Será a universidade a culpada da minha namorada ter mudado tanto?

Bom, tenho um relacionamento já de 1 ano e 2 meses, sempre fui o mesmo cara desde o inicio do meu namoro, romântico, carinhoso, compreensivo, tento ajudar com o que for preciso, mas de uns tempos para cá a minha namorada mudou bastante, ela faz faculdade e vive cheia de trabalhos ou coisas para estudar, sou compreensivo com isso, não vejo problema algum, porem agora ela vive triste, deprimida, distante de mim, fria, eu sempre tenho que correr atrás dela se eu quiser conversar, não parece me valorizar mais, não me da nem mais bom dia.

Sempre fui super feliz com ela, sempre a valorizei e tratei bem, eu venho tentando justificar toda essa frieza por conta do estresse da faculdade e das diversas coisas que passa pela cabeça dela.

Já puxei ela na sala, sentamos e conversamos sobre isso e ela me disse que não sabia o porque ela estava me tratando desse jeito, mas que ela percebe que ela está assim comigo mesmo, disse que a gente não tem problema nenhum e que ela me ama muito.

Me deem conselhos pfvr, o problema está que ela não me ama mais ou é por conta da faculdade mesmo? E o que eu devo fazer em relação a isso?

21 comentários em “Será a universidade a culpada da minha namorada ter mudado tanto?

  • Jessiklima 22 de junho de 2019

    Sendo bem honesta com vc, eu como mulher posso ver que ela talvez não goste mais de vc e não tem coragem de terminar, mesmo com todo o estresse da faculdade ela não deveria mudar com vc pq qualquer coisa que acontece lá não deve afetar o relacionamento de vcs. Cabe a vc analisar essa situação e se não está bom pra vc então termina, um relacionamento sem reciprocidade não é possível, continuar só vai te fazer sofrer.

    Resposta
  • Fernando 22 de junho de 2019

    Acho que o pilar de um relacionamento é o diálogo. Você já conversou com ela uma vez e isso não adiantou… senta de novo e explica tudo que está sentindo e pensando… se as coisas não mudarem acho que seria melhor você se afastar um pouco, pelo menos por um tempo. Essa é a minha opinião, você que está no relacionamento e você que conhece ela… você que tem que ver o que é melhor.

    Resposta
  • Viviane 22 de junho de 2019

    Bom…se voçê perguntou e ela disse que não sabe o porquê da mudança…a semente foi plantada, se ela já sabe a resposta e não disse,ou se ela mesma esta sobre algum estresse ou depressão, e não sabe ainda o que ela quer; logo ela vai saber!! E voçê? Como voçê se sente? Esse é o problema!! Nada que ela esteja passando justifica o seu sofrimento, é muito ruim quando ficamos dependendo de uma decisão de outra pessoa pra ficar bem neh? Dá uma angústia não saber o que se passa dentro dela…seja o que for que ela decida; voçê parece ser um bom homem!! Comece a ouvir sua intuição;se parece que tem alguma coisa errada,mesmo sem provas ;junte os fatos!! Tome uma atitude responsável consciente…se afaste pra ver de um ângulo melhor!! E depois de analisar bem os fatos: tome uma decisão consciente!! Sei que dói ouvir isso: más Não espere que ela decida como tem ser os seus dias e seu futuro!! Nada pelo que ela esteja passando justifica isso; se ela quisesse dividir com voçê, mas parece que ela não quer!! Decida!! Boa sorte!! Aguardo notícias!

    Resposta
    • Lohan 22 de junho de 2019

      Viviane, todas as respostas aqui foram excelentes, em especial a sua fez diferença, infelizmente vivenciei exatamente o mesmo problema relatado, faculdade proporciona para ela novos momentos como: amigos, festas, paqueras, eventos, viagens entre diversas outras ocasiões e oportunidades.

      Só que existe um relacionamento sólido anterior a isto, e agora não cabe mais no contexto diário dela, ela não deve saber como terminar, e ele como homem fora do contexto, não consegue encontrar um espaço, passei exatamente por isto, e sofri muito em continuar o namoro assim, passado é passado, mas são decisões tomadas naquela época foram erradas, não quero desanimar, mas o melhor agora seria se afastar para entender o que pode acontecer no futuro.

      Ficar nesta dependência dela pode ser ruim, gerar ansiedade e angústias. E como você disse muito bem, ficar na dependência das DECISÕES dela para você ter um futuro não é saudável.

  • Vera Cristina 22 de junho de 2019

    Se vc a ama e acha que vale a pena investir. Capricha em vc, roupas novas, novos looks, essa atitude, poderá deixar ela com a “pulga atrás da orelha” e fazê-la ver que existem no muito mais do que as “coisas dela”. Capriche nos momentos de vocês – quando ela estiver livre, é claro, senão não funciona. Viagem, saiam prá jantar, cinema, enfim.
    Caso não resolva, conversa com ela, prá ver se é o momento de cada um seguir a sua vida, ou apena 1 fase.
    Vc não pode deixar de considerar a ideia de que ela tenha conhecido alguém na faculdade, não estou insinuando que ela tenha um caso, mas, alguém pode ter chamado a atenção, se mostrado interessante – são coisas da vida, vivemos em fila, sempre tem alguém mais e alguém menos do que a gente, em todos os aspectos.
    Essas atitudes irão ventilar a relação e também a sua vida – caso não seja o melhor continuar, vc já estará mais pronto para seguir em frente.

    Resposta
  • Samuel Alves 22 de junho de 2019

    ou ele está com depressão,ou ela está amando outra pessoa.

    Resposta
    • Akire 22 de junho de 2019

      Oi amigo, pelo pouco que você nos relatou, parece que ela se desintessou por você, será que você não está muito em cima dela?, Deixando ela sem ar para respirar?, Às vezes e sufocante ter uma pessoa em cima da gente o tempo todo, não tô falando em tratar com indiferença, mas dar mais espaço para ela decidir o que ela quer. E outra percebi que você está bem angustiado, a partir do momento que a relação está te fazendo mal, como preocupação, angústia, insegurança, e melhor analisar direitinho e ver se realmente vale a pena continuar. Eu sou mulher e estou passando por isso, só que no meu caso e ao contrário, eu não quero mais continuar e ele quer

  • MORFEU 22 de junho de 2019

    Afasta um pouco. Ela pode estar confusa. Deve haver outra pessoa. Vc parece ser o tipo apaixonado, inseguro, que fica em cima. Dá uma distanciada. Deixa ver se ela sente falta. Tem mulher que só ama quem é desapegado.

    Resposta
  • Me.blue.sz 22 de junho de 2019

    Oi!
    Acho que sua namorada te ama muito e ela está realmente passando por momentos de estresse. Acho que seria interessante vc oferecer pra ela um tratamento com o psicólogo.
    Eu já passei pelo mesmo que sua namorada, tratava as pessoas com frieza e certo desdém.
    Depois que comecei a terapia eu consegui perceber uma melhora significativa na minha vida pessoal e profissional.

    O diálogo e a ajuda é sempre bem vinda para uma pessoa que precisa de ajuda de um profissional.
    Espero que vcs fiquem bem!

    Resposta
    • Pavilo 22 de junho de 2019

      Acompanhei todas as respostas, vc até então foi a única que apoiou essa hipótese tbm, ela tem depressão e toma seus remédios, desde quando começamos a namorar, ela teve um certo receio pra contar, pq n sabia como eu iria reagir em relação a isso, mas n vejo isso como um problema.

      Mas ela começou só a se tornar MT fria agora e ela recentemente comentou que tava precisando de um psicólogo. É por isso que estou um pouco confuso pq n tô sabendo separar as coisas

    • Me.blue.sz 22 de junho de 2019

      Se ela toma remédios para depressão ou ansiedade etc. Procure saber os efeitos colaterais desses medicamentos. Pois eu tomo alguns e realmente parece que nosso cérebro desliga de mtas coisas.
      Mas com terapia e medicamentos ela vai ficar bem. Pode ter certeza!

    • Bruna 24 de junho de 2019

      Eu acho que a sua namorada pode estar com problemas de depressao e estresse por causa da faculdade. Eu sei porque estou tendo problemas com depressao e ansiedade por causa da faculdade e muitas vezes me sinto frustada por causa da faculdade, como se nada do que eu fizesse fosse dar certo e por isso me isolava do mundo. Mostre sempre que você está disposto a conversar e puxe ela pra mais perto. Se ofereça pra estudar junto se for o caso.

  • Observador 22 de junho de 2019

    Ela está ponderando decisões tomadas: reflexão semelhante de quando começamos a morar só em relação à época em que morávamos com os pais. Será que a Faculdade era o que ela imaginava? Perceber que é um ambiente diferente do Colégio: na Faculdade as pessoas geralmente fórmam Equipes com CDF/s. No Colégio é mais por afinidade de gostos, personalidades, que as Equipes se fórmam. Melhor é dar um tempo: deixar ela te procurar. O tempo dirá: se ela te quer no futuro ou uma recordação do passado!

    Resposta
  • cremildinha 23 de junho de 2019

    Ela nao te ama mais, cai fora

    Resposta
  • Tina 23 de junho de 2019

    O coração da mulher é como um mar profundo, o qual você nunca saberá exatamente o que irá encontrar. O que se passa com a sua namorada, ninguém poderá te oferecer uma resposta com segurança, mas o que vc pode fazer é lhe dar espaços. Ficar na cobrança, correr atrás, ficar se desdobrando em agradá-la, enquanto a mesma lhe trata com frieza, apenas demonstra que o relacionamento só interessa para um lado. Acho que é o momento de você, ter um pouco mais de personalidade e esperar que as atitudes de interesse na relação, também venha dela. Ela tem que sentir que pode te perder, para ficar mais esperta. Agora se a mesma aproveitar essa oportunidade, para dar um tempo na relação, significa que isso já estava presente nas suas intenções e que não estava conseguindo encontrar a oportunidade certa, pelo fato de você sempre a ter tratado muito bem. Deixa-a te procurar e se abrir com você.

    Resposta
    • Coroa amigo 23 de junho de 2019

      Amigo sinto muito mais a verdade é,uma só lá ela conheceu homens lindos melhor que você então já era ,vai viver sua vida é deixa ela seguir a dela .e assim ums ganha outros perdi mais a vida segue

    • matilde 24 de junho de 2019

      Coroa amigo, um tanto cruel o seu post, vc não acha? Não se pode afirmar absolutamente nada, sobre os motivos pelos quais a namorada do rapaz do post, está diferente, mesmo porque vc desconhece as principais particularidades dessa relação. Se a garota está um pouco desapegada da relação, desatenta a certas atenções com seu parceiro, pode haver várias explicações, que não precise ser propriamente algum lance de traição. Todos os relacionamentos estão susceptíveis de em algum momento, haver mudanças, pois a medida que se muda as rotinas, os casais precisam se adaptar e se ajustar entre si a essa nova realidade. Se uma pessoa tem um real interesse em trair, tal conduta, poderá ocorrer em qualquer lugar, não precisa ser em uma faculdade. Tenho uma vizinha, que é do “lar” ou seja que não trabalha, conheceu o seu amante, passeando com o cachorrinho na rua, enquanto o seu marido fica se trabalhando que nem um maluco para manter toda a estrutura de gastos do lar e da princesinha. O pior que não faz nem 5 meses que ela mandou instalar uma jacuzzi, para agradar ainda mais o amante e ainda compra o silêncio dos porteiros, tudinho com a grana do marido. Não acho que seja esse o lance da sua garota, mas ele precisa parar de correr atrás, para avaliar o real nível de interesse dela na relação. Eu no lugar dele, seria mais misterioso, mudaria um pouco a postura, para ver o que vai rolar .

  • Denise 24 de junho de 2019

    O ambiente da faculdade é inovador, tudo é diferente. E mesmo que ela te ame, certamente pode estar na dúvida de tudo que pode viver durante o período de estudos e talvez um namoro a prenda. Acho que não seria motivo para te tratar com frieza, principalmente se você é tão carinhoso. Então, considerando que tudo o que uma mulher deseja é um homem atencioso, romântico e carinhoso, procure outra! Certamente será melhor valorizado!

    Resposta
  • Lore 24 de junho de 2019

    Eu passei por isso com o meu namorado, fiquei cerca de 1 ano, praticamente 24h só dentro da universidade. Com o meu curso, minha bolsa de pesquisa e o centro acadêmico que eu fazia parte. Vivia isolada estudando ou elaborando um projeto, não tinha tempo para o meu namorado e não conseguia o encaixar na minha vida. Vivia atolada de coisas e mto pra baixo e me afastei mto dele nessa época. Era algo mto importante pra mim e eu nao queria abrir mao, porém amava mto ele. Conversamos mtas vezes, mtas brigas, ciúmes, desconfiança e isso me afastava cada vez mais. Eu estava estudando, estudando!!! Enfim, seguimos juntos e passamos por isso e eu nao deixei de fazer oq queria. É difícil, mas é preciso ter confiança. Apoie ela, dá um espaço pra ela tbm, deixa ela sentir sua falta. E com ela, procure um equilíbrio pra que tudo dê certo.

    Resposta
  • Tony 26 de junho de 2019

    Cara, tudo o que eu disser é a respeito de mim mesmo, das minhas experiências, porque acho que tudo o que exteriorizamos é o que está transbordando de dentro (mesmo que inconscientemente). Então a minha “ajuda” creio que possa ser te mostrar que não tenho como “ajudar”, porque cada pessoa está presa no seu contexto pessoal, sugiro que se esforce para ver além dos seus próprios interesses e perspectivas… O ego, o “eu” parece ser como um “buraco negro”.

    Resposta
  • Ricardo 26 de junho de 2019

    Romântico, carinhoso, compreensivo. ai esta o teu erro já disse tudo.
    Não seria melhor ao contrario. Por mais que tu esteja caindo de quatro por uma mulher nunca em momento algum abra o jogo senão tu estará Fu…do.
    Simplesmente mande andar não de nem tchau por tu já era. Desculpe.

    Sou casado a 40 anos ja sou avo ok

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *