Sinto-me inútil e desprezado

Olá, eu sou uma pessoa com dificuldades em socializar. Vejo amigos a terem longas e várias conversas, e eu nunca consigo ter uma conversa por mais de 10 minutos. Tenho vários amigos, mas sinto que são apenas colegas pois nenhum deles parece se preocupar comigo. Nunca ninguém me pergunta coisas da vida, nem mesmo a minha família e na escola só vêem ter comigo para perguntar sobre assuntos da escola, pois sou o melhor aluno da turma. Desta forma fico a achar que são todos uns interesseiros pois numa hora estão todos comigo e a “lamber-me as botas” e na outra ignoram-me e desprezam-me.
Já tentei “aprofundar” amizades e consegui mas esses amigos acabam sempre por irem embora para outras escolas, locais e nunca mais falamos, ou então surge uma pessoa mais interessante que eu e pronto fico sozinho.
Nos intervalos da escola, os meus colegas juntam-se me vários grupos e eu tento integrar-me em alguns, mas assim que entro sinto que estou a mais pois ninguém põe conversa comigo e se eu digo alguma coisa ás vezes gozam ou são agressivos.
Sinceramente não sei o que fazer, se não fosse os meus passatempos eu sentiria-me na maior solidão do mundo. ..

Etiquetas
inutil
0 0 votar
Avaliar Desabafo
4 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
julia
5 years ago

Tudo que sentimos sobre nós mesmos, deixamos transparecer para os outros. se você é tímido se aceite assim, não force amizade com ninguém, seja sincero e não fale coisas somente para agradar as pessoas. quando você for você mesmo, as pessoas que se identificarem com você irão de aproximar e a amizade acontecerá naturalmente.

curta e grossa
5 years ago

Aceite ser tímido, viva com isso, não é doença.

Werther
5 years ago

Se te incomoda, faça terapia, mas ficar forçando de nada adianta.

MinnieDeterminada
5 years ago

Eu sei como é difícil, mudei de escola e me sinto muito “sem grupo” tenho vários colegas e as poucas pessoas que considero amigas tem outros grupos (cada uma em um grupo diferente) .
Quando comecei a me integrar em um grupo ele de dissolveu e eu fico perdida.
Acho que nós precisamos sim investir nessas pessoas.
De que adianta esperar a amizade rolar se não procuramos assuntos e atividades em comum com determinadas pessoas?
Agora depois das férias eu estou disposta a mudar e sei que as coisas serão diferentes.

Botão Voltar ao topo