Problemas no Casamento

Cansada de cuidar do casamento

Estou junta da minha esposa há quase 7 anos e desde o início nosso relacionamento foi de altos e baixos, sendo que eu a pessoa que mais insistiu para ficarmos juntas.
Quando começamos a nos envolver, ela estava há dois meses separada do ex-marido.
Ele sempre dificultou ao máximo o nosso namoro, e ela, por sua vez, não se impunha contra ele.
Na realidade, cedia a todos os caprichos para tentar um divórcio amigável (uma pessoa que cobra metade de batedeira e ferro de passar no divórcio não vai querer acordo, muito menos amigável).
Enquanto nos encontrávamos uma vez por mês, toda semana era passeio em família – fingimento de família feliz. Ela dizia que era por causa do filho. Até dormia na casa do ex quando o filho morou com ele.
Sempre deixei claro que aceitaria muitas coisas até o fim do divórcio, que a apoiaria de forma incondicional e confiaria nela. Só não contei que, pela falha dela em escolher um bom advogado e também em acreditar no ex, apesar de todas as evidências e alertas que mostravam que ele não era de confiança, seriam 6 anos de brigas judiciais.
Seis longos, intermináveis, exaustivos e custosos anos.
Enquanto qualquer outro casal estaria curtindo o namoro, nós estávamos conversando sobre acordos judiciais. Ao invés de pensarmos onde iríamos passear, estávamos sem dinheiro porque pagamos o cartão de crédito dele da conta conjunta que eles tinham.
Enfim. abri mão de muitos planos e sonhos por causa dela, por acreditar que ela é uma pessoa que valha a pena.
Realmente, ela vale cada esforço e até me sinto mal por reclamar. Ela é amorosa, dona de casa, esforçada, trabalhadora, aquela pessoa simpática que as pessoas adoram estar juntas, bondosa. Não há homem ou mulher que não gostaria de estar casada com ela.
Só eu que não quero mais. Tudo que passamos nos deixou mais fortes como pessoas e, apesar do nosso relacionamento ter evoluído, não nos deixou mais próximas com casal, muito pelo contrário, destruiu um relacionamento que nem aconteceu.
Errei ao deixar que nosso relacionamento fosse só do jeito dela, ao deixar a vida dela ser o centro de tudo. Ela errou ao deixar o relacionamento anterior atrapalhar tanto e não me escutar quando eu dizia que precisávamos nos concentrar em nós.
Atualmente, ela tem cuidado do nosso casamento. Mas após tantas crises e negligências, não acredito que seja possível ficarmos juntas.

Um Comentário

  1. Ao ler o seu relato, nota-se que nesse seu relacionamento, a sua parceira não soube administrar a sua separação e acabou por te envolver a todo momento nesses assuntos pesados que envolve interesses patrimoniais, transferindo para a sua relação essa energia pesada e o que fez com que o seu relacionamento perdesse o foco. Nem todas as separações, as divisões são justas, pois sempre haverá a possibilidade de um dos lados, sair um pouco mais prejudicado financeiramente, mas nenhum bem ou dinheiro compensa a perda da paz de espírito, especialmente quando existe uma criança envolvida, no meio desse litígio. Ela teve a sorte de encontrar um novo parceiro, que poderia oferecer para ela um significado diferente para a sua vida, nesses 6 anos, deveria ter aproveitado essa oportunidade, para reconstruir a sua vida financeira, batalhando por um emprego, poderia ter feito uma graduação, para almejar uma carreira, pois o tempo que ela perdeu com esses lances de ganância, deixou de performar em outros objetivos, pois chegou a uma situação ridícula de discutir por banalidades como uma batedeira. Ela não conseguiu ser feliz e o pior envolveu a todos com seus próprios problemas e fez com que o eixo do seu atual relacionamento, só girasse em uma direção. Acho que se você quiser dar uma última chance, diga para ela que se não houver uma solução definitiva por um acordo com o ex, vc não quer mais, pois esse assunto já te esgotou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar