Quanto custa superar alguém?

Vai fazer dois anos que terminamos, DOIS ANOS, hoje ele já ama outra, está feliz, e com toda certeza nem lembra de mim, e em dois anos ele já se envolveu com varias pessoas e essa parece que é para valer, e eu? eu sou uma azarada, apareceu duas pessoas na minha vida nesse tempo, as duas só duraram exato UM MÊS, e nesse tempo todo não consigo esquecer ele, isso me custa muito, vivo triste, quando lembro choro, doi muito, dentro de mim doí, e eu não sei o que fazer, a trsisteza me tira de um mundo que pode ser bom, eu penso em ir atrás mas lembro de todos os não, e lembro que ele está feliz, queria apenas parar de sentir a angustia que me segue, que vive dentro de mim. Quanto vai custa superar? já perdi tanta coisa, e me sinto cada vez mais perdida.

5 Comentários

  • P.S Soares 13 de agosto de 2019

    Primeiro fica tranquila se ame mais e se cuida e assim como ele seguiu a vida dele, siga em frente e para aplacar a tristeza faça coisas que te alegre e que você goste, como sair com os amigos ou sozinha também ,leia livros que vc goste (dica: livros de autoajuda são muito bons e ajuda bastante), vá ao cinema, parque e etc.

    Resposta
  • julia 13 de agosto de 2019

    A felicidade é um processo de construção interior e que depende exclusivamente da sua predisposição para se auto promover mudanças, portanto, seja a arquiteta da sua vida, oferecendo para a mesma novas cores e padrões, permitindo abrir um arco íris de energia de luz, de realizações e de pensamentos positivos, para que consiga encontrar novas motivações e propósitos para seguir um caminho diferente daquele que só te levou a frustrações. A sua vida emocional não encerra naquilo que não deu certo, portanto, não desperdice o seu tempo chorando por alguém cujo seu ciclo de experiências já se encerrou, pois vc percebeu que após o rompimento, o seu ex continuou as suas buscas, fez as suas tentativas de se acertar com diversas garotas, mas em nenhum momento verteu para a sua direção, por outro lado, vc continuou a insistir no monitoramento, sempre comparando sortes na vida, quase que torcendo pela sua infelicidade, simplesmente, para alimentar o seu ego ferido. Vc já pensou que exatamente essa sua postura negativa é que te faz escorregar para fora das boas oportunidade, pois vc está apenas dissipando energia boa, para propósitos ruins e causas perdidas. Mude as suas atitudes, eleve o seu espírito para as mudanças, tenha um olhas mais complacente com a vida, sem cobrar o imediatismo das respostas para as suas questões emocionais pendentes, pois felicidade não depende de muletas, mas sim de vc mesma.

    Resposta
  • Observador 14 de agosto de 2019

    Experimente ser grata pelas vitórias que teve até hoje. Se abra ao futuro e quando vierem pensamentos conectando você à ele, mude o pensamento para projetos que tenha para a sua vida. Um erro muito comum é fecharmos um ciclo e deixarmos a porta da mente aberta para o passado se achegar. Feche essa porta! Sucesso.

    Resposta
  • Júlia 18 de agosto de 2019

    Vc descreveu exatamente como estou.
    Ele terminou faz 3 meses, está conquistando outra e vejo tudo isso através das redes sociais. Meu Deus como dói! Há horas que parece que falta o ar de tanta dor, mas apesar disso não consigo ir mais atrás. Seria mais uma humilhação. Ele me mandou seguir em frente, mas tá tão difícil…um dia estou bem e no outro choro. Estou tentando voltar a estudar p concurso e é isso que ainda me mantém de pé.
    Te desejo muita força em Deus, pois sei que não é fácil.
    Um forte abraço!

    Resposta
  • rgz 19 de agosto de 2019

    Estou passando por isso hoje.
    Perdi minha esposa e nem sei porque. Tivemos momentos difíceis e acabamos nos separando mas não conseguimos ficar distantes. Num dos “remember” nós decidimos tentar recomeçar mas eu queria que fosse algo mais do que só um namoro escondido, ela não aceitou que eu conversasse com os pais dela, aceitei seguir dessa forma por um período. Agora, do nada ela começou a dizer que se sente sufocada e que não quer abrir mão dos amigos, porém, esses amigos ela fez a uma semana em um curso, são apenas conhecidos, mesmo assim entre continuar comigo e manter amizade com eles (que ja teve uma paquera dela com um dos “amigos”).

    Enfim, estou me sentindo um lixo, um idiota, burro, e com um aperto no peito, uma dor, uma angustia que não passa de jeito nenhum. Não sei o que fazer, está doendo demais.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *