Traí meu esposo e ele descobriu

Meu esposo é a pessoa mais maravilhosa que existe. So que ele vive para o trabalho. Tudo que o impede de crescimento é eliminado. Inclusive o filho que eu estava esperando. Entramos num acordo, mas no fundo eu sempre fui contra, fizemos o aborto. Não sabia que o aborto é tão dolorido não só no corpo, mas na alma. Por mais que meu esposo estivesse ali, do meu lado, a alteracao dos hormonios fazia com que eu me sentisse só, me sentisse desprotegida. Senti por uns instantes odio, desconfianca, egoismo vindo da parte dele. Nesse momento de vulnerabilidade, eu marquei de sair com um amigo, que inclusive já ficou comigo. Eu fui ao cinema com ele, embora não falasse nada do que tivesse acontecido, e ele sempre distante, eu me sentia acolhida. Acolhida a tal ponto de beija-lo na despedida do nosso encontro, quando o deixei em sua casa. Me senti mal por ter feito isso. Me senti muito mal. Não devia ter feito isso com a pessoa que eu mais amo. Com isso, troquei mensagens pelo celular com essa pessoa, tais mensagens que jamais foram apagadas. Meu esposo, sempre me perguntava se a tinha traido, eu sempre negava. Negava até a morte. So que ele já sabia. Entao alem de o trair, eu também menti. Quando tudo veio tona, eu fiquei sem mundo, eu neguei até ter a certeza de que ele já sabia. Depois o contei, tudo, tim tim por tim tim. Vi seu coração sangrar por toda uma noite, vi o quanto fui sem coração, vi que traição e mentira não valem a pena, vi que perdi para sempre um amor. Suas perguntas de porquês, me faziam sentir nojo de mim, faziam eu ver o quanto fui egoísta, o quanto fui ruim como pessoa. Ele me amava, provavelmente me ama, mas vai fazer de tudo para me esquecer, ele pode me perdoar, mas jamais irá esquecer. Seus beijos, seus abracos, seu cheiro, sentir seu corpo no meu, são coisas que, provavelmente, jamais terei de novo. Sentir a essencia da pessoa, o seu intimo, faz com que ambas sejam uma só. Eu fui a pior pessoa do mundo, com a pessoa mais maravilhosa do mundo.

0 0 votar
Avaliar Desabafo
14 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Hilton
2 years ago

Discordo de você!
Li seu confissão e te digo que você não foi a pior pessoa do mundo e, seu marido nunca foi o melhor homem do mundo.
Seu marido te induziu ao aborto e mesmo contrariada você fez e sofreu as dores físicas e as dores da alma, como você mesma descreveu.
Por ter passado por essa contrariedade monstruosa, naturalmente você precisava de conforto de uma pessoa que não fosse o “monstro” do seu marido, e ai se deu a dita “traição”, que na verdade NÃO é traição!
Portanto cara desabafante, não se culpe nunca, nem pela dita traição e muito menos pelo aborto, ok?
Mais ainda, na minha opinião você classifica este seu marido como o mais maravilhoso que existe porque você é uma mulher carente, e as pessoas carentes se contentam com muito pouco.
Reavalie toda esta situação, se valorize como você deve se valorizar, sacode a poeira, de a volta por cima e vai ser feliz!
Hilton.

Laura
2 years ago

Não sei se esse desabafo é verdade ou é fale, mas se for verdade acho melhor você procurar ajuda psicológica, seu emocional está tão abalado que você sente culpa, sendo que o maior culpado de tudo é o seu marido, ele é um monstro, você vive em um relacionamento abusivo!

Laura
2 years ago

Um homem que induz uma mulher a abortar estando os dois casados em nome da profissão é o ser humano mais egoísta e sem coração que existe. Ele te fez matar uma criança em nome do indivudualismo dele. Te aconselho a procurar ajuda psicológica porque você está sofrendo muito, passou por coisas muito difíceis para se aguentar sozinha. Ele te fez sentir como se você estivesse errada mas não é bem assim que as coisas funcionaram entre vcs. Esqueça ele e refaça sua vida. E procure um tratamento porque o que você passou e a maneira que ele te controla é muito ruim!

a verdade
2 years ago

Não concordo com essa parte de “mais maravilhoso do mundo”. Pelo seu relato a iniciativa do aborto partiu dele e vc, ainda sendo contra, deixou que a vontade dele prevalecesse. Não importa os motivos, nada justifica! Se não quisessem ter filhos, que buscassem alternativas contraceptivas de evitar isso justamente para não ter que se deparar com uma situação dessas. Moça, não estou aqui para lhe julgar pois você precisa de ajuda psicológica e, principalmente, espiritual. Você permitiu que uma vida fosse ceifada e esse “ser” com certeza irá lhe cobrar um dia. Conheço mulheres que não acreditam nisso e por não buscarem ajuda passaram anos atormentadas pelo fantasma do aborto. Busque ajuda para você ter paz e seguir adiante! Quanto ao seu marido, bom.acho que esse “maravilhoso” precisa ser repensado. Você só está olhando o lado bom da coisa mas isso não está fazendo você feliz. Talvez a traição tenha sido uma atitude “desesperada” que você teve pelo dor que o seu marido fez você passar. Enfim, reflita e busque ajuda para você e repense se vale a pena continuar atrás desse homem “maravilhoso”.

Francis
2 years ago

Em toda traição temos culpa, seja ela pouca ou toda. Você quis vingar-se dele, de sua indiferença perante seu estado. Acredito que temos a vida que merecemos, quando não pensamos onde estamos, com quem, ou, se “será que é isso que eu quero?”.
Seu marido é egoísta, não ama você. Ama apenas o ego dele. Não se manda matar um filho que poderia vir saudável, ter uma família.
Assuma a sua culpa que é estar casada com uma pessoa má e por você ser fraca. Depois disto, mude! Seja outra mulher, não deixe suas carências lhe levarem à situações degradantes.
Eu acredito muito que você tem essa força para mudar.

nayara
2 years ago

Como você pode amar um imbecil que te fez abortar um filho? Ele sempre foi egoísta! E se amasse você jamais ia te pedir para abortar um filho dele, além disso ele nunca te tratou como prioridade. Siga sua vida e não se culpe pelo fim do relacionamento. Supere.
Não vá atrás dele.

Júlia
2 years ago

Bom, um erro não justifica o outro. Você escolheu o trair nada justifica isso. O aborto, não é 100% culpa dele pois mesmo contra vontade você concordou e fez. Poderia dizer não, se separar mas fez. Usou isso como desculpa e o traiu. Você não estava bem mas, para ele estava normal afinal você concordou e não disse para ele como se sentia depois. Agora, arque com seus dois erros e siga sua vida e ele a dele. Só o tempo cura.

Yourass
2 years ago

Todo esse “amor” está muito baseado em dependência e culpa por ter sido descoberta.
Você resolveu trair porque tinha vontade de experimentar, fugir da rotina, da realidade, foi leviano da sua parte.
Seu esposo não é esse ser maravilhoso todo, se fosse tudo isso, não matavam um bebé por motivo tão BANAL!
Duvido que tudo isso não seja consequência do vazio que veio após terem abortado. Devem estar pagando!

olga
2 years ago

Em primeiro lugar se você fez o aborto é porque você quis, portanto não venha com essa história de raiva, ódio do que te ocorreu, pois você poderia simplesmente ter criado esse filho sozinha, mas com certeza você deve ter preferido o comodismo, de manter o marido, vai saber se também não vive custas dos esforços do trabalho que ele exerce e cá entre nós nos tempos atuais é maluco que não segura um emprego, pois tenho familiares, com formações a perder de vista, que já está há mais de 2 anos desempregado. Hj quem tem um emprego, tem mesmo que dar o seu melhor e o que se espera é que no casamento, também exista essa compreensão.
Filhos tem que ser planejados e o casamento tem que estar em uma fase bem estruturada para poder oferecer atenção e dedicação. Se não houve cuidados e você engravidou por descuido, você sim tinha soluções para levar a sua decisão adiante, mas preferiu só ouvir a parte dele, portanto, não pode jogar toda a culpa nele. Agora arrumou um estepe. para diluir os seus recalques nesse casamento. Penso, quando você será a dona da sua vida, sem ficar arrumando motivos para você FUGIR das suas responsabilidades e ter autonomia das suas decisões?

yeda
2 years ago

Gabi, ela pelo visto é uma mulher adulta, portanto, a decisão do aborto também foi dela e agora quer fazer ares de vítima. Colocar uma criança no mundo se requer planejamento, tempo, recursos, atenção, dedicação, confiança que o casamento oferece bases sólidas e vontade de permanecer juntos, pois ficar grávida em uma fase de crise conjugal é o pior que poderia ocorrer. Se a mulher se sujeita a viver, por ex: como dependente financeira do marido, nessas condições tem que redobrar ainda mais os cuidados da prevenção. Hj se a mulher adota os recursos anticonceptivos da forma certa, é bem difícil uma gravidez ocorrer, pois existem até os implantes dérmicos que retém a gravidez por até 5 anos, assim como o Diu Mirena e outros. Não é arrumando um amante, que será a solução mágica para tirá-la da infelicidade, pois a grande maioria dos homens só ficam com mulher casada, para diversificar a sua relação, sem ter os compromissos formais, inclusive os financeiros, que neste momento é garantido pelo seu marido esforçado. Se ela não abrir os olhos e o maridão descobrir, analisando um pouco o perfil do marido dela, o mais certo é que ela receba um belo chute. Vai ficar sem o marido e o amante, pois em 95% eles também pulam fora, pois só querem a diversão e não as obrigações;

tina
2 years ago

O seu marido tem personalidade e não se dobra a esse seu lado de vítima. Ele tem uma natureza reta e objetivos de vida, bem planejados, portanto, não force a barra com ele, pois você já sacou que nem uma gravidez, o fez mudar o seu ponto de vista. Filhos tem que ser planejados e os seus cuidados deveriam ter sido bem maiores, pois as mulheres é que tem os melhores métodos de controle a sua disposição. Os homens tem apenas o preservativo, que oferece segurança de até 70% e a vasectomia, enquanto que as mulheres dispõe de recursos que retém a gravidez com 99,9% de eficiência e se associá-lo a higienização das partes íntimas, tabelinha, espermicida, terá de 100%. É mais fácil ganhar na loteria do que engravidar se fizer tudo certinho. Porque não colocou um Diu Mirena? Tem ainda um monte de outros recursos, caso você seja esquecida, fazendo uso de pílulas diárias. Você com seu amante, só vai se dar mal, repense a sua vida, converse com seu marido, sobre essa questão de planejamento de filhos e se o mesmo não for do estilo de querer ser pai e não for transparente na sua posição, então sugiro que se separe e vá realizar a sua vontade com outro homem.

Pereira
2 years ago

Sugiro que assista ao Filmaço chamado “Quarto de Guerra.”

Tem tudo a ver com voces, e no final vai lhe ensinar uma tremenda lição.

Alan
1 year ago

Hoje só é considerada traição quando partir de outrem, nunca de nós mesmos, a culpa será sempre do traído, até que o jogo vire e tivermos que fazer a nossa vez. Parabéns a todos os sábios conselheiros. E aos demais, levantem a cabeça e sigam em frente como se nada houvesse acontecido, pois, caminhamos para o caos eu uma sociedade hipócrita, em um trem desgovernado, nada o deterá. Qualquer coisa, fala que é a vitima ou deleta o meu comentário.

Joao
3 months ago

O primeiro traído é de fato quem trai. Trai a si mesmo (a) primeiro e esta sim é a mais importante, pois quando alguém trai a si mesmo(a), aos seus princípios, então poderá depois fazer qualquer coisa, inclusive matar etc… Dificilmente se encontra um assassino ou ladrão no meio de pessoas com ética, com caráter! Desconfio que minha esposa me traiu, por causa de mudanças de conduta, ela negou, mas acredito que ela tenha feito, ficou quase um mês sem conversar comigo do nada, parecia no alto grau de culpa, mas se ela traiu o erro e o pecado é dela, não consegui ter certeza. Se tivesse terminaria, mas,. descobri traição financeira, ela ganhava 5000, e dizia que ganhava 3000, enfiava os outros dois mil reais na bunda da família dela, descobri tudo investiguei e quase morri de tanta tristeza, a família sabia que ela ajudava com tal valor escondido de mim. Eu trouxa achava que a família dela era a minha família. E olha que eu ajudava eles financeiramente, perdoei dívidas, levei eles para passear, eles riam de mim pela costas, enfrentei uma decepção profunda com ela e familiares. Ela pegava dinheiro da conta da minha filha escondido e dava para os afamiliares. Foi terrível. Sofri muito e ainda desconfiei de uma traição sexual. Tive uma profunda depressao. Foi muita oração e terapia para superar. Quem trai paga. Não se iluda.

Botão Voltar ao topo