Meu casamento foi se desgastando e eu acabei me envolvendo com uma pessoa do meu trabalho

Fui casada por 9 anos. Antes disse namorei por 4 anos. Foram 13 anos de relacionamento. Meu casamento foi se desgastando e eu acabei me envolvendo com uma pessoa do meu trabalho. Sempre abominei traição e nunca tinha desrespeitado meu marido, nem quando namorávamos. Sempre fui uma pessoa muito correta, fui uma filha exemplar e era uma esposa mais exemplar ainda. Acontece que me apaixonei perdidamente por esse rapaz do trabalho, eu pensava nele dia e noite, e como meu casamento já estava desgastado, acabei cedendo. Antes de ceder eu pedi um tempo para o meu marido. Falei que estava confusa em relação a continuar casada. Ficamos em quartos separados, mas morando na mesma casa. Ele sofreu bastante quando pedi esse tempo, mas aceitou. E nesse tempo eu cedi e me envolvi com esse outro homem. Poucos dias depois meu marido descobriu tudo. Ele disse que me perdoava o erro, mas não daria para continuarmos juntos. Nos divorciamos e eu acabei ficando de vez com o homem pelo qual me apaixonei. Hoje moramos juntos e temos um filho que nasceu há pouco tempo. Acontece que até hoje jamais me perdoei. Eu deveria ter me separado antes de trair. Só Deus sabe o quanto me envergonho do que fiz e o quanto me arrependo.

0 0 votar
Avaliar Desabafo
8 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Moacir
1 year ago

Se se arrependeu é porque não fez bom negócio. O outro casamento também deve ter se desgastado, como qualquer outro, mas seu marido – espero – arrumou alguém que o merece. Inda bem que ele de o melhor, perdoou mas caiu fora.

MORFEU
1 year ago

Esquenta não. Seu marido mereceu. Todo homem frouxo merece os cornos que leva. Vcs estão perdidas por causa desses otários que dão tempo e sofrem por vcs. Segue sua vida.

Yeda
1 year ago

Acho que já chegou o momento de você soltar os freios da sua consciência e passar a entender de que ninguém é infalível a vida toda. Todas as experiências pelas quais você passou no seu casamento anterior, lhe ensinou de que nos relacionamentos não existe data de validade e nem garantias de que vai funcionar para sempre, mas sim a predisposição de se manter no mesmo enquanto existir motivação, flexibilidade e interesse em se adaptar aos processos de mudanças, que ocorrerão ao longo da convivência. A ideia do casamento não é de se suportar, mas sim de viver um clima de harmonia, de renovação, de vontades de construir algo diferente com esse parceiro e pela boa química curtir momentos de prazeres. Acabe com esses sentimentos de culpa, pois apenas para o seu conhecimento, de cada um milhão de casamentos anual, 300 mil se separam e uma boa parte em menos de dois anos. O seu casamento anterior em parte deu certo, o que se confirma pelos longos 9 anos de convivência, portanto conseguiram construir uma história, mas que chegou ao fim, porque algo se quebrou dentro dele e que não pode mais ser reconstruído. Vá ser feliz e esqueça essas suas culpas, pois pelo que tudo indica, você foi uma grande mulher e se doou muito para a sua relação passada, mas ninguém tem a capacidade de prever o futuro.

manuela
1 year ago

É, o casamento desgastou. Então a gente ‘pede tempo’, o outro que é bem-besta cede, aí sim engata na paixonite que estava engatilhada e pronto, tuuudoo certo, né amiga? Agora bvem a culpinha idiota.
Responsabilize-se pelas suas ações e por ter manipulado o seu ex para poder fazer sexo com o outro mediante ‘pedido de tempo’ (como se isso rompesse um casamento.). Criançola, você.
Claro que não tinha maturidade para um casamento. Agora responsabilize-se pela sua imaturidade de então e pronto, nada de culpinhas idiotas porque se amofinar e bancar a crucificadinha não mexe no passado. ”Conhece-te a ti mesmo.” Tudo, tudo pode servir de aprendizado se assim o permitirmos.
E o seu ex foi bem ‘vingativo’. Por isso os seus remorsos. Perigoso, ele! Sim, sim, ”eu perdoo, mas caio fora e você me perdeu.” Malvado, hã? Bom para saber com quem estava casada.

Verdade
1 year ago

Traiçao é imperdoavel, até mesmo no atheismo é algo que destroi tudo no outro, é que nem morrer e continuar vivo, traiçao somente tras tragedia seja até mesmo neste caso, que ele permitiu este tempo que obviamente ele estava até mais desgastado que voce. Por fim é isto. Se Deus existir é inferno. No atheismo é tortura pois você sempre sentira culpa, é algo que todos que traem falam, para não trair, que peso é enorme.

lucas
1 year ago

Se estivesse arrependida não estaria com seu amante ainda, se você acredita em Deus sabe que enquanto ficar com esse homem sua vida não vai para frente.

Ronaldo
1 year ago

Teu ex marido é um cara de sorte pois se livrou de uma vadia como você.

Andre
1 year ago

E outra coisa, você pode até ter sido uma filha exemplar, mas uma mãe exemplar de jeito nenhum, se não você não teria feito isso enquanto estava com a família unida. Aliás você preferiu quebrar a confiança se desculpando com um tempinho. Esse negócio de tempinho não existe ou termina ou continua, tempinho é para pessoas que não querem mais, mas por estarem levando vantagens na relação não querem perder as mamatas
E seu ex foi muito experto, não foi corno, porque corno é aquele que aceita. Ele simplesmente entrou na vida de uma mulher que na verdade não queria ele, e sim uma estabilidade que um casamento pode dar em nossas vidas nada mais. E se realmente tivesse se arrependido não teria sido varias e varias vezes, levando uma vida dupla.
Seria mais honesto se tivesse arrumado sexo pago, se não tivesse em casa, quem sabe assim eu poderia ver alguma sensatez nas suas palavras de arrependimento.

Botão Voltar ao topo