Me sinto excluída na faculdade

problemas de amizade com os amigos e amigas

Todos os dias quando acordo eu não quero levantar da minha cama, eu não me sinto bem indo para faculdade, não consigo sentir que minhas amigas gostem e se importam comigo, por mais que elas falem que sim. Esses dias elas não me chamaram para um grupo de trabalho porque segundo elas eu causo problema e não sou pro-ativa. Sendo que em todas as situações que houveram problemas em grupo elas quase sempre me deram razão. Eu tento não por minha energia nelas porque cada vez mais isso me suga. E não é fácil sair desse círculo e ir para outro, até porque quase não tem mais nenhum, a sala já está cheia de grupinhos.

10 COMENTÁRIOS

  1. Não tem muito oque fazer, né? Não dá pra largar a faculdade por conta dessas otarias. Esse negócio de trabalho em grupo é um inferno, ninguém merece. Meu anjo, oque você precisa fazer é arranjar outro grupo pra pelo menos fazer os trabalhos, ou conversar com suas amigas e tentar entender o porque de elas acharem que você não faz as coisas, tenta explicar. Você faz as coisas ou fica na aba delas? Manda coisa atrasada? Só aparece quando o problema tá resolvido? Tem que ver isso ai. E se você realmente por esforçada, essas garotas ai não tão nem ai pra você, te acham chata e tão procurando um motivo pra te chutarem do grupinho, aposto que quando você vira as costas eles falam mal até da sua avó. Oque pelo visto você ainda não entendeu é que pessoas são diferentes das outras e sempre vai existir intriga em qualquer ambiente que precise de interação humana. Manda essas fudidas irem a merda. Deve sim ter alguém que você tem um tiquinho mais de afinidade longe desse grupinho ai. Quando surgir um novo trabalho vai até essa pessoa, sim, até ela e diz “Poxa tô sem grupo, posso fazer trabalho com vocês? Eu ajudo no que precisar”. Se a pessoa não quiser vai pra outro, a vida é desse jeito.

  2. Filha, você está na faculdade pra fazer amiguinhos ou estudar para concluir uma graduação e planejar seu futuro?
    Você não acha que já está grandinha pra esta fase de best frinds forever do Ensino Médio?
    Assim, na faculdade às vezes fazemos alguns amigos sim, mas no geral, todos estão ali mais cada um por si e Deus pra todos sabe? A maioria trabalha, estuda nos minutos que é possível, vida muito corrida e a preocupação de arranjar amigos é meio que inexistente.
    Acho que você deve focar em estudar bastante, trabalho faça sozinha, oras. Melhor porque não tem distrações com banalidades.

    • Como você é uma pessoa grosseira. Quer dizer que as relações interpessoais não interferem no ambiente acadêmico? Hipócrita. Quero ver você isolada e se sentindo desconfortável em algum lugar produzir e render bem. Que você morra sozinha, já que gosta de aconselhar a solidão para os outros.

    • #Fafá, assino junto (e ignore alguns comentaristas ‘do contra’ que vivem de criticar, mas que ajudar… é nada!).
      #Fafá, a moçada de hoje acha que escola é lugarzinho de socializar com amiguinhas e amiguinhos, oh, tudo criança do prézinho, que lindinhos. Só que… depois vemos a raça de dentistas, médicos, engenheiros, advogados e mais profissionais que andam prestando serviços atualmente… Umas porcarias! Porque frequentaram a universidade para fazer amiguinhos, ownn que lindinhos, chego a ficar tocada com isso…
      s q n!
      Moça, amadureça! Você é uma universitária e não uma aluninha do prézinho!

  3. O problema é você e não as pessoas ao seu redor. Você precisa trabalhar sua auto estima, faça uma terapia psicológica. No ambiente de trabalho haverá muitas situações que você precisará se reunir com pessoas desconhecidas para elaborar projetos, reuniões, ou mesmo trabalhar em equipe.
    A faculdade auxilia o aluno(a) a se desinibir psicologicamente, mas a iniciativa deve partir de você mesma, ninguém irá ficar te dando apoio o tempo todo, todos estão lá para o mesmo objetivo, serem profissionais. Você precisa organizar sua mente e lutar pelo seu objetivo de estar na faculdade, o resto é resto. Na vida você enfrentará situações muito adversas ao que enfrenta na faculdade. Cabe a você mesma ter a iniciativa de acabar com esse seu baixo astral e ir atrás das pessoas, pois elas já cansaram de ir atrás de você que apenas as esnoba.

    • A faculdade é um treino para a vida profissional, Portanto, terá que aprender a conviver com pessoas de diferentes estilos e se adequar ao seu temperamento. Ninguém está livre de ter que trabalhar com um chefe intransigente, dividir tarefas com colegas desinteressados na urgência das demandas da profissão, dentre inúmeras outras situações, inclusive traições, fofocas, territorialismo, puxa saquismo, etc… mas, por outro lado, nos ambientes corporativos, pode-se também encontrar pessoas mais alinhadas e sinérgicas a sua personalidade, gerando empatia e o que facilitará o clima de convivência, favorecendo até um clima de amizade. Ela está em uma faculdade, uma fase que deveria estar melhor sociabilizada, mas infelizmente não está, por ter caído em um grupo de garotas instáveis e que não a respeita. Logicamente, ela fica sem clima, de dedicar longas horas de estudo com pessoas pesadas. portanto, ela deveria fazer a escolha da mudança de grupo. Ela terá que fazê-lo, sem deixar as suas atuais colegas saber. Ela sendo mulher, fica mais fácil entrar nos grupos que tenham homens, pois eles em geral são mais acessíveis e menos territoriais.

  4. Caso a sua faculdade tenha outras turmas a melhor solução seria a mudança. Converse com seu coordenador, sobre o seu problema de entrosamento, pois ninguém merece ficar sendo excluída, o que a meu ver é uma atitude bem infantil por parte dessas colegas. Em qualquer outra sala que vc entrar, será mais fácil, vc participar dos grupos, pois as pessoas sempre gostam da novidade e de novos colegas. Quando o meu filho fez faculdade, teve duas pessoas que mudaram de turma e foram acolhidas sem problemas. O que não pode ocorrer é vc vivenciar esse clima pesado, pois compromete o seu rendimento nos estudos e sem dúvidas tira a sua motivação. A fase Universitária, vc deveria estar curtindo os amigos, frequentando às festas dos campus, tomando cervejinha na saída do curso, dentre outras situações. Se isso não está lhe ocorrendo, vc escolheu um grupo de pessoas chatinhas e não sinérgicas a sua personalidade. Caso não tenha como mudar de sala, vá aos pouquinhos se aproximando de outras pessoas, as mais abertas e receptivas, com jeitinho vc explica a sua situação de que vc não está conseguindo uma boa harmonia no seu atual grupo (não precisa falar mal das colegas) e que isso está prejudicando seu rendimento. Detalhe, entrar em grupos de homens é bemmmm mais fácil.

  5. Tenta mudar de sala! eu me sentia assim tbm é horrível!!Se não for possível mudar de sala se abre com elas, fala como se sente!! A pior coisa é sentir e não dizer!e analise seus comportamentos, se você de fato não for pro-ativa, tente ser!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here