Difícil conviver com a minha irma

Tenho sérios problemas com a minha irma, nos somos gemeas e ela gosta de se sentir melhor do que eu. Só porque tem um emprego que ganha bem ela gosta de me humilhar, além de humilhar outras pessoas abaixo dela.
Eu tenho um namorado mas temos que namorar escondido, porque nem ela é nem minha mãe o aceitaram, por não ser nos “padroes” que elas aprovam.
É minha irmã fica me ameaçando e me estabilizando com ameaças e injúrias em relação a isso.
Gostaria muito de sair de casa e começar a vida com ele, mas tenho medo pelas as consequências que me podem acontecer, pois minha irmã já me disse que se eu sair de casa para morar com meu namorado, ela iria em meu trabalho fazer um escândalo e do meu namorado também e usaria a profissão de minha mãe que é da lei para infernizar e causar problemas ao meu namorado.
Não sei mais o que fazer.

0 0 votar
Avaliar Desabafo
3 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Observador
1 month ago

Se você já for de maior, Nada a impede de morarem juntos, se tiverem condições financeiras. Porém, como você não produziu provas de que sua irmã disse, mas por precaução, você pode fazer uma Escritura declaratória, em Cartório, sobre as ameaças tácitas de sua irmã, isto porque – Infelizmente – há advogados com bom trânsito na Justiça e se for o caso da sua mãe, sem um documento escrito, como a tal Escritura, você poderá ter dificuldade em provar que focinho não é tomada, como diz o ditado popular!

Isabela
1 month ago

Nossa, sua irmã está completamente fora de si, fica calma que ela não pode fazer essas coisas que ela disse não, você sendo maior de idade, tem direito de namorar quem quiser e ela não pode te prejudicar por isso, avisa ao seu chefe que ela está fazendo essa ameaça e se ela for no seu trabalho você pode entrar com uma ação na justiça por ela estar te causando constrangimento no seu local de trabalho, tenta morar sozinha ou com o seu namorado, e deixe elas para lá pois a meu ver não estão preocupadas com a sua felicidade.

ana julia
1 month ago

Acho que você deveria saber que ninguém tem autoridade para interferir no seu relacionamento, pois não existem leis que proiba o livre arbítrio de uma escolha afetiva, mas por outro lado é importante que você avalie muito bem com quem você está se relacionando, pois independente das diferenças sócio-economica, precisa observar muito bem o caráter desse sujeito, seu berço de criação e o que ele tem para te oferecer a nível de segurança para o futuro e se o mesmo tem projetos de vida que sejam paupáveis. Ele investe em formação cultural, faz faculdade ou é formado? Com o que ele trabalha? Vc consegue com seus recursos, somados aos dele, pagar por um aluguel, comprar um imóvel financiado? Casamento ou amasiamento sem planejamento, por mais amor, tesão, química, que você tenha com o seu par, se não houver boas bases nessa relação, não tem relacionamento que sobreviva de forma saudável. O fato da sua irmã e mãe não gostar desse homem, não deixa de ser também um alerta, pois pode até ser que elas estejam enxergando algo a mais do que apenas a questão financeira do sujeito. Relacionamento, que ocorrem com o mesmo padrão social, tendem a dar mais certo, portanto, acho que você poderia pensar em dar um tempo maior para você mesma, pois para que a pressa de querer se juntar a uma pessoa. Pense com calma e sem precipitação, para não se arrepender.

Botão Voltar ao topo