Anúncios

Meu marido é muquirana

4

É muito difícil conviver com a “economia” que meu marido faz com tudo na vida.
Ele ganha bem, mas usa sempre as mesmas roupas velhas e rasgadas por anos, usa sapatos rasgados e as pessoas reparam.
Ele já foi até chamado no trabalho no rh para explicar suas roupas desbotadas.
Ele acha tudo absurdamente caro e sempre compra o mais barato.
Só me leva a lugares baratos e não me dá presentes, raramente, só se for um chocolate barato.
Ele diz que sou consumista, mas não é verdade, só tenho limite para usar a mesma roupa por anos, paro de usar quando rasga ou desbota demais.
Todos acham que ele é muquirana e exagera.
Acho que é uma doença, ele odeia gastar e vive dizendo que o sonho dele é que eu pague tudo sozinha.

Anúncios

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

4 Comentários

  1. Khalil Gibran Diz

    Boa noite olá pode sim ser um distúrbio, mas acho que ser você apoiar um investimento, vocês vão ser dá muito bem, a realidade atual do Brasil não permite a potência de compra que o brasileiro e bombardeado pela publicidade, e inteligente e raro de ser ver pessoas dispostas a economizar e multiplicar, o luxo vem por último.

  2. Liana Diz

    Ele tem que fazer tratamento psicológico, mas um muquirana desses não vai querer ir e muito menos aceitar que tem distúrbio. Ele corre risco ate de perder o emprego, alerta ele

  3. chiva Diz

    Infelizmente você se casou com um sovina e sinto te informar, mas é improvável que vc consiga mudar a natureza de uma pessoa com tais atitudes, portanto em um ponto ele tem razão, talvez seja o momento de vc assumir as rédeas da sua vida e procurar trabalhar para vc ganhar seu próprio dinheiro, assim ele não terá direitos de ficar te controlando o tempo todo. Vc poderá ajudar com as despesas da casa para fazer a sua parte e com o restante comprar o que vc bem quiser. Se o seu companheiro gosta de frequentar lugares caídos, limitando sempre os gastos, procure com seu dinheiro proporcionar algo melhor para vc mesmo e se o mesmo não concordar em te acompanhar, vá com uma amiga ou algum familiar que vc gosta. Quando vc ganha a sua própria grana, vc conquista a sua autonomia e isso não tem nada melhor, do que viver sempre controlada e limitada a ter um estilo de vida tão miserável como é seu marido. Se algum dia esse homem perder seu emprego, vai ser difícil até mesmo uma recolocação, se o mesmo não tiver um pouco de presença, pois é desconfortável conviver em uma ambiente de trabalho com uma pessoa que sempre está com a mesma roupa, pois isso é uma questão de higiene.

  4. Magda Diz

    Sofri por anos como vc, mas dei um basta.
    Fui trabalhar, Deus me ajudou, e hoje tenho meu carro zero km.
    Foi uma batalha dura, trabalhando fora o dia inteiro e chegando em kza tendo que lavar roupa, passar, guardar, limpar a kza a noite….etc
    As vezes vou dormir muito tarde, minha casa é grande e tem muito serviço.
    Mas hoje passeio, viajo, compro roupas boas, dou presentes bons e as vezes ajudo pessoas financeiramente.
    Não ganho muito, 2 salários minimos, mas to feliz porque não dependo mais dele.