Histórico do marido cheio de vídeos de sexo anal

Meu “marido” (apenas moramos juntos, não somos oficialmente casados e ele não teve a coragem de me pedir em casamento ainda) e eu temos rotinas carinhosas para não perder o prazer do carinho e contato.
Uma delas é dormir sem roupa e sempre abraçados.
Na noite passada, ele ficou jogando no celular, pedi para ele me abraçar para dormir e ele disse que ainda não estava com sono, que só iria jogar mais um pouco, porém, acordei do nada às 6 da manhã e ele ainda estava mexendo no celular, o que me deixou muito chateada por ele não ter dormido comigo e nem ter me abraçado e no fundo, senti que poderia ter algo estranho.
Ele levantou para tomar banho e quando vi o histórico no celular dele, havia muitas pesquisas e acessos em sites pornô, maioritariamente sobre sexo anal, e inclusive, pesquisas de vídeos que vazaram aqui na nossa cidade.
Eu estou muito chateada, eu estou menstruada e por estar sentindo muitas cólicas, não tivemos relações durante o período menstrual (que no caso termina hoje), e ele não teve nenhuma consideração.
Além do mais, fazemos tudo sexualmente na cama, em tudo quanto é canto da casa e até fora, e fazemos o queridinho anal.
De vez em quando apimentamos a relação com pornô e contos eróticos.
Não tenho problema nenhum quanto a isso. Mas deixar de dormir comigo para assistir pornô, foi demais.
E o histórico de navegação, não foi pequeno.
Agora eu é que estou me sentindo um objeto, como ele diz que o pornô faz os homens pensarem assim sobre as mulheres.

0 0 votos
Avaliar Desabafo
1 Comentário
Inline Feedbacks
View all comments
Sergio
1 month ago

Homens tem uma relação particular com a pornografia desde quando ela se tornou abundante e deixou de ser recriminada como algo degradante. O consumo da pornografia está fundamentada num prazer auto-erótico, ligado ao ato da masturbação. Ou seja, ele não procura pornografia por estar insatisfeito com vc, porque não te ama, não tem mais interesse em você ou não te quer mais. Ele quer sentir prazer consigo mesmo. É algo carregado com uma dose de narcisismo (e todos temos algo de narcisista), que uma relação sexual com alguém não poderia resolver, talvez se a parceira fosse totalmente objetificada. Como o universo sexual feminino foi construído de forma diferente, isso pode ser difícil de ser entendido. Vou fazer uma comparação: se ele estivesse num relacionamento puramente sexual com a atriz pornô dos vídeos, transando de mil formas diferentes, com sexo anal abundante, ele se trancaria no banheiro com uma foto sua para se masturbar pensando no PPMM mais trivial.