Transei com meu professor!

É o seguinte: no final do 1º semestre conheci meu professor, mas nunca dei bola para ele, aí passou e entramos no 2º semestre, mas quando o vi parecia que era a 1ª vez, trocamos por muitas vezes olhares e eu sentia uma enorme vontade de conhece-lo melhor, de ter uma amizade e foi o que exatamente ocorreu.

Conversamos muito (nas conversas nunca ouvi ele falar sobre esposa e não usava aliança me permite apaixonar muito, mas descobri que é casado há 7 anos), ele constantemente me oferecia boleia para casa e ficou nisso por 3 meses até chegarmos a um ponto da amizade de compartilharmos assuntos picantes, nisso, penso que ele ficou exitado e queria algo a mais Beijamos a primeira vez e já pensava um tanto nele e no segundo encontro rolou mais que isso, tivemos relações, por um lado foi bom, pois consegui o que queria, ELE, pelo outro lado foi péssimo, pois ele foi super bruto e cheio de não me toque, contudo ele deixou claro que queria mais depois, mas por mim esse depois não vai rolar.

Ler  quero ver minha esposa transando com outro homem

Me arrependi profundamente pela transa, pois nessas circunstancias nunca tinha ido tão longe, ele foi o segundo cara que tive relação, mas o que não sai da minha cabeça é o beijo dele! Tenho 19 e ele 33. Fiz tudo errado, TUDO!

9 Comentários

  • Amiga de Todos 7 de novembro de 2013

    Baby, acorda, voce nao sabe que professor so quer passar??

    Resposta
  • Mel 7 de novembro de 2013

    Menina se acalme e isso q vc fez ñ tem certo ou errado , vc fez oq os 2 quiseram certo ??? então deixa p lá isso….. já foi ñ tem como voltar atrás cero ??? ,mas serve p vc de experiência p não repetir ,pois já foi vivido isso ,e já vale como lição… relaxa provavelmente isso q vc fez milhares de mulheres já fizeram isso se chama sexo casual sem muito compromisso sexo por acaso … agora depende de vc repetir ou não vai do que vc quer para vc ,logico q homem sempre quer mais ,mas cabe a vc tomar decisões …

    Resposta
  • Cacau 7 de novembro de 2013

    Essa é a velha história da aluna que se apaixona pelo professor. O fim geralmente é trágico, ainda mais se o homem for comprometido. Falo isso por experiência própria! Também já passei por isso na faculdade e foi péssimo. A minha história é semelhante a sua. Conheci o professor e, a princípio, não tinha intenção alguma de ficar com ele. Mas aí os dias foram passando, fui percebendo que ele me tratava de uma forma diferente em relação aos outros alunos, me olhava, me oferecia carona pra casa (que em Portugal vocês devem chamar de boleia), me elogiava bastante dizendo que eu era a mais inteligente, a mais estudiosa e sempre dava um jeito de ficar pertinho de mim. Até que um dia aceitei a carona (boleia) dele e nos beijamos dentro do carro dele. Ele super retribuiu o beijo e em momento algum ele havia dito que tinha namorada ou coisa do tipo. Eu, ingenuamente, deduzi que ele era solteiro. Após isso, ele continuou indo atrás de mim e nós fomos ficando mais íntimos e a relação ficando mais intensa até que um dia eu me vi completamente apaixonada por ele. Ao contrário de você, eu era virgem. Ele foi o primeiro homem da minha vida e ele sabia disso. E ele também não foi muito romântico… Nem sequer se preocupou com o meu prazer, só com o dele. Eu achava a relação muito estranha, pois ele nunca me assumia. A gente não saia pra restaurantes, cinema nem nada. Às vezes, ele inventava (que, na época, eu acreditava ser verdade tudo o que ele dizia) que não podia sair comigo porque tinha que trabalhar (numa sexta à noite??)… Ele me pediu em namoro e mesmo assim nossas saídas se resumiam à casa dele, onde íamos para transar. Quando acabava, ele me levava de volta pra minha casa e era só isso. Eu acreditava cegamente que ele gostava de mim e que eu realmente era a namorada dele. Eu estava muito apaixonada e estava sofrendo também, não estava feliz. Estava tão apaixonada que fiquei cega, não enxergava o óbvio. E o óbvio era que ele me enganava. Afinal, qual homem que diz gostar de você, mas não te assume? Até que um dia eu recebi uma ligação de uma mulher perguntando quem eu era e se dizendo namorada dele. Nesse momento, minha ficha caiu e eu pude ver que ele realmente era um babaca, mentiroso e mau caráter. O cara me fez acreditar que eu era a namorada dele, quando, na verdade, eu era a OUTRA. E ainda traiu a namorada oficial dele! Bom, nem preciso dizer que fiquei péssima, com a auto estima lá em baixo, me sentindo enganada, traída, enfim. Cortei qualquer tipo de contato com ele, embora ele tenha me procurado depois, mas eu não queria mais saber dele. Até que comecei a me reerguer. Comecei a fazer academia e a ficar com o corpo mais definido e bonito. Mesmo triste eu saia com minhas amigas (que sempre me animavam), quando tava pior, ia desabafar com a minha mãe, continuei estudando direitinho até que um dia descobri que não sentia mais nada por ele e estava pronta pra começar um novo relacionamento, dessa vez com um homem que realmente me valorizasse e me assumisse. Depois de uns 8 meses do fim, eu me encontrei com ele no corredor de um estabelecimento e fingi que ele nem existia. Ele foi atrás de mim, me seguindo, tentou puxar assunto, perguntou como eu estava, perguntou qual era o meu e-mail, mas eu fui totalmente fria e desconversei. E hoje não caio mais nessa conversinha fiada desse tipinho de homem. Aprendi a me valorizar acima de tudo.
    Esta é a minha história, espero que sirva de exemplo para você! Te aconselho a cortar relações com esse seu professor e a não cair na besteira de ficar com um homem casado novamente. E se valorize mais. Os homens só tendem a valorizar mulheres que se valorizam acima de tudo.

    Resposta
    • Laisa 7 de março de 2016

      Minha historia é um pouco parecida viu…

  • Minha História 20 de novembro de 2015

    Bom minha história é assim: Eu tenho 13 anos e eu sempre gostei de caras mais velhos, Eu estou um pouco atrasada nas aulas né repetir duas vezes o ano mais isso em uma cidade ai eu mudei para outra cidade ai quando estava olhando olhando a escola que eu iria estudar eu vir ele passando no corredor nossa achei ele lindo ai olhando para ele, ele mim olhou e sorriu ai quando começei a estudar primeiro dia de aula escola nova e tal ai não tinha visto ele ai quando foi uma segunda – feira era Ed. Fisica ai eu não curto muito fazer Ed. Fisica ai ele veio falar comigo que era melhor eu fazer ai não faço ai quando foi numa outra segunda ele mim abraçou na frente dos alunos e mim beijou no rosto ai tipo os alunos acharam normal porque ele sempre abraçava os alunos mais comigo era diferente porque ele sempre estava mim abraçado ai os alunos começaram a perceber e eu morrendo de medo, Ai quando foi um dia adc ele no facebook ai vir que ele era casado ai depois de um tempo agente foi convesar no Facebook ai ele disse que ja traiu a namorada dele ai mim perguntou se eu tinha namorado e perguntou se já tinha ficado com meninos mais velhos ele tem 23 anos e eu 13 Respondir: Tenho namorado, E gosto de ficar com meninos mais velhos fo que meninos novos,, Ai agente convesar pergunto se ele é safado kk Etc na escola ele mim abraça sempre mais agora ele só vai esta no colégio dia de Segunda – Feira e Quinta – Feira só essses dois dias, Mais vou tentar esquecer ele porque não quero ter um final trágico, Mais quando vejo ele esqueço que tenho que esquecer ele :-/

    Resposta
  • Tacy 21 de fevereiro de 2017

    Poxa fico tão feliz quando osso isso tô passando pela mesma situação,

    Resposta
  • ... 23 de junho de 2018

    Gente!! Que horror a história dessa menina de 13 anos! Não, isso é errado! É pedofilia! Se isso estiver acontecendo com mais alguém por favor, conte para seus pais ou para a coordenação do colégio. Isso não pode acontecer, absurdo que mais ninguém tenha respondido a esse comentário. É ok você gostar de meninos mais velhos, mas esse homem é ADULTO e sabe que isso é errado. Denuncie por favor.

    Resposta
    • Luisa 5 de novembro de 2018

      Verdade, fiquei assustada.

  • Paola Isadora 30 de junho de 2018

    Bem meu caso é diferente
    Tenho 18 meu professor 30 ele é divorciado e sim eu tenho certeza que ele é, e eu to gostando dele e as coisas estao começando a ficar quentes, o meu problema msm são meus pais e minha religião, mas quando estou com ele, cara eu perco a racionalidade. Não sei o q fazer

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *