Minha esposa está grávida e não sinto nada pela criança

Eu realmente não entendo, amo muito minha esposa.
Quando soubemos que ela estava grávida ela ficou muito feliz, e eu fiquei normal, nem feliz e nem triste. Foi aí que percebi que tinha algo de errado, eu vejo a barriga dela crescendo mas ainda eu não consigo sentir sentimento nenhum por meu filho não faço a mínima ideia porque, esses dias ela perguntou porque nunca beijei a barriga dela e eu fiquei endagado sem saber o que responder, e eu tenho certeza que ela já percebeu isso. Eu não vejo a hora dele nascer para eu ver o rosto dele.
É o primeiro filho de ambos, meu e dela, tenho 23 anos e ela 22.
Quando eu vejo ela, vejo apenas como minha mulher, não como mãe do meu filho não sei se vocês vão conseguir entender, mas em fim.

8 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
chiva
12 days ago

A gravidez muda bastante o estado emocional do homens, sendo que alguns ficam até mais excitados, enquanto que outros podem chegar a travar, inclusive perder a libido. Esse segundo caso ocorreu com meu marido, pois durante 7 meses simplesmente deixamos de ter contacto íntimo, por ter percebido que isso estava gerando nele um elevado grau de ansiedade e o nosso relacionamento estava piorando. Quanto ao bebê, era como se não existisse na minha barriga, não realizava nenhum plano que envolvesse a sua chegada, sendo que tive que me virar sozinha para a compra do enxoval e a única responsabilidade que deleguei à ele foi a da compra do berço, mas como o meu filho nasceu prematuro com 8 meses e meio, a criança acabou tendo que dormir em um cestinho, pois ele deixou para a véspera a encomenda do berço e não preciso dizer o quanto isso me deixou chateada. Quando comecei a ter contrações, pasme, peguei o meu carro e fui sozinha até o hospital, mas quando o meu filho nasceu e ele foi avisado ao ver a criança, foi uma mudança fora do normal. Ele foi o pai mais incrível que poderia ter escolhido, totalmente dedicado, amoroso e participativo da vida dessa criança, até a data do seu falecimento, quando o meu filho tinha 3 anos e meio. O meu obstreta disse, homens também ficam grávidos juntos das suas esposas e isso mexe muito com o seu emocional. Ahh! Quanto a vida sexual, quando o meu filho tinha 4 meses, começou a voltar ao normal.

Observador
12 days ago

Presumo que algumas pessoas ao depararem com a gestação, dependendo de suas crenças, gere resistência, de como a vida se desenvolve até ser formado um novo organismo! Num prédio em construção há toda uma Equipe, já na Gestação, tudo é tão Autônomo, o detalhe da mulher ter os alimentos digeridos e o organismo dela ser mantido e fornecer “combustível” para um ser em desenvolvimento! Para um Agnóstico ou Ateu, como admitir a física quântica: que existe e pode se manifestar como as ondas do mar, ou seja, elas existem o tempo todo mas nem sempre estarão visíveis. No parto, um ser chega, mas sim, o bebê antes era manifestado no crescimento da barriga de sua mãe! Pai, abençoe essa vida que chega para vocês!

Luann
11 days ago

Você criou expectativa onde não existe. Cada um reage de uma forma, inclusive não sentindo nada, e está tudo bem em ser assim. Aconselho fazer uma terapia

codmio48cd
11 days ago

podia ter esperado chegar aos 30 anos.

Custodiocjc
6 days ago

Alguns homens ficam assim mesmo eu mesmo não fui carinhoso na gestação mas quando nasceu o amor veio forte

Naná
5 days ago

É um sentimento normal, não se sinta culpado, já senti isso algumas vezes, pelo meu sobrinho e vi meu marido dizer que não sentia nada pela criança que eu esperava. No dia que ela nasceu, ele pegou nos braços, babou e no outro dia fez uma tatuagem com o nome dela, hoje é a alegria dele. Isso é normal, enquanto não se materializar, você se questionará. É normal..

Ton
4 days ago

Quando não é uma gravidez planejada (não sei se a sua é) ou que houve tentativas… é normal o homem ficar assim… ainda mais se for jovem…A mulher sente a criança desde o início porque ela está gerando a criança… você não. Minha esposa grávida eu observava toda a evolução da gestação, acompanhava ela, me preocupava com a saúde, mas não tinha nada demais e nem um encanto…
Quando ela nasceu a coisa foi mudando… peguei no colo e fui me transformando… minha neném nos três primeiros meses só mamava, cagava e chorava (não sinto saudades dessa época)… mas depois quando ela começou a sentar, sorrir e brincar meu coração explode só de ver ela… amor é convivência. Não se cobre. Vai dar tudo certo. Cuide de sua esposa e você estará cuidando de seu filho/filha.

andre
1 hour ago

Fique tranquilo, a ficha ainda não caiu.
Quando você comecar a dar banho, trocar a fralda, ajudar na pega do peito, etc as coisas mudam e seu mental muda tambem.
Voce verá que o amor vem e cresce a cada dia, espere ele nascer e você sofrer junto para cuidar.
Se mesmo depois que vocês tiverem a crianca, dar banho, trocar a fralda, ver o desenvolvimento dele, continuar essa falta de amor por ele, dai sim, você vai precisar de um tratamento psicologico.
Até lá isso é normal acontecer e eu também achava que não iria conseguir dar amor para meu primeiro filho, tinha essa mentalidade.
Hoje um tem 19 anos e outro tem 14 e eu não meço esforco para dar uma boa vida para eles.
Inclusive hoje pago uma fortuna na faculdade de medicina no de 19 anos e nem ligo para isso, afinal meus filhos hoje são o meu maior tesouro.