Estou sempre me comparando aos outros

problemas de adolescentes e jovens

Na minha cabeça estou sempre “competindo” com as pessoas, não consigo ter um amigo sem sempre estar tentando ser “melhor” que ele em certas coisas, o que eu nunca sou, desde criança sou assim, sinto que tenho que ser “a melhor” em tudo, mas só acabo frustrada por nunca conseguir, sei que esse pensamento é incrivelmente idiota, mas não posso deixar de te-lo. Como resultado desse hábito de “competir” com os outros nunca me sinto bem perto das outras pessoas, num grupo de amigos me sinto sempre a “inferior”, queria parar de ser assim.

4 COMENTÁRIOS

  1. Faça uma terapia, tudo isso só mostra o quanto vc é insegura, precisa aprender a fortalecer sua autoestima, sua autoconfiança, tente ser uma pessoa leve, tente ser apenas vc, sem precisar ser melhor que ninguém, apenas vc, um ser humano sujeito a falhas e a erros.
    Fracasso e frustração faz parte do desenvolvimento e amadurecimento das pessoas, ninguém é perfeito, aceite seus fracassos.

  2. Tenho uma irmã assim e já me afastei dela, pois ela da a entender que tudo dela e melhor ou mais importante, agora os ,meus sonhos, a minha opinião… tudo relacionado a mim ela desdenha e critica e pra ela não tem importância nenhuma, alem disso ela e do tipo que acha que eu tenho que apoiar ela nos sonhos dela, sendo que ela não apoia os meus e só desdenha. Te aconselho a procurar ajuda profissional pois acredito que essas pessoas pra disfarçar a insegurança que tem, tem esse tipo de atitude para se sentirem melhores.

  3. ”Estou sempre me comparando aos outros”. Cansa, não é? E frustra, ah como frustra!… Esperar ser o melhor (ou ao menos igual) em tudo em relação a todos é o sonho de consumo todo ser humano prontinho para chorar pelo resto da vida de raiva de si mesmo…
    Não basta ser bom naquilo que é, garota? Não basta ser ‘diferente’ ao invés de ‘melhor’ ou ‘igual’ a sei lá quem??… Sonhando alto demais e a queda é ainda maior, se não percebeu. A ação de se valorizar é sua. Pode colocar isso em prática ao invés de abrigar essa inveja e essa falta de autoestima.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here