Levando comida que não compra para os parentes

Sempre que faço lanche( bolo, Salgado. essas comidas diferentes que não comemos sempre), minha esposa sempre separa metade e leva para mãe dela. O que me irrita é que ela não compra o material, se me ver comprando reclama do preço, não prepara, e quando vou ver ela já levou! Ontem fiz bolo de chocolate, hoje quando cheguei em casa metade do bolo ela tinha levado para o irmão dela e para mãe, por que eles gostam se bolo! Me subiu uma raiva, porque nenhum deles fazem comida lá e mandam para cá. E quando eu falo, ela acha ruim.

4 Comentários

  • MORFEU 10 de junho de 2019

    Ou vc se impõe ou logo mais ela vai estar dando outras coisas “suas” pra outras pessoas. Às vezes precisamos aprender dizer não pra ser respeitados. O que é seu, esforço seu, vc é quem determina o destino. Não seja tolo.

    Resposta
  • Michely 10 de junho de 2019

    Isso irrita qq pessoa até pq não existe reciprocidade né, só vc dá e sua sogra não faz questão de mandar nenhum agrado para vc, melhor conversar com sua esposa, se ela quer agradar a mãe que pelo menos compre as coisas, não é egoísmo, é dar valor no suor de suas mãos, pq ela nem te pergunta se pode dar ou não, vai lá e pega. Eu acho super errado isso hein, eu já teria metido o pau, falado um monte. E mais, eu já ia ficar com noia de que o meu marido anda comendo coisa boa na casa mãe e nem tá fazendo questão de me mandar, coisa que acho super feio tbm! Pq eu tenho que dividir e eles não, injusto né! As pessoas não sabem agradar.

    Resposta
  • Eu 10 de junho de 2019

    Pare de fazer, quando quiser comer, coma na rua e sozinho, não leve a sua esposa junto para comer. Quando ela reclamar, diga que não faz mais essas coisas diferentes em casa porque não quer se aborrecer ao vê-la levar para a casa dos parentes dela. Essa atitude vai evitar aborrecimento da sua parte, brigas desnecessárias e ainda vai fazer sua mulher refletir, afinal ela só vai comer aquilo que ela comprar e ela mesmo fizer.

    Resposta
  • Observador 10 de junho de 2019

    O nome disso se chama: “alimentar cobras”! Com o tempo a vida ensina que as pessoas que mais ajudamos nos prejudicarão mais. Comprava bolo e salgadinho no aniversário do meu irmão e ia comemorar na casa que ele ficou morando porque no inventário fui um dos que concordou que ele ficasse lá. Conclusão: Ele buscou fazer intrigas de mim com os demais irmãos. Paradoxalmente, graças as cunhadas, foi evitado que a familia ficasse sem se falar, porque todos buscaram adquirir o próprio “teto” já ele depende de nós para morar onde mora!

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *