Sou casada mas estou grávida de outro homem

139
341
problemas de infidelidade nos casamentos, relações e namoros

Estou casada há 5 anos e tenho um filho de 2 anos. Meu marido trabalha viajando muito, por isso me sinto muito só.
Conheci outro homem, ele mora próximo a minha casa, ele tem 4 filhos, inclusive tem um de 15 anos com uma conhecida minha, pelo que sei ele é um excelente pai. ele é divorciado e é Advogado e sua família de classe média.
Nos conhecemos e com poucos dias saímos, tivemos uma tarde maravilhosa em um motel lindo, logo de cara usamos camisinha, mas quando fomos para piscina não usamos, foi aí onde vacilámos, no dia seguinte liguei para ele e pedi que ele comprasse a pílula do dia seguinte, ele disse que compraria, mas esperei a noite toda e não me retornou a ligação. fiquei chateada e decidi arriscar.
quando foi no dia esperado a minha menstruação não veio, fiquei desesperada, liguei para ele marcamos um encontro e conversamos, falei que queria fazer um aborto, pois não podia ter aquele filho fora do meu casamento.
No dia seguinte fiz uma ultra, ele foi comigo, mas não quis assistir a ultra-som, realmente foi confirmada a gravidez, nós ficámos desesperados eu pedi para ele comprar o remédio para eu abortar, mas no fundo nem ele e nem eu queríamos tomar essa atitude egoísta.
Decidi não abortar, contei para o meu marido que estou grávida e ele ficou super feliz, contou para os seus familiares e amigos, a cada dia ele fica mais feliz com a gravidez ainda mais que descobri que é uma menina. ..
Gente me ajudem eu não sei o que faço, se contar a verdade ele jamais me aceitaria e me perdoaria. Não quero acabar com o meu casamento, minha família nunca me aceitaria eu divorciada e com filho de outro homem.
O meu amante ficou triste em saber que nunca poderá assumir essa paternidade, perguntou se eu queria que ele participasse dos ultra-sons e eu disse que não. Ele prometeu nunca falar a ninguém para o bem da criança, pois ninguém sabe, só nós dois. combinámos que quando nascer eu deixarei ele ver. mas seguirei com a minha vida. …
hoje estou com 4 meses, depois disso eu procurei ele para conversarmos, transámos duas vezes na casa dele, eu gosto dele mas sei que tenho que continuar a minha vida. com o meu marido e meu filho. .

Anúncios

139 COMENTÁRIOS

  1. Bando de traira julgando a mulher, ela não tem cerebro e tem culpas agora. Mais enfrenta esta da maneira que você achar melhor Deus sempre abre novas portas.

    (3)
  2. Quem nunca pecou atire a primeira pedra todos q estão julgando aí são tão pecaminoso como ela não cabe a ninguém julgar todos nós fazemos coisa erradas porq somos humanos e não santos e fácil pro homem esquartejadar a mulher né sendo q na maioria das vezes é o homem q trai e fas filho fora de casa pra cima de mim com esse falso moralismo criam vergonha gente deixa essa infeliz em paz

    (2)
    • Quem nunca pecou que atire a primeira pedra em um ladrão…valha-me Deus gente, ela não matou ou roubou alguém só meteu chifre no marido, correu risco de se.contaminar com AIDS e passarpor coitado, não tomou a pula confiando no amante, quis abortar e depois ainda voltou a transar com o cara…Demais não? Aí eu penso: mulherada tá louca cuspindo fogo na machaiada traira, mas qdo pisam na bola querem ser tratadas como coitadas! Separa e vai viver sua vida doidona…meu marido ja ficou ate 3 meses no exterior por conta de trabalho e nem por isso fiz dele um pinheiro de natal… O ser humano em geral não tem senso de respeito… melhor é separar, deixar.teu marido pra ter.outra esposa e.ficar

      (0)
    • Grecy traição não é erro! traição é a maior vergonha de cara suja que apodrece a alma por dentro.
      Eu nunca trai e nunca fui traido ate onde eu sei.Pois eu não me envolvo com mulheres de ma indole.
      Traição se perdoa sim,mas voltar jamais!E quem errou pagara perante a lei de deus um dia.

      (1)
  3. Caramba, pra que isso amiga?
    O seu marido estava trabalhando para manter a família de vocês.
    Acredite que ele não merece isso.
    Nenhum ser humano merece uma traição independente de motivos e seja lá qual for o motivo.
    Enfim, não cabe a ninguém julgar sua atitude.
    Boa sorte!

    (2)
    • foi o que eu disse! é a pior das atitudes, e ja que se dá ao direito de expor o caso dela em público aqui,nos da sim o direito de julgar oras! e é um ato completamente desumano e infantil a traição.
      em nenhum momento na postagem ela se arrepende do mal que fez ao marido corno,enganado e humilhado sem saber(um dia sabera e a dor que ele ira sentir..) enfim não mostra arrependimento algum,isso foi a coisa mais fria e sem humanidade que eu ja li na net,(talvez e provavelmente seja um caso inventado pelo dono do site só pra gerar polemica e visitas ao site dele(talvez),mas sabemos que historias são baseadas em fatos reais…e deve haver sem duvida alguma milhoes de casos vergonhosos reais desse pelo mundo afora.
      vergonha,se eu traisse alguem eu me matava
      errar é humano,dilacerar o coração de alguem não é um erro é uma crueldade.
      *detalhe nunca fui traido ate onde eu sei.

      (1)
  4. Não ligue para o julgamento se fosse um homem seria normal como é com uma mulher quanta hipocrisia.
    Não fale nada siga sua vida deixe o tempo rolar se um dia seu marido vim a saber já terá amor pela criança e não lhe abandonará

    (1)
    • Não é, e nunca será normal pra qualquer pessoa que tenha o mínimo de respeito por si mesmo. Não apoio traição nem do homem para como a mulher e nem o contrário. Hipocrisia é achar normal o que ela fez uma vez que muitas ulheres são as primeiras a criticarem os homens.

      (1)
  5. Sua situação é muito complicada, não estou aqui para te julgar, mas acho que você deve falar com seu marido sim, ninguém merece ser enganado dessa forma. Talvez o momento de falar não seja agora, mas em outro momento, só não espere muitos anos para falar sobre isso com seu marido. Não sofra tanto pelo julgamento dos outros.

    (1)
  6. Que bobeira de vcs, CAMISINHA amor, não ter usado foi seu único erro. Sou homem e adoro pegar uma casada, o homem sente mais prazer quando a parceira é comprometida.

    (-2)
  7. Desde já peço desculpas a todos, pelo que vou dizer. De antemão, digo que sou um grande imbecil, porém digo o que penso.
    Acho que todos os argumentos, depois da besteira feita é efêmera e sem cabimento. A pessoa que errou, tudo bem, pode até deixá-la com um sentimento falso de que ela não tem culpa total da coisa. Foi algo estranho, uma força do universo que a fez errar. Ignorância total da sociedade. Eu acho que esta senhora, deveria, pedir o divórcio e, se o cônjuge insistir no motivo, contar a verdade. Quanto ao filho, o problema já foi praticado pela mãe, portanto, o melhor que se possa fazer e tentar minimizar os sofrimentos. Quanto as famílias, será um reboliço, porém com o tempo isto tenderá a diminuir.
    Que a vida dessa senhora irá mudar, isto vai acontecer. Se irá sofrer ou não, será problema dela. Ela que buscou isto, portanto que assuma as consequências.
    E para as pessoas que dizem que não se deveria crucificá-la, acho uma tremenda irresponsabilidade como gente, como pessoa humana. Neste universo nós temos regras, que chamamos de leis. Se sairmos fora delas, temos de assumir as prováveis consequências e ponto. O ex-marido irá sofrer, porém, poderá ver esse sofrimento atenuado com o tempo, pois poderá encontrar alguém, que de fato o respeite. Todo ser humano, necessita de uma base. A sua origem. Quando isto nos é tirada, perdemos o norte. Se apaga com a borracha. deixamos de existir. E quando a base é falha, muda também a nossa base, os nossos princípios, pois naquilo que creditávamos, deixou de existir. Desculpem-me minha ignorante opinão.

    (3)
    • Perfeito SEU COMENTÁRIO, racional e sem partidarismo. A questão aqui não é ser humano ou errar, e sim continuar no erro de mentir, trair e de não assumir as consequências. Pior ainda é dizer que é normal e certo simplesmente porque os homens traem. Ué, desde quando nós mulheres precisamos ser iguais aos homens nos mínimos detalhes bem como naqueles que NÓS SIMPLESMENTE DETESTAMOS? (como é o caso da infidelidade).
      Não se trata apenas de transar com o visinho, mas de engravidar dele, manter uma farsa e continuar saindo com ele sem se preocupar com os sentimentos alheios…eu tenho dois filhos, não quero isso pra eles…é muito fácil cruscificar um homem quando você parece ser incapaz de se por no lugar dele avaliando que macho ou não também possue sentimentos.
      Definitivamente, é triste ver que o ser humano não evolui emocionalmente, a mulher atual tem achado mais fácil sucumbir as mazelas do mundo machista e enfermar-se com elas do que lutar contra elas moldando os nossos futuros homens da forma como gostaríamos que eles fossem…é o velho ditado: se não podemos ir contra, juntemo-nos…triste!

      (0)
  8. Tem q confessar… Vai continua traindo?. Faz isso não. As consequências são amargas. Errar todos nos erramos. Vc tem q ter o carácter de falar a verdade. faz o certo, fala p ele q vc traiu… Aconteceu. Ele vai te largar e vc vai ficar na boca do povo. Porem é as consequência. Não faça c ninguém oq n quer q faça c vc.
    Escolhe seu caminho. Da tempo da verdade… Porque ele vai saber d todo jeito. Pensa lá frente…

    (0)
  9. Como diz o ditado, errar é humano, mas permanecer no erro é burrice! Pra mim a maior traição é a criança não saber quem é o pai verdadeiro e o esposo criar uma filha como filha, não sendo. Tenho 4 filhos com três mães diferentes, mas nunca fugi às minhas responsabilidades pq tenho temor a Deus. A verdade tem q prevalecer!!!

    (0)
  10. Comigo aconteceu parecido, só que não enganei meu marido, tinha contado sobre o caso e dias depois descobri que estava grávida o outro me disse q não queria responsabilidade e me mandou remédios abortar.

    Eu recusei e estou esperando uma menina, meu marido está a meu lado e me arrependo de tudo, menos de ter minha filha, pois ela é minha.

    (0)
  11. Eu to passando por algo parecido, só que na e época nos estávamos brigados, engravidei, e depois de muitas semanas sofrendo calada, contei tudo pro meu marido, a primeira reação dele foi de estamos juntos, e vamos lá, mas depois disse que não sabe se vai ter coragem de assumir se a criança não for dele, pois não tenho a certeza que seja do outro. To com 5 meses, e sofrendo com o distanciamento dele, mas tenho que seguir em frente. Já temos 2 filhas e está vindo outra menina….

    (0)
  12. JAMAIS conte a verdade para seu marido. Você destruirá seu casamento, destruirá a vida dele e das duas crianças envolvidas (seu filho com ele e o bebê), tudo por um sentimento egoista de ficar bem com vc mesma. Se alguém tem que sofrer nessa história, é quem fez a cagada, ou seja, você. Você merece carregar esse segredo – e essa culpa – para o túmulo.

    (0)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here