Essa falta de ter relacionamentos me abala muito e me deixa um lixo por dentro

Tenho 25 quase 26 anos e eu nunca namorei só beijei com 18 anos e só isso. Essa falta de ter relacionamentos me abala muito e me deixa um lixo por dentro. Como se eu não tivesse vivendo a vida como ela é. A foi só mais um que passou pela vida sem desfrutar das coisas boas que ela tem a oferecer. Não sei o que e o amor nunca senti e nunca recebi. Quero tanto namorar e aproveitar a minha vida mais não sei o que eu faço me sinto um nada. A regra é o homem que tem que chegar na mulher mais eu como homem não consigo fazer isso. E fica por isso mesmo fico sozinho solitário e triste. Desabafando em um site online. Alguém me ajuda o que eu faço ?

Etiquetas
nunca namorei
0 0 votar
Avaliar Desabafo
7 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Reis
1 year ago

Irmão seguinte, um amor não se procura, vai por mim. Embora você quer tanto buscar isso, isso tem que vir até voce. O que te resta a fazer as vezes é mudar, ser mais social, bom você não descreveu como você é, mas mude, muda tudo, procure coisas novas mano. As vezes o amor não te acha por você esta numa vida monótona. Não há muito o que fazer meu velho, só não adianta você correr atrás de uma coisa desesperadamente e acabar quebrando a cara.

Ingrid
1 year ago

Sim, comece se amando.faça algum esporte, se não gosta. experimente todos que tem por perto, ou até longe. com certeza vai se identificar com algum ou com alguma tribo..além do que, todo mundo quando malha aumenta a adrenalina, aumenta a auto estima, fica muito mais atraente.e com muito mais coragem para chegar nas meninas tbm. Certamente vai levar alguns “nãos”, mas todo mundo leva.não desista você vai se identificar com mtas pessoas legais e vai acabar encontrando a sua princesa. Boa sorte!

Luiz felipe silva de barros
1 year ago

Cara pega seu salario vai na zona vai meter se divertir.

Um cara realista
1 year ago

Assim.eu sei que é duro de ficar “só” nesse mundo cheio de garotas que vivem a vida sonhando um amor em uma cabana no Canadá,mais pela sua idade,existem 2 possibilidades:
1-vai tentando que uma hora vai!
2-o amor não vem para todos.sim,é uma droga,mais temos que nos conformar

(PS:não estou dizendo que ele não vai vir para vc,mais existe a possibilidade)

Viva
1 year ago

Entao, provavelmente você é timido!
Tem que fazer amizades, sair. seguiria o Conselho ai de cima, faça uma academia!
Com crtz fará amizade, e conhecer altas gatinhas, seja simpatico, engraçado, que uma hora vai! Você só não pode ficar em casa se lamentando..
Boa sorte!

Thaís
1 year ago

Cara eu te entendo um pouco, passei por essa situação semelhante. Mas concordo com a galera aí de cima. Procura fazer coisas um pouco diferentes do que você faz, saia da sua zona de conforto. Isso ajuda muito a você ocupar a cabeça e conhecer novas pessoas.
Quando a gente está assim achamos que não vamos conseguir ser feliz por conta de não ter um alguém para acompanhar a gente, mas olha cara, conseguimos sim.
Uma frase clichêzinha mas super verdade: “A felicidade é como uma borboleta, quanto mais você corre atrás dela mas ela se distancia de vc, de repente você se distrai e ela pousa em seu ombro.”
Abraço e boa sorte ;)

Felipe
1 year ago

Me identifico com você em algumas coisas. Mas estou aprendendo algumas coisas com a vida, ela é um constante aprendizado. Uma das piores coisas é criar expectativas nela e em nós mesmos também, isso é o que nos aprisiona. Precisamos entender que somos limitados em várias coisas, se culpar é pior, devemos ter uma tolerância para conosco mesmo, ficar se “marretando” piora nossa situação. Falo isso porque já fiquei muito tempo assim, e por causa de “razões” bem semelhantes as suas.
Digo isso porque parece que você tem uma expectativa de um “amor”, isso é normal, mas as vezes somos muito idealistas com essas coisas, e com isso nos frustramos com a vida, achando que não somos dignos das coisas boas. Mas somos nós que idealizamos esses desejos e ânsias com as coisas, por isso não podemos culpar ninguém nem a vida pelo nosso sofrimento emocional.
O que fazer: Falando pela minha experiência. E com ela tive um bom alívio desse sofrimento; procuro a cada dia fazer um esforço de não ficar carente, de não esperar que os outros me preencham, de se possível eu mesmo tomar atitudes para minha vida .

Botão Voltar ao topo