfortável convivendo com alguém que fica medindo com fita métrica, o que vc faz ou deixa de fazer, agora imagine permanecer 10 horas, trabalhando com essa pessoa. Vc nunca terá espaços na sua vida para exercer a sua individualidade, será difícil encontrar oportunidades para vc manter um pouco de vida social, mesmo que modesta, como tomar uma breja com os amigos, para variar um pouco o cenário da sua vida, sem ter uma pessoa constantemente olhando por cima do seu ombro e colada em vc. O casamento precisa ter outras motivações, que não seja, viverem as mesmas rotinas, os assuntos tem que se diversificar, cada qual contando suas próprias experiências individuais, pois é enfadonho o fato de levar assuntos do trabalho para a casa, por serem sócios, sem contar que além do ciúmes, terá que gerenciar cobranças, críticas, em momentos que vc só quer relaxar. Não recomendo fortemente essa sua ideia. No seu caso, o que pode minimizar é o fato dela fazer uma terapia, pois sem o qual, chegará o momento que não mais irão ter clima de casal, por ela pesar demais.

    1. cont… Nunca amarre tanto a sua vida a de uma parceira. Relacionamentos não tem apólice de seguros e nem garantias do tempo que irá funcionar. Cada qual tem que ter a sua própria autonomia financeira e seus próprios objetivos profissionais, para terem como se auxiliar mutuamente, em algum momento mais delicado que um dos lados, tenha que administrar, seja pela perda de um emprego ou fechamento de atividade comercial que não deu o resultado que esperava. Essa garota, que vc namora há 5 anos, apesar das constantes discussões pelos mesmos assuntos, que envolve ciúmes, em nada mudou, portanto, um casamento, só irá dar a ela uma legitimidade de um certificado de posse sobre vc, portanto, não será improvável que ela até piore, ao ter maior controle sobre a sua vida. Ela tem que procurar ajuda profissional para se auto entender e ouvir de terceiros, aquilo que ela se blinda ao ouvir de vc durante as discussões, pois pelo visto ela só vive amparada nas desconfianças e isso pode acabar te esgotando.

  2. Ciume doentio de uma pessoa que fosse só esposa já seria estressante, imagine sócia. Viaje ao futuro e anteveja você atendendo uma fornecedora e/ou cliente e depois ouvir os conhecidos comentários femininos: precisava ser tão risinho e se despedir com beijinhos. Isso sendo ameno. Pode acontecer dela nem deixar você acabar reunião ou atendimento e depois lhe dizer: “eu vi vocês paquerando, se olhando fixamente”!!!

    1. Verdade, tenho uma antiga colega de profissão que era uma mulher muito bonita. Um dia ela chegou na empresa que eu trabalhava, toda arranhada e com hematomas. Todos logo imaginaram, que ela havia tido uma discussão doméstica, pois era casada. Na realidade, ela apanhou da esposa ciumenta de um cliente que ela atendia. Todos conheciam o bom caráter dessa vendedora, mas a situação foi interpretada de forma distorcida pela mulher enciumada, apenas pelo fato do cliente tê-la convidado para tomar um café na padaria, pois a outra nem se deu ao trabalho de checar que a máquina de café da empresa, estava em manutenção. O casamento do empresário acabou e a empresa após alguns meses também foi para o saco, pois entraram em um litígio absurdo, o que tirou o empresário, do foco do seu trabalho. As perdas materiais que tiveram, foram enormes, pois ambos dependiam financeiramente da mesma empresa. Foi tenso! A ex dele, brigava até pelos presentes de casamento, que ele acabou cedendo, pelo que fiquei sabendo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar