Não consigo esquecer meu ex, mesmo estando casada

Conheci meu ex com 12 anos e namoramos por quase 3 anos.
Eramos muito imaturos e ele claramente gostava de mim muito mais do que eu gostava dele, não que eu não gostasse dele mas era um amor de amizade e isso o fazia muito mal.
Um dia, por decisão dele terminamos e ele se afastou completamente de mim.
Eu sabia por amigos e até pela mãe dele que ele estava sofrendo muito mas não queria mais um relacionamento em que não era correspondido.
Na época cheguei até a mandar um e-mail para ele pedindo perdão, minha intenção nunca foi magoa-lo.
Como morávamos no mesmo bairro vez ou outra o via de longe e depois de alguns anos vi que estava namorando novamente, mas cada vez que eu o via o semblante dele parecia mais triste e pesado.
Dez anos após nosso rompimento ele me procurou e me chamou para sair, como estava solteira, aceitei na curiosidade de saber como ele havia passado esses anos todos e foi incrível!
Ele se abriu comigo, disse que tinha sido noivo mas não conseguiu casar porque nunca me esqueceu, que tinha passado por algumas fases pesadas na vida dele, inclusive com uso de drogas, mas que hoje estava buscando melhorar e que umas das coisas que ele sentia que deveria fazer para que conseguisse seguir em frente era me procurar.
Nós ficamos por alguns meses e eu cada vez mais apaixonada, quando estávamos juntos parecia que os anos não tinham passado.
Ele demonstrava estar apaixonado também e eu estava muito feliz em finalmente conseguir fazê-lo bem.
Porém um dia, sem mais nem menos ele resolveu romper tudo, disse que tinha medo que eu o machucasse de novo e que não queria passar pela fase ruim que tinha levado todos esses anos.
Eu sofri muito com isso, mas resolvi deixa-lo ir se essa fosse a condição para que ele ficasse bem de vez.
Chorei por meses, por varias vezes quis ir atrás dele mas não achava que tinha esse direito.
Quase um ano depois conheci um outro cara que foi uma luz no fim do túnel, ele me tirou do sofrimento, me acolheu, me deu carinho, parecia ser tudo que eu sempre quis.
Estamos juntos há cinco anos e há um ano e meio moramos juntos, nunca esqueci meu ex mas faço de tudo para ser feliz com meu atual, porém nosso relacionamento tem esfriado muito de uns meses para cá, brigamos por besteiras e vivemos estressados dentro de casa, já tentei de tudo para melhorar nosso relacionamento mas não sinto o mesmo dele.
Fuçando nas redes sociais do meu ex descobri que ele vai a uma festa aqui na cidade daqui a duas semanas e fiz uma coisa da qual já estou me arrependendo, comprei o ingresso para a festa na esperança de vê-lo. Estou fora de mim, nunca fui uma pessoa que corre riscos mas já não sei o que eu faço, sinto que nossa história não acabou e que ele me ama, inclusive acredito que tanto meu ex como meu atual sejam coisas mal resolvidas de vidas passadas.

5 Comentários

  • Aba 10 de julho de 2019

    Você tem uma atitude típica de uma mulher que ainda não conseguiu superar a adolescência e é evidente que o seu casamento em algum momento iria se amornar, pois você não está colocando a sua boa energia em fazê-lo funcionar e pelo visto não está interessada em buscar formar um clima positivo nessa relação, já que sempre traz à tona discussões e picuinhas, ao invés de administrar as suas diferenças com equilíbrio e maturidade. Aparentemente você é uma pessoa sonhadora e que está prestes a estragar a sua vida, por conta de uma paixonite que sustentou por muitos anos, por alguém que você conheceu no passado, que na época tinha 12 anos, ou seja, alguém que nem tinha pêlos no saco, quanto muito maturidade para entender um relacionamento de adultos, uma vez que estava ainda em fase de formação da sua personalidade e mesmo hoje é um ex viciado em drogas, o que também já é um alerta para redobrar os seus cuidados, pois as sequelas sempre ficam se ele for eu usuário pesado desses venenos. Acho que você está pensando em entrar na maior furada da sua vida. Está na hora de crescer e se o seu relacionamento atual não está bom, se não quiser se esforçar para melhorá-lo, dê um tempo na sua vida para arrumar uma outra pessoa que se alinha melhor ao que você espera de um parceiro.

    Resposta
  • Observador 10 de julho de 2019

    Sempre fica uma saudade de quem foi o primeiro Amor, mas não implica que devam ficar juntos. Se você de fato o ama, deixa ele ser feliz e agradeça à Deus dele estar vivendo um dia de cada vez: ter parado de usas drogas, foi uma vitória e uma benção para ele. Uma nova ida e vinda de vocês póde gerar uma recaida ao vicio! Pense nisso e busque novos horizontes!

    Resposta
    • Observador 10 de julho de 2019

      Correção: Leia-se: (…) ter parado de usar drogas (…)

  • Kagura 11 de julho de 2019

    Bom, você e esse seu marido aí já era, se esfriou coloque logo um ponto final nisso e não fique empurrando com a barriga porque no final pode dar ruim, você pode engravidar. Agora quanto ao outro, já te passou pela cabeça que ele pode estar com outra pessoa agora? Ou que terminou com você pra fazer a rehab dele com outra? Não tem como te culpar por você não ter correspondido aos sentimentos dele no passado, você tinha 12 anos! Nem idade pra namorar tinha. Com todo o respeito pelas suas crenças, mas seja um pouco mais racional. Termine com o seu marido e se quiser ir atrás do outro vá, mas sem expectativas porque afinal já se passou bastante tempo e as coisas mudam. Você pode ser feliz em um novo começo sem nenhum dos dois se quiser.

    Resposta
  • Du 11 de julho de 2019

    Tem mulher que não dá valor no quente sabe que é errado e mesmo assim vai lá e faz. O engraçado é que quer tentar com o ex que por duas vezes não deu certo mas quer continuar com o marido. Quer manter o casamento caso não dê certo com o ex. Quanta coisa errada em uma atitude egoísta. Vai machucar quem te ama por uma aventura. Pq não separa?

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *