Problemas no Casamento

Sinto pena e até nojo pelo meu marido

Sou casada há 28 anos ,ele foi meu único homem, fomos felizes por anos temos 3 filhos, relevei muitas coisa porque amava, mas tem 2 anos para cá que não sinto nada, por ele só pena, não nos entendemos mais, tenho até nojo, pois ele só encosta mim para se satisfazer e mais nada.
Nem pensa que preciso de atenção, amor, carinho e tem mais esta cada dia mais desligado da família, parece que não existimos, me afasta a cada dia mais dele, não fazemos nada juntos, ele reclama de tudo, só procura briga dentro de casa, e quer ser respeitado, joga tudo na nossa cara, desde a casa que ele que fez até a comida que comemos.
Pedi a separação a ele já por três vezes, daí ele se faz de mudado, mas por alguns dias, diz que não quer, que não é justo mas eu não sinto mais nada e estou perdida. me sinto usada, não quero que ele encoste em mim. o que fazer? ele não aceita o fim mas a anos não vivemos como casal

6 Comentários

  1. Penso que vocês precisam de ajuda profissional ou pastoral, que possam levá-los a restaurar o relacionamento conjugal. Mas como fazer? Voces precisam encontrar um meio de buscar ajuda. Quando a situação chega a esse ponto é necessário repensar a forma que estão vivendo. É como uma doença grave. Precisa de médico e remedios. Certamente vocês não conseguem mais dialogar. Deus os abençoe.

  2. Todo casal maduro passa pelo que vocês passam. Filhos crescidos e hoje com a situação econômica nacional em crise: cabe aos pais receberem a nova familia dos filhos: a noiva do meu sobrinho foi morar com ele. Meu irmão e minha cunhada pensavam que curtiriam a vida de aposentados mais sossegados, meu irmão enfartou. Quando não adoece, o homem maduro fica que nem seu marido: ranzinza, lembrando das despesas da casa, é hora de sentarem e conversarem: há quem busque apartamento pequeno para morarem a sós, deixando casa ou apartamento que moravam para a prole: para que tenham a obrigação de manterem a residência sem os pais que já fizeram um grande ato: deixarem eles sem ter que pagar aluguel ou financiamento pela moradia.

  3. Infelizmente quando se perde o respeito mútuo na relação, ficar complicado reconstruir algum clima entre o casal. Acredito que as duas partes falharam, cada qual com suas parcelas de contribuições para deixar a situação chegar a esse ponto, pois o cenário que vc vive hj é vendo o seu marido, ficando cada vez mais ausente da sua vida, talvez até mesmo para se esquivar de ter que ficar administrando novos conflitos, cobranças, suas carências transformadas em olhares enraivecidos e descontentes, pois até o último ele que poderia gerar uma intimidade maior para o casal foi rompido, que é o sexo. Vcs não tem mais momentos algum para relaxar e tentar um diálogo para tentar negociar algumas mudanças positivas para essa relação. sendo assim cada uma das partes fica remoendo as suas próprias razões, seu orgulho ferido, para ficarem tão distantes emocionalmente. Vcs poderiam tentar uma terapia de casais, para arbitrar essas diferenças e observar se existe como reconstruir esse casamento. Separação também implica em outras perdas, pois lembre-se o que ele recebe de rendimentos para manter o lar, vc só poderá contar com a pensão dos filhos e o que irá possivelmente te obrigar a buscar seus próprios rendimentos, terá ainda que cuidar de 3 filhos, quase sem a ajuda presencial dele, terá que dividir o patrimônio da casa, pois ela poderá ser vendida, para cada qual ter 50%, dentre outras situações e a pior delas enfrentar a tristeza dos filhos..

  4. Toda vez que você pedir separação ele vai se fazer de mudado mas logo tudo estará da mesma forma. A atitude final deve vir de você, no estágio que está já não tem o que mudar, voce merece ser feliz mas tem que dar um grande passo para isso acontecer, mas sei que para dar esse grande passo tem muitas coisas envolvidas a sua volta, medo de se arrepender (mas garanto que isso não irá acontecer) lembre-se sempre que a vida é curta e você não deve ter medo de arriscar.

  5. Ele não precisa aceitar o fim. É só você entrar na justiça pedindo o fim da relação e conte que ele te maltrata psicologicamente , ele vai receber uma ordem pra sair de casa. Você pode denuncia lo na polícia também, abuso emocional é crime . Vocês estão juntos há 28 anos e a casa é sua também . Você não é obrigada a fazer sexo com ele! Diga não. O corpo é seu. Se quer se libertar você precisa dar o primeiro passo.

  6. Na minha opinião a partir do momento que o casal perde a admiração um pelo o outro, e o prazer de conviver, acabou!! Cada um pro seu canto, vida que segue. Desejem o bem um para o outro, façam a partilha dos bens de forma justa, e cada um vai viver da forma que achar melhor. Claro que o divórcio sempre é a ultima saída, mas se conviver com o outro é um fardo, perde-se todo o sentido do casamento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar