Problemas Amorosos

Ele sempre aparece na minha vida

Fiquei com um rapaz na escola que gostava de mim a muito tempo e depois ele terminou comigo. No ano seguinte ficamos outra vez e eu acabei pisando na bola e traí ele. Mesmo assim, continuamos amigos. Gosto de graça dele e nos damos super bem. Quase 11 anos se passaram e eu conheci uma pessoa, me casei e agora me separei. Na primeira oportunidade esse rapaz que até hoje é meu amigo pediu para ficar comigo. E pelo jeito ele quer que dê certo, ficar junto de uma vez por todas. Estou com medo. Medo de dar errado e perdermos a amizade. E medo de talvez não fazer isso e perder um relacionamento que podia dar certo. O que eu faço?

6 Comentários

  1. Vc já percebeu que na vida nenhum relacionamento tem data de validade e nem garantias absolutas de que vai funcionar para sempre. Os riscos sempre irão existir de algum dia até mesmo a amizade não perdurar, basta esse teu amigo encontrar na sua vida uma mulher controladora, começar a namorar. Cansei de ver situações ocorrerem dessa maneira e perdi muitos homens interessante por essa indecisão. Não adianta colocar os homens na zona da amizade, acreditando que a sua relação de amiga sempre ficará igual. Isso não existe!!!! Até mesmo porque ele já deu um passo adiante e se declarou para vc, portanto, já deu para sacar que ele não era tão amiguinho assim, mas sim um interessado. Algumas vezes aquele velho ditado que diz: “amigo de mulher é cabelereiro” (kkk) , mas na maioria das vezes é o que ocorre na prática. Não tenha medo se vc acha que vale a pena e se tem atração por ele. ok. Se vc acha que seu lance com ele é só mesmo amizade, que continue do jeito que está e curta a amizade dele enquanto durar, ou até ele encontrar uma namorada.

  2. Medo tolo. Tire a dúvida e seja feliz. Amizade com ex namorado não existe, por mais que queiramos isso.

  3. Acho que tudo depende de como vocês se sentem em relação ao passado. Ainda há sentimento? O que aconteceu de ruim entre vocês pode vir a tona e atrapalhá-los? São vários pontos a serem analisados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar