Me envolvi com rapaz que namora

Conheci um rapaz há mais ou menos um ano e pouco. Criamos um laço muito legal de amizade sincera, sabíamos tudo um do outro. Conversávamos o tempo todo, todos os dias, via facebook. Comecei a gostar dele não só como amigo, e foi aí que as coisas começaram a se complicar. Nos primeiros meses foi bom demais, ele retribuía, me tratava com carinho Acabamos ficando e isso só fortaleceu a amizade. Mas sempre disse para ele que eu tinha me apaixonado por ele. Ele sempre teve um carinho e respeito enorme por mim. Nos falamos por um bom tempo ainda, até uma certa briga que acabou enfraquecendo a amizade. Deletei meu facebook e passamos a conversar bem menos que antes. Mas trocávamos mensagens sempre. Aí a amizade passou a ficar meio que em segundo plano, já que todas as conversas que tínhamos tinham foco sobre ficarmos juntos e sobre o desejo que tínhamos um pelo outro. Nunca quis namorá-lo, nunca nem pensei nisso, nem esperei nada sério da parte dele e eu estava bem com isso. Se era amiga dele, me sentia bem assim, em ficarmos as vezes e continuarmos conversando depois, como bons amigos. Mas eu era mesmo apaixonada, e ele sabia Nos últimos meses, quando estávamos nos falando bem pouco por conta de uma outra briga que tivemos no começo do ano, acabamos reatando o contato, e soube que ele namora. Fiquei muito surpresa, porque achei que não quisesse nada sério com ninguém. Mas inconscientemente, se ele tivesse algo sério com alguém, achei mesmo que deveria ser comigo, visto o enorme sentimento que sempre tive por ele. Aconteceram algumas coisas e, mesmo sabendo que é errado, fiquei com ele. Passamos a trocar mensagens o tempo todo, o dia todo em um momento ele me disse que era bastante errado porque a namorada não merece isso. Mas deu a entender que continua querendo Não sou este tipo de pessoa que fica com quem namora, mas realmente não me arrependi. Há uns 2 dias ele não manda mensagem, o que não é normal Só que agora tenho medo de nunca mais vê-lo O lugar que íamos em comum não vou mais. Tenho medo de perder contacto com ele, e que ele me esqueça A amizade é muito importante para mim, mas fico dividida entre este desejo, que não sei se posso ter, e esse medo de perder a intimidade tão grande de amigos que tínhamos. Não sei o que fazer..

6 Comentários

  • Zzeu 20 de maio de 2013

    Esse é o mal de misturar amizade com outras coisas,agora você sofre duas vezes.Acho que esta perda é normal,tudo acaba.A fila anda.

    Resposta
  • s 20 de maio de 2013

    Você diz que estava satisfeita com a amizade e que não pretendia algo além disso. Ora, reconheça alguns pontos sobre si mesma, pois observe que logo mais ficou surpresa com a notícia de que o rapaz tinha uma namorada oficial.
    Essa contradição deve ter uma explicação fundada no seu desejo oculto de ser ‘a’ namorada para ele, por reputar-se talvez a unica e melhor ‘candidata’ no momento, e de achar que ele devia participar tudo a respeito da vida dele a você.
    Pois decepcionou-se. Percebeu que há outras garotas além de você no mundo, para ele e para toda a Humanidade. E decepcionou-se também pela falta de lealdade na amizade dele: ele escondia fatos de você.
    Porém, querida, deve observar que você não é a Confessora ou a Psicóloga dele, a modo de justificar detalhes, mesmo colocando-se como amiga. E observe também que sempre se colocou como ‘amiga-ficante’, o que não pressupõe necessariamente detalhes da vida pessoal do parceiro.
    E você também não foi de todo leal, reconheça. Pois além de ‘engolir’ e esconder a contrariedade e o orgulho ferido com as notícias dadas por ele sobre um namoro oficial, e mesmo tendo dito que não é de ‘ficar’ com pessoas que mantenham outros compromissos, ‘ficou’ com ele”!…
    Quer saber? Os dois mentem/omitem e sempre mentiram/omitiram. ‘Fingiram’ uma amizade para justificar essa ‘ficação’, cada qual pelas suas razões.
    Timidez da sua parte? Orgulho demasiado em reconhecer a necessidade de pretender algo além de uma ficação?
    Você analisará.
    E quanto a ele, não se surpreenda. É muito comum nos rapazes omitirem uma namorada e manterem ‘ficantes’ sempre que podem.

    Resposta
  • Madalena 21 de maio de 2013

    Oi S, obrigada… Vou pensar muito nisso. Mas acontece que nao quero que isso acabe… Nem a amizade, e nem essa “ficaçao”. Mas eu respeitaria se ele dissesse que so quer amizade, seria apena amiga. Só que ele nunca diz o que quer… Então continuei nesse rolo. Só nao quero perder contato com ele.. A namorada dele parece que sente ciúmes de mim, uma vez ele comentou algo assim comigo. Mas eu acho que, mesmo ele sabendo que ela nao merece ele a ter traído comigo, tambem chego a conclusão que se ele a respeitasse e amasse, tambem nao teria se deixado levar… Nao acha?

    Resposta
  • s 22 de maio de 2013

    Olá Madalena,
    Não há o que agradecer, querida. Eu sim é quem agradeço pela oportunidade de tentar ajudar.
    Querida, ele é homem. Bem sabe você que os homens costumam separar ‘a namorada’ da ‘amiga-ficante’. Homens são dados também ao gosto pelo harém, como sabe. Aliás, quer ver um homem feliz? Dê a ele uma duzia de mulheres… Garanto que para cada uma delas ele arruma uma conversinha doce a modo de deixá-la sempre como tangendo esperanças de ser um dia ‘a oficial’.
    Entendo que talvez deseje ser apenas amiga, com ‘ficação’ ou não. Mas se percebe que ele feriu a honestidade da amizade, omitindo fatos, que amigo será ele para você? E se deseja de fato ser ‘ficante’, como esperar que ele partilhe da vida pessoal dele com você, como se fosse uma namorada?
    Conceitos errados e mal-definidos, querida. Entendo que a namorada é a oficial e é aquela que partilha do mais íntimo do companheiro, que a ‘ficante’ não pode exigir sequer amizade sincera, dada a sua condição de aceitar ser algo na vida do rapaz completamente descompromissado, e que a amiga não comunga senão de uma pura e desinteressada amizade.
    Uma ficante dificilmente será considerada amiga, mas algo reservado apenas para uso e diversão, onde a fidelidade sob quaisquer aspectos é desnecessária. E uma amiga jamais se permitiria a intimidades divorciadas dos objetivos de uma nobre amizade.
    Se porventura incuba em você a idéia de passar de amiga a amiga-ficante e na sequencia de amiga-ficante a namorada, esqueça. Duvido um pouco que ele aceite elevá-la ao que quer que seja que porventura venha a pretender: além de ele possuir uma namorada oficia (sinal que a ama), caso deixasse dela não escolheria para si uma moça que ele sabe ter o hábito de ‘ter com amigos’.
    A ultima coisa que um homem deseja é uma namorada que seja dada a ‘intimidades com amigos’, e infelizmente você deixou isso como imagem sua diante dele.
    Em todo caso a decisão é sempre sua, querida, e desejo sempre boa sorte.

    Resposta
  • anonima 4 de fevereiro de 2016

    Olá querida por mais que você queria que não fosse esse final realmente vai ser não vale a pena se magoar com uma pessoa que não te procura mais espero que você fique bem me fala de alguma novidade bjjs

    Resposta
  • YODA Senpai 12 de janeiro de 2017

    Sabes qual é a diferença entre tu e uma boneca insuflavel? a borracha
    Yoda Senpai \m/

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *