COMPARTILHAR
desabafos de problemas no casamento

Sou casada há 13 anos e tenho 36 anos. Meu marido tem 42 anos. Após a morte de sua irmã, há 4 anos, meu marido começou a afrouxar constantemente. Como ele não pode tomar Viagra devido a problemas cardíacos, procuramos uma psiquiatra. Após muita terapia não houve melhoria nenhuma. Enquanto isso eu ficava cada vez mais infeliz. E então conheci um rapaz em um shopping e fomos a um motel alguns dias depois. Ele também é casado. O sexo com ele foi maravilhoso. Houve aquela explosão de tesão em mim porque estava muito reprimida. Após a transa trocámos telefones e marcamos um outro encontro ao qual não fui. Não fui e contei ao meu marido o que tinha feito. Ele me compreendeu e me disse que eu poderia ficar transando com meu amante discretamente. Naquele dia, à noite, transei com meu marido que ficou me perguntando detalhes sobre a transa com meu amante. Eu contei um pouco como tinha sido a transa e isso o fez ficar com muito tesão e ter um ótimo desempenho sexual. Na semana seguinte transei com meu amante novamente em um motel. Nessa vez tive um orgasmo maravilhoso. E assim tem sido há cerca de 2 anos. A esposa de meu amante não é ciumenta. Fui apresentada a ela por ele como amiga e ela me tratou muito bem. Tive a impressão de que eles têm um casamento aberto. Bem, tudo está maravilhoso agora!

Advertisements

66 COMENTÁRIOS

    • Vejo vários homens querendo que suas esposas aceitem, e várias mulheres querendo que seu companheiros tb aceitem, RS, é sempre assim, quando um curte, o outro dificilmente curte tb. Homem que deseja que sua companheira seja livre no sexo, é mais feliz.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here