Problemas de Infidelidade

Porque não confio na minha namorada?

Estou namorando com ela a exatos 2 anos e 5 meses, sempre fui um homem muito namorador, nunca gostei de ficar solteiro, sempre sai de um relacionamento, ficava 3, 4, 5 meses solteiro e já entrava em outro relacionamento, nenhum dos meus relacionamentos anteriores duraram tanto quanto esse meu namoro atual, nos meus relacionamentos passados nunca tive uma tentativa de sucesso, nem muito menos um termino tranquilo e sem turbulências, no meu primeiro relacionamento minha ex terminou comigo e passado-se 2 semanas apareceu namorando com meu melhor amigo na época, no meu segundo relacionamento eu não fiz muita questão de dar certo pois estava começando a minha “vida de balada” e preferi terminar para pode aproveitar, no meu terceiro relacionamento eu fui traído em plena festa junina, no quarto por inveja e maldade dos outros durante a viajem de formatura da minha ex namorada falaram para ela que enquanto ela estava em Porto Seguro eu estava aqui em São Paulo pegando todas, o que era mentira, e após ficarem falando na cabeça dela durante três dias elas se viu no direito de me trair, já que pelo o que ela ficou sabendo eu estava traindo ela aqui, não tínhamos contacto nenhum durante a viagem então eu e ela só soubemos a verdade quando ela chegou, e pela fama de corno resolvi não continuar com esse relacionamento, no meu quinto namoro minha ex terminou comigo sem me dar satisfação alguma, e último relacionamento antes desse meu presente eu e minha ex mais recente, terminamos pois brigávamos muito, no começo desse meu relacionamento atual eu tive uma recaída e trai a minha atual com a minha última ex, minha namorada me perdoou e eu me arrependo disso até hoje, porém tenho receio de que ela se vingue caso eu venha a dar motivo, ela não me dá motivo algum de desconfiança, mas por eu ter esse meu histórico falho, e ter dando essa mancada de inicio com ela, fico receoso, mesmo acreditando que isso não virá a acontecer.

3 Comentários

  1. Acredito que o seu receio é que sua namorada pague na mesma moeda o que vc fez com ela. Parece que essa “questão” de traição é algo bem recorrente na sua vida afetiva, com certeza há um certo desiquilíbrio aí. Minha sugestão é que vc faça uma reflexão: o que exatamente vc busca num relacionamento? Ser feliz? Vc acha que alguém é responsável pela sua felicidade? Vc diz que sempre “emendou” um relacionamento atrás do outro. Não parece ser uma decisão saudável. É como se vc buscasse preencher uma lacuna que existe na sua vida, mas nenhum relacionamento que vc tiver será capaz que saciar aquilo que vc busca, pois isso deve vir do seu “ser” e não de outra pessoa. Já que nesse último vc traiu e sua namorada o perdoou, não parece que vc tenha outra alternativa que não seja confiar nela. Veja bem: vc traiu a moça e agora está com receio de vir a sofrer alguma consequência por causa disso. Mas é claro que a vida lhe dará o troco! Vc acha que é só fazer e está tudo bem? Negativo! Pode não ser que vc venha a ser traído na mesma moeda, mas vc irá sim arcar com as consequências da sua atitude. É a lei do retorno! Aprenda com seus erros e busque não repeti-los mais…

    1. Você fala igual um protestante desejando o fogo do inferno para o pecador!
      Nem tudo que fazemos retorna negativamente. Se fosse assim, a palavra perdão seria inútil e sem sentido.

  2. Aí… se ela te trair, sua vida acaba!
    O conceito que você tem de você mesmo depende do que uma mulher faça ou deixe de fazer? É bem razoável pensar assim, já que a maioria pensa mas, considerando como são as mulheres, é suicida.
    Alguém aqui sabe qual é a fórmula para distinguir as mulheres que traem das que não traem, considerando que 50% traem….?
    Ou então a fórmula para saber que sua atual mulher não tem uma amor mal resolvido do passado, que ela não pensa num ex e não terá uma recaída futura..?
    Ou então a fórmula para ter certeza de que ela não irá nunca se apaixonar por um colega do trabalho ou faculdade..?
    Ou que nunca iria te trair durante uma viagem de 1 semana a trabalho, ou para visitar uma tia que mora em outro Estado…?
    Alguém me diga qual a porcentagem de mulheres que nunca cairiam em pelo menos um desses “vacilos”!

    E você quer insistir em depositar sua vida, suas expectativas, futuro nas mãos de outra pessoa? Leve a vida leve, esqueça esse negócio de “corno”. Porque se for olha com uma lupa, corno a imensa maioria dos homens são, nesse exato momento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar