Sou casado e vou atrás de garotas de programa

Olá tenho 30 anos, sou casado faz 10 anos e tenho dois filhos um de 7 e outro de 4 anos, eu amo demais a minha esposa. O problema é que ela nunca me satisfez na cama, sempre a mesma coisa, e eu quero mudar, quero mais, e ela não aceita de jeito nenhum.
Desde o começo do casamento eu vou atrás de garotas de programa para fazer tudo o que minha esposa não faz, ninguém nunca desconfiou disso e nunca dei motivos, faço isso umas duas vezes por semana, será que estou tão errado assim?

6 Comentários

  • Nana 26 de setembro de 2019

    Se você fala que desde o início do casamento faz isso, é pq a culpa não é da sua esposa. Você é viciado e provavelmente sofre de algum outro transtorno ligado a sexo.
    Ter relação com prostitutas, pode colocar a sua saúde e de sua esposa em risco, mesmo que usando preservativo, nenhum método é 100 % garantido, comigo mesmo a camisinha estourou duas vezes e em uma dessas, engravidei.

    Resposta
    • Ariane 28 de setembro de 2019

      Você é nojento! Queria ver se fosse o contrário! Faça um favor pra essa mulher e se separe! Permita que ela seja feliz com um homem de verdade.

  • Kagura 26 de setembro de 2019

    Será que é tão errado assim depredar as finanças da família pra pagar por sexo 8 vezes por mês? Será que é tão errado assim mentir pra família e principalmente pra sua esposa 8 vezes por mês? Será que é errado expor sua esposa a todo tipo de doença graças a sua promiscuidade? O filme é sempre o mesmo. Hoje tá na rua atrás de sexo, amanhã serão drogas e assim vai, afinal se tá no inferno abraça o capeta. No final termina sozinho, miserável e se perguntando por que não cuidou da família como deveria. E cuidar não é ficar em um casamento frustrado, é simplesmente ter a dignidade de deixar sua esposa ir já que não dá mais. É ser presente na vida dos filhos, é zelar pelo futuro deles e isso inclui o dinheiro que você gasta na esbórnia. Acorda, meu caro. Tenho mais respeito pelas garotas de programa que estão ali trabalhando do que por um v*rme mentiroso como você. Como você se olha no espelho todos os dias?

    Resposta
  • Ana Júlia 26 de setembro de 2019

    Quando se escolhe uma parceira de vida, no mínimo tem que haver compatibilidades, que sustente uma relação, justamente para não haver reclamações no futuro de estar convivendo com uma pessoa frígida. Se a sua esposa não atende as suas necessidades sexuais, já deveria ter se separado logo no começo e evitado ter filhos. Que amor é esse que expõe a sua esposa riscos, não apenas por doenças, mas se porventura ela descobrir o estilo de vida que está levando de forma paralela a esse casamento? Eu só espero que os seus filhos não estejam em escola pública, recebendo uma educação meia boca, ferrando com o futuro deles, enquanto você gasta com sexo. Seja homem de assumir a sua vida de solteiro, se separe e vá encontrar uma parceira sexualmente forte, para satisfaze-lo e se for o caso, antes disso, aproveite passar por terapia, para avaliar, se você não tem algum tipo de compulsão sexual ou seu lance entre você e sua esposa, é mesmo de incompatibilidade.

    Resposta
  • Sincero 26 de setembro de 2019

    Amigo, praticamente todo homem casado, noivo ou namorando faz, é normal e salva muito casamento.
    Porém a prática de 8 x / mês é muito alta e perigosa.
    Esporadicamente visitar uma “prima” ajuda, mas na quantidade que você faz é absurda.
    Sobre a sua esposa, converse com ela, tenta apimentar de outra forma, crie joguinhos, desperte o interesse dela ou será que ela está dando também uma “fugidinha”.
    Pense e reflita, mas parta primeiro para o diálogo com sua esposa.

    Resposta
  • Felipe 27 de setembro de 2019

    Te entendo cara, namoro uma mulher maravilhosa a 5 anos e digo por experiência própria, não vale a pena, tenta se controlar, desse jeito você está agindo que nem um cachorro no cio, sexo não é tudo na vida, se dedique mais a sua família e siga a Jesus Cristo, confesse seus pecados e peça perdão para ele, um abraço e boa sorte !

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *