Ele traiu-me

Tenho 21 anos, namoro com um rapaz de 23 anos e ele traiu-me.
Quando tínhamos apenas 3 meses de namoro ele me traiu com uma ex namorada. Me contou, arrependido, chorando feito criança porque tinha medo de me perder. Perdoei. Há um mês estamos planeando nosso casamento a pedido dele, já fomos olhar as alianças para o noivado e estamos planeando a festa para mês que vem. Mas no mesmo dia em que fomos olhar as alianças ele me confessou que havia beijado uma menina, disse ser só um beijo, sem importância, que não faria mais, mas isso me deixou muito confusa.
Ele se da super bem com meus pais e já falou com eles a respeito do casamento, sou a primeira namorada que ele leva tão a serio, segundo a família dele, que por sinal me adora.
Aparentemente é o namoro que tem tudo para da certo.
Mas e essas traições, o que devo fazer, devo seguir com o noivado ou é melhor passar por cima do sentimento e desistir?

3 Comentários

  • Humberto 17 de junho de 2012

    Meu da o troco nele…vai ficar dando um d besta , ele ta deitando
    e rolando…se vc ainda qer ficar com ele, trai ele e conta pra ele
    e diz , eu trai pra me vingar mas a proxima vez q vc me trair eu termino com vc
    vc vai ver como ele vai ficar com medinho e vai pensar
    duas vezes antes d te trair…eu falo isso porque sou homem
    e enqanto vc ficar perdoando ele toda hora ele vai pensar
    – a ela vai me perdoar mesmo , oq q tem ne…
    eh qele velho ditado traiu uma vez vai trair sempre..enqanto vc nao por
    um ponto final nisso…

    Resposta
  • Alexandra 4 de julho de 2012

    Querida, não digo para seguir o meu conselho .. mas se fosse comigo .. adiava o casamento e falava bem a sério com o teu namorado..
    e perguntava se era para trair mais ?? veja o que ele diz ..
    se ficar nervoso e se não responder logo .. deixe ele por mais que ame ele ..desculpa mas .. o melhor era deixar o seu namorado..
    espero que fique bem .. beijo!

    Resposta
  • s 19 de agosto de 2012

    Se você não se sente segura, não se case. Pode até mesmo noivar, etc., mas não agende data para a união. E, francamente, não são os parentes que se casam com seu noivo, mas você. Portanto, opiniões podem contar, mas a palavra final é sempre sua.
    E até lá analise com bastante honestidade seus sentimentos em relação ao seu namorado e às ‘confissões’ que ele fez: como isso impactou seu emocional, sua auto-estima, sua confiança nele, etc. E aliás, se necessário, comente sobre isso com ele. Não tenha medo das suas decisões.
    E de qualquer modo, a verdade é sempre libertadora.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *