Sem condições de morar sozinha, precisando morar.

Estou com 25 anos e moro com minha mãe e um irmão doente, o convívio em família está cada dia se tornando mais difícil, pois os dois tem hábitos muito diferentes do meu, como por exemplo, não tem apego material, então todos os dias por descuido, quebram pratos, copos, e eletrodomésticos, e como já estão habituados a quebrar, acabam improvisando outro meio, por exemplo usando garrafas descartáveis e fazendo gambiarras, aí quando é algo de uso pessoal recorrem a mim, que sempre acabo estocando minhas coisas. Eles também não pensam no dia de amanhã, minha mãe adquiriu um vicio de jogo de baralhos nesses últimos 5 anos, que a fez ficar mais preguiçosa e relaxada, e o jogo é contra o computador, como a renda da minha família é muito pequena pois minha mãe é costureira (trabalha por conta própria) e meu irmão é doente e não trabalha, temos um prejuízo muito grande, eu estou no meio da minha faculdade ainda e acabo por não conseguir trabalhos que paguem mais do que estagio.
Eu não sei o que faço, pois quero e preciso me afastar deles para poder ter uma vida normal, porque além de tudo pela doença do meu irmão não posso trazer ninguém em casa, pois nos falta condições mínimas de higiene, e durmo no mesmo quarto que os dois, nossa casa é apenas quarto e cozinha, não sei mais a quem ou ao que devo recorrer, minha mãe não quer tratamento nenhum do governo, e nem aceitar o fato de que ele é doente, mesmo ele tendo 35 anos e nunca ter saído de casa, ela ainda acha que um dia ele vai melhorar. É difícil, pois já tentei ajuda-los mostrando alternativas e saídas que poderíamos melhorar e crescer juntos, mas ela cruza os braços para qualquer alternativa, não tem interesse em progredir, nem em crescimento, e eu vejo a cada dia ele cometendo dentro de casa coisas absurdas! Porém somos uma família pequena, não posso deixa-los sós. Quero apenas morar próximo a eles, não mais morar com eles, mas não tenho condições financeiras de alugar nem comprar nada, e ir pr pensão ou republicas iria deixa-los muito abandonados. Como fazer?

3 Comentários

  1. Mais dia, menos dia, uma Assistente Social ou Agente de Saúde comparecem para uma visita e a casa pode ser interditada e ambos removidos para instituições de cuidados especiais.
    Sua mãe está tão doente quanto o seu irmão. Algumas doenças não são contagiosas, mas são fortemente ‘contagiantes’. Pode ser um auê imenso, mas você mesma pode acionar o Poder Publico. Então talvez ocorra.

  2. .ocorra a interdição.
    Se a sua mãe tem problemas psiquiátricos, ela não é responsável totalmente. Normalmente por uma ação judicial o Juiz determina a internação de ambos para tratamento, em geral em casas de saúde do Estado. Medida bem dramática, aliás, e que separaria sua mãe do seu irmão talvez por muito, muito tempo.
    O fato é que você não pode permanecer num lar assim. Ou toma.

  3. . toma medidas judiciais bem radicais, ou de fato sai daí. O mais em conta é uma pensão feminina, talvez. Nem por isso os esquecerá. Talvez semanalmente os visite. E quando estiver preservada e distante disso tudo, pensará com mais isenção em talvez falar com um advogado ao menos para saber as opções.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar