Problemas de Infidelidade

Voltei com minha esposa mas não era suposto

Não fui um bom marido, não dava atenção que deveria. Mas nunca traí ela, nem deixava ela em casa para sair com amigos. Eu sempre estava com ela, mas dava pouco carinho. Percebi isso quando ela pediu para separar. Eu não entendia porque, então ela foi me dizendo o quanto eu não dava atenção à ela.
Isso já com 9 anos de casados e dois filhos. Fui para outra cidade dar um tempo a ela. Duas semanas depois eu falei que estava voltando, ela ficou muito brava e disse que não queria mais mesmo. Minha ficha foi caindo aos poucos que realmente ela queria separar, e tudo que eu conseguia pensar é “porque? o que eu fiz?” Fiquei uma semana em casa tentando, mas ela dizia que não me amava mais, já era tarde para tentar de novo.

Deixei nossa empresa, carro e tudo que a gente tinha, só peguei minhas roupas e fui embora para o outro lado do País. Falei que eu voltaria depois de 4 meses para tirar as coisas do meu nome e fazer o divorcio.
Lá onde eu estava, fiquei com uma mulher, mas só beijo na boca.
Não consegui ir além, pois pensava muito na ex, e minha esperança é quando eu voltar a gente ia ficar de boa de novo. Então as vezes pensava, mas ela me deixou, vou arrumar outra mulher, só que quando marcava para sair, eu sempre arrumava uma desculpa e cancelava o encontro.
Eu pensava, depois se a gente voltar eu vou ficar com isso na cabeça, que fiquei com outra, então melhor não ficar com ninguém.
Nesse meio tempo de 4 meses fora, a gente acabou voltando, mesmo pelo whatsapp, mas ela terminou novamente.
Eu queria esquecer, queria parar de sofrer, mas não sabia como fazer isso.
Quando chegou a hora de voltar para cidade dela, eu pensei. Vou ficar no máximo 1 semana, tirar tudo do meu nome e ir embora.
Mas no fundo eu queria que ela me aceitasse de novo.
No primeiro dia, foi tudo bem, depois foram complicando tudo.
Descobrir que a empresa estava cheia de dívidas e que ela só queria saber de farra. Acertei tudo as dividas na empresa mas falei para ela que ia ficar com o carro.
Descobrir que ela saia muito com as amigas dela, foram em muitas festas, a casa era cheia de gente. E descobrir também que ela pegou nosso carro e foi para outro estado cheio de homens.
Vi fotos, só ela de mulher no barco com 5 ou 6 homens.
Ela disse que não aconteceu nada, e que uns era gays.
Discutimos bastante a relação, ela disse que estava bem melhor sem eu, não me amava mais e que eu traia ela com a funcionaria, que eu era muito mentiroso.
Achei absurdo ela falar tanta coisa, e fui descobrindo coisas de mim que nem eu sabia.
Nunca trai ela, mas ela insistia dizendo que tinha 100 por cento de certeza.

Ler  Coração dividido entre amante e marido

Fiquei muito chateado com tudo que ia descobrindo e me arrependi de não ter aproveitado também.
Beijei outra mulher, porque sai, fiquei bêbado e não estava ligando com mais nada mas ai eu comecei sofrer de verdade, falei para ela que não importa o quanto eu pedi para voltar, não é para ela aceitar.
Eu amava e queria muito ela, mas preferia ficar sofrendo que voltar.
Eu não queria voltar com ela, mas também não conseguia ir embora de novo.
Mas 2 meses por ali, acabamos voltando.
Nunca tive a certeza que ela ficou com alguém, mas sei que a gente estava separado.
Porém não consigo tirar da cabeça a possibilidade dela ter transado com outro.
Fico pensando, “mas porque voltei?! Não era para ter voltado. ”
Já foram 8 meses agora, que estamos juntos de novo.
Mas não sei o que é pior, continuar com ela e essa dúvida na cabeça ou largar ela e sofrer muito.
A gente nunca briga, não discute.
Eu sou sempre na minha de boa. Mas não sei o que deu na cabeça dela de querer separar.
Acho que se ela não dependesse de mim, ela não teria voltado.
Ela estava acabando com tudo que a gente tinha.
Se não tivéssemos voltado, não sei o que ia acontecer, ela nunca trabalhou fora. Só na nossa empresa que estava indo para o “buraco” .
Aparentemente nos estamos bem hoje, mas na minha cabeça está muito ruim toda essa situação. Não sei até quando isso vai, mas acredito que não muito longe

7 Comentários

  1. Amigo tudo bem li a sua história e saiba que você não está sozinho tem muitos casos como esse acontecendo em todo o Brasil não acho que você foi um marido que não deu atenção e nem carinho para ela você pode ter sido o marido que pensou muito em trabalhar para dar uma vida boa para ela e para os filhos isso pesa também na relação O Sexo Também hoje é um grande desafio na relação aconselho você a esfriar a cabeça pense em você e nos seus filhos Vá para uma igreja não importa o nome mas vá isso vai te ajudar muito tenha certeza não fique pensando que ela deu para outro isso com certeza aconteceu mas como você falou vocês estavam separados e você também poderia ter ficado com uma outra mulher mas pelo que vi você ama muito a sua esposa aqui na minha cidade aconteceu em casa mais ou menos semelhantes a esposa largou do marido estava acabando com tudo agora eles voltaram Mas isso foi mais de ano e ela dando para a rapaziada Mas agora ela voltou está completamente arrependida segundo ela você não fez nada de errado levante a sua cabeça aconselho a você a transar com outra mulher nem que seja uma vez e que não seja conhecida de preferência Pois isso vai ajudar a você a sentir mais tesão outra coisa ande bonito barba feita cabelo cortado Perfumado Mude o seu modo de se vestir mulher gosta de homem bonito e cheiroso E não esqueça Fique bonito para você e não para sua esposa..

  2. Ela deve ter separado mesmo com a intenção de dar. O problema é vice andar na rua e não poder distinguir os caras que passam, muitos deles com potencial para ter provado da fruta que era tua!

    1. Verdade o que vc disse. Ela após ter aproveitado as férias conjugais e pintado o sete, quando percebeu que o mercado de patos gordos está escasso, ainda mais que as sustentem, mesmo sabendo que o seu par está quebrando pela sua falta de apoio. Esse homem do post foi bem manipulado, pois até hj ainda acredita que tem culpa no cartório, comprando facilmente a ideia do draminha que a mulher fez para justificar a sua primeira separação, alegando carência. Se ela tivesse uma vida produtiva, investindo em construir um futuro com seu marido, ajudando-o no seu negócio ou arrumando um emprego, não teria tido tempo de pensar em bobagens.

  3. Infelizmente vc elegeu para a sua parceira um atraso de vida. Casou-se com uma mulher que em nada agrega a relação, pois além de ser uma mulher cheia de vontades e más intenções, fazendo de vc seu provedor, mesmo percebendo que os seus negócios estão indo a bancarrota, não toma iniciativas indo ao seu auxílio e ainda te sobrecarrega emocionalmente, te deixando cheio de incertezas quanto a sua moral. Cabeça vazia é oficina do inferno e a sua parceira, segue a risca esse ditado, pois quis forçar uma separação para ter seus momentos de solteira, soltar a franga e quando percebeu que o mercado de novo de mulher está escasso, voltou com o rabo no meio das pernas para vc. Qual homem que se respeita, quer viver com um encosto, que só suga seus recursos e vive como uma acomodada? Arrume uma mulher de verdade que o acompanhe e que se some, para construirem um futuro, com bons alicerces.

  4. Compre a firma dela se separa e volte a ser um pouco cara de pau e arrume uma mulher, que te faça crescer, pq a minha é um presente de Deus. E meus dois filhos também. Seja presente na vida dos filhos e não na dela. Comece a frequentar lugares de solteirões e comece a ficar com as garotas. Uma hora vc acha!!! Pelo menos uma que te de valor

  5. Desde o início ela tinha outro rapaz! Eu não acredito como homem é idiota e nunca imagina que a mulher esta de safadeza. A coisa é muito simples, se a mulher não te da chance de voltar, não se importa por você estar sofrendo por ela, é porque ela tem pra onde correr, ela queria você bem longe pra ela ficar curtindo. Como vc não percebe nada? E ela só te aceitou de volta por interesse, pois continua te traindo. Acorda né.

  6. É difícil acreditar em você. Quando desabafamos, só falamos do nosso lado e dificilmente quem desabafa e fala mal dos outros assume seus erros, fica sempre jogando culpa pro outro lado. Não existe isso de um ser o anjinho injustiçadoe o outro um demônio, nenhumser humano presta e todo mundo tem suas falhas.

    Recomendo que você cresça como ser humano, para ter autoconsciência, e saiba o que você quer e o que não quer da sua vida. Desabafar é uma coisa, mas o que você fez basicamente foi falar “ah coitado de mim, me sinto tão culpado, olha minha esposa má e manipuladora”. Pra mim você parece alguém que fala de tudo pra conseguir simpatias dos outros, bem manipulador mesmo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar