Sou incompatível com minha esposa!

Estou casado a 4 anos e meio e quando era solteiro vivia a vida com muita liberdade, nunca fui mulherengo e gostava de namorar por muito tempo quando encontrava alguém, caminhava, andava de bicicleta, praia. Sempre gostei de coisas simples e nunca me importei com grandes coisas, tudo está bom para mim, gosto de rock, música eletrônica, games e até filmes de terror. Ela não gosta de gato, de cachorro e ainda trabalhamos juntos na mesma sala. Do início do namoro até morar juntos foram 6 meses, não tivemos aquele tempo para nos conhecermos por completo. o bom e ruim de cada um(reconheço os meus). No decorrer dos anos passamos por dificuldades financeiras por montarmos a casa, o que limitou minha liberdade. Por conta de traumas de violência armada, ela tem problemas em sair a noite, andar sozinha, e eu peço a ela para entrar na academia, tirar a carteira de motorista para poder ir a igreja(é evangélica) ou levar nosso futuro filho ao médico se um dia precisar, ou seja, quero torná-la forte e independente. Há 2 anos toco nesse assunto. Faço várias coisas chatas que ela curte, e quando peço para caminhar comigo, não tem disposição, quando chamo para treinar direção dá uma desculpa, diz que quer fazer concurso público mas não estuda, diz que quer entrar na academia mas não se matricula, comprou uma bicicleta que fica parada. É amorosa comigo mas brigamos constantemente por conta da nossa incompatibilidade pois sempre acontece algo que não bate. Não sei se devemos ter filhos e permanecer juntos. Se com quase 5 anos estamos assim, imagina com 20.

6 Comentários

  • Nanda 4 de junho de 2018

    Pular etapas em relacionamento da esse resultado, namoro é fase do conhecido, onde o casal compartilham afinidades e desigualdades, vejo muito casais pulando essa fase e o resultado é: casamento destruído, desarmonia, duas pessoas estranhas morando debaixo de um mesmo teto.
    Agora vc está casado seja maduro e aprenda a valorizar as qualidades da sua esposa e a respeitar as diferenças, sugiro tbm terapia de casais, vai ajudar muito principalmente a sua esposa.

    Resposta
  • Fernanda Soweto 4 de junho de 2018

    Pergunta: vc a ama?Está a fim de mais sacrifício?Infelizmente casamento é isso, amor e renuncia.Pessoas diferentes vivendo a vida a dois.Independente se vc namora 6 meses ou 6 anos , não existe seguro .Acredite vc é um ser único, não tem ninguém como vc, o que existem são pessoas complementares e que investem na relação o tempo todo. Jà percebeu que essas qualidades da sua esposa, são típicas da dona de casa e mãe de família QUE VAI ENGORDAR QUILOS no primeiro filho?Se vc aguentar o marasmo siga…senão…

    Resposta
  • MORFEU 4 de junho de 2018

    Perigoso. Se está ruim agora, vai ficar pior depois.

    Resposta
  • ana 4 de junho de 2018

    Vocês possuem naturezas diferentes, de forma que acaba mesmo se tornando desgastante tentar de forma recorrente, movimentá-la na vida, pois já deu para sacar que ela é uma pessoa com baixa vitalidade, desmotivada e acomodada. Se porventura tiver filhos com ela, a pouca energia que ela tem será ainda mais consumida pela experiência materna, portanto, se para vc é importante encontrar outras motivações que não se encerrem apenas nas rotinas do lar, se vc deseja alguém que cresça ao seu lado, que se some a relação e que não se transforme na sua sombra, sem autonomia e dependente de diversas maneiras, sinto te informar mas vc se casou com a mulher errada. Se ela já é assim com 5 anos de casamento, pode ter a certeza de que irá piorar, ainda mais quando tiver um filho. Pense no que é melhor para vc, pois o momento ideal para se tomar decisões é antes de ter filhos.

    Resposta
  • Marina 5 de junho de 2018

    Meu doce amigo… casamento nunca foi, não é, e nunca será um conto de fadas. Você já se perguntou o que é o casamento pra você? O que você espera de um casamento? Já se perguntou se você exerce um bom papel de marido? Se é de fato um companheiro? Será que ela está satisfeita com você e com o casamento? Você já tentou mudar por ela? Você já se propôs a mudar por você? E por vocês? Após toda essa narrativa, será que você ainda a respeita? A questão toda é, o que você deseja pra SUA vida? Ela talvez seja a melhor mulher que você poderia encontrar durante toda sua vida… mas se você não estiver disposto a enxergar… fica impossível!
    Entre tantas necessidades pra um bom casamento existe algumas básicas, entre elas, o respeito, o bem querer, o cuidado, a compreensão… já tentou de verdade fazer tudo isso? Ou é mais fácil reclamar e apontar todos os “defeitos” dela?
    Reclamações estão bem longe de ser algo motivacional. Culpar e/ou colocar o peso das suas frustrações na vida dela também está bem longe de motiva-la a mudar.
    Não a culpe por ser diferente, você pode ser o principal culpado em estar destruindo o seu casamento…. pelo simples fato de não saber o que quer da vida!

    Resposta
  • Khabib Nurmagomedov 6 de junho de 2018

    Separa logo (antes de ter filhos depois tudo fica mais complicado) ou imponha suas vontades a ela de um choque de realidade nela.Boa Sorte!!!

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *