Me sentindo feia

Era complexa com meu corpo, decidi então fazer academia.
Comecei bem novinha aos 13 anos de idade. Desde então nunca havia parado de malhar.
Actualmente tenho 17. Meus pais, alegando que eu estou com um corpo grande, me proibiram de continuar a malhar.
Estou parada à cerca de 4 meses, e vejo que a cada dia que passa estou perdendo o corpo pelo qual lutei durante 4 anos para conquistar . Estou ficando depressiva, e deixando de gostar de mim! Amo malhar, para mim academia não é um passatempo e sim uma necessidade. Comecei a tomar bomba na tentativa de diminuir as consequências da falta de academia e mesmo assim não está adiantando. Não consigo convencer meus pais a me deixarem voltar para academia! Estou cada vez pior e sem saber o que fazer. Por mais que muitas pessoas critiquem, eu gosto de ser relativamente forte.

Etiquetas
feia
0 0 votar
Avaliar Desabafo
4 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Naty
7 years ago

Olha flor, se você gosta de ser “relativamente forte”, o problema é seu. Quem tem que gostar do seu corpo primeiramente é você mesma.
Mas ainda assim, você deve ficar atenta se não está mesmo, a passar dos limites.

Vigorexia-Mais comum em homens, eles se preocupam em ficar fortes a todo custo. Mesmo passando horas na academia e estando muito musculosos, eles se vêem magros e fracos. Essas pessoas apresentam algumas atitudes como característica desse distúrbio. Entre elas estão: têm vergonha do próprio corpo, usam fórmulas “mágicas” para ficarem fortes (anabolizantes, termogênicos, etc), dão valor extremo à imagem e são obsessivos com alguma parte do corpo. Assim, como os distúrbios anteriores, a vigorexia também possui algumas conseqüências, como: insônia e falta de apetite, problemas circulatórios, irritabilidade, redução nos níveis de testosterona, desinteresse sexual, fraqueza e cansaço constante, dificuldade de concentração, problemas no fígado, problemas ósseos e articulares devido ao peso excessivo nos treinamentos, e encurtamento de músculos e tendões.

Só tenha cuidado linda. Exercícios físicos liberam endorfina, e talvez seja por isso que tenha te viciado tanto. Tudo que é em excesso é prejudicial.
Eu acho que o modo como nos enxergamos é o que realmente importa. Mas se nos enquadramos nessas doenças como anorexia, bulimia e vigorexia, é bom contar com os olhos dos outros também. Pessoas de confiança que se preocupem conosco sinceramente.
Porque essas doenças afetam o modo como nos enxergamos diante do espelho.Nos cegam. Uma imagem distorcida. Vemos uma coisa que não existe. Por isso opiniões de confiança são nossos olhos reservas. Os olhos que não estão com defeito.

Por isso, procure um médico para avaliar melhor o seu caso. Para que ele possa definir de qual lado está o exagero.
Se dê o benefício da dúvida, linda. E procure uma opinião profissional. Mais de uma, se for possível. E só depois disso, então, aja conforme o que for melhor para sua saúde e vc.
Tudo de bom à senhorita. Bjú

s
7 years ago

Primeiramente pare de se intoxicar. Por mais que negue, sabe que isso só vai piorar a situação do seu físico e a da sua sua casa com os seus pais.
Se deseja ter a liberdade de retornar à academia, deve ser digna da confiança dos seus pais. Primeiramente pare com essas substâncias ilegais, que somente farão da sua aparência algo esdruxulo até que não haja mais ‘volta’, e demonstre comedimento na sua necessidade de malhar, pois parece muito compulsivo esse aspecto em você. E é claro que os seus pais não desejam ajudá-la a ser uma compulsiva.

K
7 years ago

olha, pelo que me parece você é fissurada na academia, eu acho que os seus pais estão certos em afasta-la. E também, não é bonito uma mulher musculosa igual a um homem, seu vicio deixou você cega. Obedeça os seus pais e pare de usar bomba, será uma decepção para você e para os seus pais que querem te proteger.

Paulo Marques
5 years ago

Não ligue a comentários de mulheres fraquinhas.

Ser forte e musculosa é belo, isso sim, é uma MULHER a sério!

Botão Voltar ao topo