Infelicidade na área de trabalho

desabafos de problemas no emprego e trabalho

Cursei Direito, entrei logo depois do ensino, nunca fui feliz dentro dele, não sentia animo para me aprofundar no curso, passei na OAB, estudando um pouco. Contudo ao advogar não consigo sentir prazer nenhum, cada vez que vou atuando em um caso vou perdendo a motivação para tudo. Ingressei em uma nova faculdade que me permite trabalhar e estudar e as duas areas podem se complementar, contudo desejo parar de advogar e atuar na nova área, mas sinto vergonha em fazer isso por causa da idade e o que família e amigos irão pensar

Anúncios

2 COMENTÁRIOS

  1. Olha, em relação a essa questão profissional, não tenha medo de arriscar.. não tenha medo do que os outros vão falar. É a sua vida, é a sua felicidade que está em jogo. Procure fazer as pazes com você mesmo, se permita se conhecer mais, assim vc vai se encontrar, vai descobrir o que você gosta de fazer e não tenha medo de arriscar, de mudar. Tenho 23 anos, comecei a fazer direito e não gostei, troquei de curso várias vezes, agora tô fazendo marketing, até que estou gostando, mas o meu sonho mesmo é fazer arte. Música, cinema… Também preciso criar coragem pra arriscar certos movimentos nessas áreas que eu gosto.

  2. Você já analisou a possibilidade de atuar na área de compliance? É uma área promissora, que abrange também alguns conceitos de administração e o melhor está em alta. A maior parte das pessoas quando ingressam na área de advocacia, apenas enxergam dois caminhos: ser delegado ou juiz e a medida que não conseguem ser aprovados nos difíceis e super concorridos concursos público, permanecem no lugar comum, realizando a parte mais chata e burocrática da profissão, em algum escritório de advocacia. Não sei qual área vc está estudando atualmente, mas te adianto, que o mercado de trabalho não está muito coerente, pois estão contratando engenheiros de baciada, para ocupar vagas de marqueteiros, economistas, administradores e afins. Vejo isso pelo meu filho que com graduação em marketing e pós em administração, com 23 anos não consegue emprego. Faz 1 ano que ele está preenchendo fichas de emprego pela NET (mais de 500) e até o momentos ZERO de entrevistas, não é chamado nem para ver a cara do gestor, o corte já é direto pelos sites que ele paga regularmente para melhorar suas chances. Ele tem inglês fluente e Espanhol intermediário, mas neste momento está fazendo bicos vendendo convites de casa noturna.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here