Problemas Amorosos

Tou mal… Acho que me apaixonei pela pessoa errada!

Tou numa loucura arretada!

Fiquei com um carinha, combinámos que seria apenas aquela noite e nada mais, porém o lance foi muito bacana e me marcou muito, bastante, sinto que o desejo se fez maior e estou morrendo de medo de estar apaixonada por ele. Ele vem me tirando os pés do chão! Eu casei, amo meu marido não tenho duvida disso, é tudo muito maravilhoso quando estou com ele, mas é só encontrar a figura e tudo muda, perco a razão. Esse homem vai me enlouquecer, junto com o medo que estou nutrindo de poder estar grávida dele, porque minha menstruação não vem desde o ocorrido, está muito atrasada, coisa de 15 dias. Não dividi com ele essa angustia, porque não acho certo, afinal combinamos que seria uma noite nada mais. O que devo fazer? tem mais, ele tem namorada e isso ferra tudo. Enlouqueci!

3 Comentários

  1. pelo jeito vc se apaixonou, sabe o conselho que te dou/? invista nele…. vc não ama seu maridop, sabe o que e pior do que perder?? e desistir sem tentar, talvez tentando uma paroximação ou sei lá…. só invista nessa relação com ele, porque ele não ama namorada, se amasse não teria traido!! vai em frente

  2. Ponto um: precisa antes de mais nada saber se está grávida e quem é o pai do bebê.
    Ponto dois: se não for o seu esposo, vai precisar necessariamente contar de quem é a criança e eventualmente investir legalmente para ver a paternidade reconhecida.
    Ponto três: pode estar em vias de ser deixada pelo seu marido caso a criança não seja dele e enfrentar, grávida de outro, uma separação.
    Ponto quatro: caso seja deixada pelo seu marido e estiver grávida do outro, ele bem provavelmente não se unirá a você e, portanto, deverá estar só dali em diante para criar a criança.
    Ponto cinco: deveria estar pensando nisso tudo ao invés de delirar com paixonites.

  3. Que bela burrada você conseguiu fazer consigo mesma. Meteu-se numa bela enrascada, amiga.
    Mas vale sempre lembrar. Você já ouviu falar em camisinha, amiga?… Aí no seu planeta (qual mesmo?) eles não divulgam isso dia e noite sempre, minha linda?
    Ok. Já era. Você tem coisa mais séria para pensar agora, portanto deixe de fogo no r*bo e de fantasiar com esse homem.
    E sério aqui é antes de mais nada saber se você está grávida (e deve ver isso com o seu médico imediatamente), pois inclusive nesse caso precisará fazer as suas contas aí para tentar saber de quem é a criança. (Meldeuls, o que é o cabeção das pessoas, né?)
    Se for impossível estimar quem é o pai com a ajuda do médico e da tabelinha, deve já ir pensando nos exames de paternidade (DNA), falando inclusive desde já sobre isso com o seu médico.
    Se a criança for do seu marido, muito que bem. Esqueça o outro homem e dedique-se ao seu esposo e ao bebê, deixando de lado essa paixonite infantil e sem futuro.
    Se o bebê for do outro, deverá conversar com o seu marido e depois, casada ou tendo se separado, ir atrás dos Direitos de nome, pensão e herança da criança.
    Bacana. Você está na maior vida mansa. Pode mesmo se dar ao luxo de continuar a pensar dia e noite em p*u de homem da rua…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar