Problemas da Vida

Eu trabalho muito e não vivo

Eu sinceramente estou muito cansada, tenho apenas 20 anos e já me sinto em exaustão eu trablho muito,
as vezes eu trabalho 09/10 dias direto até folgar normalmente eu não saio com os meus amigos e família porque estou sempre trabalhando não me sinto bem, não me sinto viva, eu trabalho para ajudar meus pais e pagar meu curso apenas porque não sobra muita coisa para fazer algo diferente sabe, fico sempre na mesma rotina.
Estou mentalmente e fisicamente cansada, gostaria muito de chutar o balde mas não posso deixar meus pais na mão . Não sei até onde vou aguentar.

5 Comentários

  1. O país ainda sofre pelo desemprego, por conta da avalanche de empresas que fecharam as suas portas na gestão Dilma, que quase quebrou o país. Hj as empresas que sobreviveram estão oferecendo salários bem depreciados, não condizentes ao custo de vida, selecionando geralmente os mais jovens do mercado com alguma capacidade de performar na sua função e naturalmente aproveitando o gás da juventude, portanto, se resolver sair da sua vaga, no dia seguinte haverão mais de 300 currículos esperando a oportunidade. Infelizmente a realidade é essa, pois pelo visto você não tem muito como contar com seus pais, já que eles também são pelo visto seus dependentes, pois segundo seu relato você os ajuda.
    A condição ideal seria se o seu pai e mãe, tivessem atividade remunerada e que pudesse segurar as pontas do seu desemprego, até conseguir uma nova recolocação com horários mais flexíveis. O meu filho fez exatamente isso, pois estava em um nível de estresse tão alto, que não conseguia mais dormir foi parar três vezes em
    Pronto Socorro, pois não conseguia desligar a mente do trabalho nem quando ia para cama. Já fazem três meses e ainda não conseguiu sua recolocação e eu estou segurando as contas sozinha, sendo viúva, sem pensão ou aposentadoria.

  2. Não tem muito o que fazer,é continuar estudando para conseguir um emprego melhor mais pra frente

    Uma coisa que vc poderia fazer é ir num bom clínico geral e relatar esse desanimo a ele,pode ser algum desarranjo hormonal,falta de nutrientes e vitaminas e até início de depressão

  3. Não tem MT o q fazer. A única solução é continuar estudando e se dedicando até pintar algo melhor. Os dias q vc estiver em casa, curta cono se fosse o último. Tenha paciência. É uma fase.

  4. Eu passo quase pela mesma coisa, estou formando em administração, último semestre já (e não curti o curso, mas na verdade não curto nenhum…), e não sei o que vou fazer depois de concluir o curso sabe, não consigo mesmo sentir lógica ou ânimo em uma vida onde você acorda cedo pra ir trabalhar, fica o dia todo fazendo aquele mesmo trabalho, volta pra casa a noite, cansado(a), não pode dormir muito tarde porque no dia seguinte precisa acordar cedo novamente pra viver tudo de novo, a grande maioria das pessoas vivem essa vida tranquilamente, afinal “o importante é estar trabalhando”, mas eu NÃO CONSIGO, não escolhi isso, eu estava estagiando num cartório e surtei (literalmente), e tive que sair, não consigo ter essa vida, e olha que era apenas estágio, e outra, sou FIES 100%, terei que arranjar qualquer emprego pra poder pagar, sinceramente não sei se irei aguentar e até quando e onde irei aguentar…

  5. calma meu anjo, procure outro emprego primeiro um que a carga horaria seja mais flexível e invista em estudos para trabalhar naquilo que realmente gosta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar