Quero me separar pois ele não trabalha

Estou casada há quase 2 anos e meu marido não trabalha e vive todo tempo no celular e ainda não se esforça para ajudar nas despesas de casa, passo o dia inteiro no trabalho chego em casa está uma bagunça e ele assistindo TV e no celular e para piorar somos pastores evangélicos e não conseguimos ter diálogo pois ele sempre me culpa por tudo diz que não sou uma boa esposa reclama que está sempre sozinho eu vivo cansada não tenho mais desejo por ele amo ele mas não aguento mais essa situação. o que faço?

Ler
Quero me separar, o que fazer?
Etiquetas
marido não trabalha quero-me separar

8 Comentários

  1. Pastor evangélico e preguiçoso? Só falta ter votado no candidato do Malafaia!(rs)! Tenho um cunhado pastor que também é assim! Minha irmã que é professora em duas escolas é que trás dinheiro para casa. Eles são casados há quase 30 anos e ele sempre foi assim: ” o Senhor vai abençoar” e blábláblá! Separe em quanto ainda tem condições de arrumar outro servo do senhor, senão mais lá na frente vai se arrepender de não ter tido coragem de cair fora!

  2. É pastora e deve saber que ao cristão é licito divorciar-se em caso de adultério, certo? Sim, certo.
    Portanto vejamos aqui: ”Dicionário adultério substantivo masculino
    1. Juridico: violação, transgressão da regra de fidelidade conjugal imposta aos cônjuges pelo contrato matrimonial, cujo princípio consiste em não se manterem relações carnais com outrem fora do casamento. 2. Por extensão: infidelidade estabelecida por relação carnal com outro(a) parceiro(a) que não o(a) companheiro(a) habitual.
    Adultério wikipedia
    Adultério é a prática da infidelidade conjugal. Com o tempo, o termo estendeu-se ao sentido de fraudar ou falsificar, adjeta ao verbo.”
    Ou seja, ele ‘frauda’ a instituição Casamento, não é mesmo? Sim, ele é ‘infiel’ e ‘adulterador’ como varão num casamento porque é um vagabundo e nada menos do que isso. Então, além disso, é ‘pastor’ como eu seria, a saber, coisa nenhuma.

  3. Bom. ai vem aquela velha dúvida que sempre acontece com os casais.concerta ou troca.um comportamento tipico masculino é não ser um bom companheiro para que a mulher termine o relacionamento. independente da religião, claro nem todos são assim mas é um comportamento comum nos homens, pois você esta suprindo financeiramente, você já se perguntou se você não esta agindo como mãe dele? o sustentando, e dando bronca.? se assim esta ocorrendo. se você esta cuidando dele como filho ele não vai te respeitar como esposa, e se ele a vê e a trata assim como um filho rebelde ao invés de um marido maduro e responsável, não existe casamento. e se existe é só da sua parte.ai você já sabe o que fazer.se não existe casamento segue sua vida e de espaço para um homem maduro ficar do teu lado, mas primeiro observe se é isso mesmo que eu falei observe e mostre isso a ele que você é esposa e não a mamãe dele.

  4. INTERESSANTE é como o machismo à la evangélicos está tomando conta da sociedade no momento. Sem generalizações, é claro! Mas homens de Deus amaria suas esposas a ponto de entregar suas vidas por elas, como propõe o livro de I Corínthios.. Mas por séculos a religião vem propondo apenas a submissão feminina. Sabendo disso, mesmo sendo evangélica, me casei com um homem ateu, que longe das hipocrisias cristãs faz de tudo por mim porque quer fazer e não por imposições. Ao mesmo tempo eu o respeito não porque Jesus mandou mas porque meu coração pediu…simples assi.Ou vocês se acertam e se distanciem. Nem Deus não suporta “o morno”.

  5. O seu marido usa a condição religiosa dele como pastor, para manipular a relação e viver só as mordomias desse casamento, tendo uma mulher que trabalha dentro e fora de casa, que lhe serve sexualmente, que paga as contas, enquanto ele fica na TV ou no celular. Eu sei que os evangélicos levam a sério seus votos de casamento, mas é evidente que você escolheu uma ovelha ruim e que está te submetido a uma relação abusiva. Sai fora desse casamento e arrume alguém melhor da sua igreja, pois está na cara que esse homem nunca vai mudar.

  6. Seu marido não é pastor. O nome disso é GIGOLÔ. Vamos deixar as coisas bem claras, primeiramente. Segundo, largue desse bosta que sua vida não vai andar. Enquanto ele tiver um teto para morar, comida, roupa lavada, cama quente e ainda por cima uma esposa que trabalha fora bancando todas as despesas, para ele está ótimo ue. Tome partido da sua vida e não deixe religião te cegar. Deus quer o melhor para vc, mas só depende de vc.

  7. Pow o cara não trabalha, fica a tarde toda assistindo TV e quando você chega cansada do trabalho ele fala que você não é uma boa mulher e que deixa ele sozinho sendo que você está lá suando a camisa para trazer o sustento para dentro de casa, deixa de ser burra e larga fora! O que mais tem por aí é homem querendo uma mulher trabalhadora que possa construir uma vida juntos! Caia fora e seja feliz!

  8. Nem fala, ele deve viver “batendo uma” e flertando pela internet.
    Eu também estou nessa.
    Sei o dilema.
    Não preciso de homem para sustentar, mas entre a vontade e os fatos acontecerem de verdade é uma luta grande, viu?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar