Minha esposa revelou traição suspeita quando ainda namorávamos

Eu a conheci separada de um casamento fracassado. Ela se separou e começamos a namorar. Uma vez, após um tempo desconfiei que estava sendo traído e por sorte consegui provar a traição.
Ela negou até o fim, conseguiu convencer-me de início, mas como a amava muito, deixei passar.
Mais para frente outra atividade suspeita aconteceu e achei estranho, porém desta vez, não tive como provar, apesar dos fatos ocorridos.
Nos casamos, passou um tempo, e num determinado momento, ela sem querer falou a respeito da traição, a primeira, confessando o autor e a minha inicial suspeita.
Na ocasião, abalada com tudo que ocorreu e a minha reação, ela confessa o segundo ato. porém de forma pior que a primeira, pois nesta vez somente revelou a minha suspeita, a qual citei aqui que não consegui provar.
Estamos casados, temos filhos, vivemos estáveis numa relação que perdura 15 anos, felizes em todos os aspectos, porém desde esses momentos sofro com a angústia de perdoar, esquecer definitivamente e seguir em frente mediante tais problemas.
Expondo também o fato de que ela no momento após a segunda traição, não mostrou nenhuma instabilidade, desconfiança e problemas, perdurando até o casamento e no momento atual.
O problema é o psicológico abalado, os problemas que sobrevém com a desconfiança de algo que possa ocorrer outra vez, ocasionado por algo que não se pode cogitar. como da primeira e segunda vez e que não tive culpa. Até que ponto posso voltar a confiar? O que me garante que não possa ocorrer novamente visto as causas normais aparentes são desconhecidas?

0 0 votar
Avaliar Desabafo
8 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Concordo
1 month ago

Perde divorcio e saia logo dessa relação. Você nunca recuperará a confiança nela, não devia nem ter perdoado ou casado com ela para começo de conversa.

William
1 month ago

Há um provérbio chinês que diz: “Se aconteceu a primeira, aconteceu a segunda, com certeza vai acontecer a terceira”.

Isso se nesses anos todos já não aconteceu.

Sei por experiência própria, a confiança nunca mais vai existir.

Qualquer tosse, espirro, palavra ou cheiro diferente, você vai pensar que tem algo acontecendo.

O leite derramado não volta para caixinha, um vaso quebrado pode até ser montado novamente, mas não será mais o mesmo, ficarão as marcas.

Separa e vai ser feliz.

Santoss
1 month ago

Me poupe, você sabia das traições e mesmo assim continuou e casou com ela e agora quer fazer drama?

JovemSSA94
1 month ago

Você sentiu algum tesão ou prazer com a traição? O fato de ser corno te provoca uma sensação prazerosa? Se sim, seja feliz. Se nao, analise a situação,chifre não define caráter de ninguém, se sua mulher te traiu e é feliz com você e você com ela, não deixe que a sociedade defina o rumo de sua relação.

Sincero d
1 month ago

Duas opções: 1) Você como um corno feliz e compreensivo deve perdoar e esquecer, aceitando o fato de ser um chifrudo alegre e de bem com a vida. Enquanto o Ricardão come (Dois caras que você sabe), você abastece e cuida da casa.
2) Você deixa de ser otário, toma vergonha nessa cara, deixa de ser corno e pede o divórcio, seguindo sua vida.

Luan
1 month ago

Saia fora. Muitas mulheres que traem estavam envolvidas em assassinatos por encomenda de seus maridos. Existe uma forte relação porque sabe que você é passivo e no momento de fraqueza ela não consegue se controlar.

ana maria
1 month ago

Ninguém merece uma confiança ilimitada, pois o Ser humano está sempre em processos de transformações, amadurecendo novas ideias e formas de enxergar a vida, sempre, buscando novos significados para obter realizações. Se um homem se relaciona com uma mulher fazendo a leitura correspondente, conhecendo o seu caráter e educação de berço, as chances são bem maiores de haver um melhor entendimento, até mesmo para os momentos mais frágeis da relação, nesse caso, mesmo que a União não alcance longevidade, o respeito sempre estará presente nas melhores lembranças do passado e para o seu filho, a separação quase não será percebida, pelo simples fatos dos seus pais saberem se comunicar de forma civilizada, por outro lado, quando você já se relaciona com uma mulher, com históricos de traição e que já te deu provas que é capaz de procurar soluções fora de casa, pelo chifre, quando algo não se desdobra para atender às vontades da princesinha, mas cabe a você definir as suas escolhas. Só não se iluda, acreditando cegamente que isso não irá ocorrer novamente, pois afinal, você escolheu uma mulher com essa fragilidade de caráter, para formar uma família, agora decida o que é melhor para vc, pois o que não falta são mulheres que desejam um relacionamento sólido com um bom parceiro, mas filtre melhor da próxima vez.

Roger
26 days ago

Continuem, Concordo com a Ana Maria. Mas sigam em frente. Ela ter essa fragilidade não significa que não te ame.

Botão Voltar ao topo