Quero uma família, mas não encontro ninguém

desabafo de problemas amorosos e de coração

Sou mais ou menos, não sou bonito nem feio, tenho 36 anos e não tenho filhos. Um meia boca.
Divorciado, com um ano de casamento. Fiquei mega frustrado, quando ela pediu o divórcio. Me faltou o chão, não esperava por isso. Está certo que não era nada fácil, eu estava a pelo menos 8 meses desempregado, porém não faltou nada para ela durante este período, nunca deixei faltar nada, sempre tivemos mais do que precisávamos, minha rescisão foi muito boa.
Após sair o divórcio, o emprego veio. Logo depois ela quis reatar, mas eu não tinha mais segurança em voltar. Ela quem quis se divorciar, eu queria ficar com ela, levar nosso casamento a diante, mas respeitei a vontade dela. Melhor divorciar que viver sendo traído.
Sou muito sincero e autentico, o que tenho para falar falo, não sou de ficar de indiretas coisas assim, vou bem direto. Entenda, direto e realista, não um grosseiro que fala o que dá na telha.
Conversei com ela e expliquei que não confiava mais. E seguimos a vida desde então.
Estou sozinho a 4 anos, sem namorar. Agora quero ter um relacionamento, constituir família e ser feliz com alguém que realmente goste de mim e não vá abandonar o barco na primeira dificuldade. Mas está tão difícil, as pessoas não querem ter um relacionamento sério. Querem apenas bagunça e diversão. Mesmo dentro da igreja. Muitos não valorizam a família, a cumplicidade e companheirismo.
Está cada dia mais difícil encontrar uma companheira que te entenda e queira andar para sempre com a gente.
Não tenho visto luz no fim do túnel.

9 COMENTÁRIOS

  1. Existem boas agências de casamento. Procure uma séria, que com certeza vai encontrar uma parceira. Pelo menos nesse local você vai encontrar pessoas com objetivos comuns. Apenas tome cuidado em não selecionar uma garota que queira ficar encostada nas suas rendas, pois quanto mais autonomia a mulher adquire pelos seus esforços com seu trabalho, mas consciência e responsabilidade ela desenvolve também com a sua relação, com seu parceiro. Casais inteligentes crescem juntos, sabendo fazer trocas entendendo as necessidades e sacrifícios dos seus parceiros. Essa mulher com quem você casou, pelo visto é do estilo que só sabe receber e não se doar, o que foi claramente demonstrado, ao ter pedido a separação em um momento em que ela própria deveria arregaçar as mangas, ajudar o seu marido com os seus rendimentos, enquanto o mesmo está desempregado. Ela não foi mulher suficiente, para segurar o relacionamento em um momento de adversidade, foi só se focou nos seus próprios interesses.

  2. Nós homens temos essa vantagem de poder arrumar uma mulher em praticamente qualquer momento da vida. Eu separei ao 32 e casei novamente aos 34 e isso já faz mais de vinte anos. Arrumei uma mulher maravilhosa e sou feliz desde então. Atualmente podemos conhecer muitas mulheres virtualmente, pelas redes sociais. Fique tranquilo, você logo conhecerá uma pessoa companheira e leal! E só prestar atenção e manter o foco!

  3. Calma. Se valorize. Encontre várias. Selecione bem. Tem muita cabeça oca querendo encostar em caras como vc. Procure uma independente. Caso contrário, vai lhe custar caro, material e espiritualmente.

  4. Moço, se para vc está difícil encontrar uma pessoa que valha a pena, imagine para nós mulheres. A coisa anda feia mesmo para a maioria de nós. Desconfie quando vc se depara com alguém que diz que é fácil: muitas vezes a gente acha que ganhou um diamante quando, na verdade, é uma bijouteria. Com uma sociedade que prega que a vida é só para curtição, banalizando as traições, com sexo fácil em qualquer esquina, que estar numa relação séria é uma “cafonice”, a maioria prefere essa opção mais “fácil” mesmo e vai levando a vida desse jeito! Para pessoas que querem algo a mais do que isso, fica bastante complicado (mas não impossível). Então, saiba que vc não está sozinho nessa. Sugiro que vc continue investindo mais em si e na sua carreira. Viaje, tenha hobbies e não foque tanto nisso, até para vc não se precipitar e abrir sua vida para uma mulher que não te merece e, como o amigo de cima falou, só vai chegar para atrapalhar vc. Não vale a pena. Sigo minha vida e se tiver que aparecer alguém com o perfil que gostaria de conhecer, vai surgir. Se não, vou vivê-la do mesmo jeito!! Sua felicidade está em vc mesmo…

  5. Por enquanto melhor ficar sozinho do que cair nas mãos de alguma parasita.
    Fica tranquilo e curte sua solteirice.Viaje,se divirta ,amplie seus horizontes,conheça pessoas diferentes,namore,faça sexo sem compromisso(nunca sem camisinha)…viva.

  6. Entra na fila amigo, tbm estou na mesma, tenho 37 anos, modestia a parte sou bonito, pelo menos apresentável rsrs, tenho um ótimo salário, apartamento, carro, dinheiro no banco, viajo pra onde quero e não está fácil encontrar mulher que valha a pena… Quero casar, formar uma família, mas não com qualquer uma, prefiro ficar solteiro.. Meu conselho é: viva a sua vida e relaxe, o que tiver que ser será, não caia no desespero, antes só do que mal acompanhado.

  7. Também não vejo luz no fim do túnel.

    Falastes da recisão. A recisão é TUA, pessoal e intransferível. O fruto do teu trabalho é unicamente teu, não tem dever algum de pagar as contas de outras pessoas ou sustentar outras pessoas, no mundo de hoje isso é inútil..

    pessoalmente, decidi esperar, no futuro quem sabe, ache alguém que ainda não nasceu, em uma nova geração, que não tenha sido contaminada pelas ideias que a maioria das mulheres de hoje seguem.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here