Desde os meus 10 anos de idade cuido dos meus irmãos e ajudo os meus pais.

Tenho 23 anos e sou a filha mais velha de 3 irmãos. Desde os meus 10 anos de idade cuido dos meus irmãos e ajudo os meus pais.
Passei a cuidar dos meus irmaos ainda nova, porque os meus pais trabalhavam para manter a casa e com isso perdi parte da minha infância.
Com 18 anos quase perdi a minha mãe visto que ela sofreu um AVC. Toda essa fase fase durou 4 meses, mas parece que foram anos, pois não havia certeza se a minha mãe iria se recuperar 100% e se iria se recuperar. Graças a Deus ela ficou bem.
Eu sempre fui uma pessoa triste, me sinto feia, sou burra, parece que carrego uma cruz maior do que posso suportar, estou sozinha, não tenho ninguém para desabafar (tanto que estou recorrendo a sites), e choro internamente porque não posso deixar que as pessoas a minha volta vejam o meu sofrimento.
No geral estou muito mal.

Ler
medo imenso de perder

4 Comentários

  1. O que? Voce é uma pessoa incrível, não se esqueça disso. Poucos são aqueles que ajudam os pais da maneira que você ajuda, se fosse eu já teria explodido há tempos. Voce é linda por dentro, e isso importa mais, teve atitudes maravilhosas desde criança, pois não era sua obrigação cuidar de seus irmãos. Continue nessa batalha amiga, nada é para sempre, e saiba que quando isso passar, será elogiada, e muito, por tudo que fez, e isso lhe mostrará o quanto você foi capaz. Não se deixe levar pela tristeza, coloca a esperança no lugar. Crie amigos, desabafe sempre, mas não deixe a tristeza lhe dominar. Veja o quanto você é maravilhosa amiga. ;) Pois você realmente é! Bjos

  2. Posso dizer que temos em comum essa questão da maturidade precoce, e eu nem sou o mais velho, e sei como é se sentir sozinho, sem ter alguém para dividir a carga ou simplesmente desabafar, mas tenho certeza que você ainda será muito feliz e que encontrará alguém que te “recompensará” por tudo que tem passado. Continue sendo essa pessoa maravilhosa. Abraço

  3. você é uma pessoa incrível maravilhosa não se sinta assim sei que é difícil como já disseram poucos ajudariam os pais que Deus te abençoe

  4. Querida,
    Ajudar é dever de todo cristão mas no seu caso me parece que já passou do limite. Equilíbrio é a palavra chave de tudo. Estude, faça um curso profissionalizante, cuide-se. A vida é sua e só você pode direcionar. Tudo que você está fazendo não está sendo bom para você e não será para eles. A cobrança virá e não trará felicidade para ninguém. Perceba, você já esta sendo infeliz. O arrependimento é devastador. Pare! pense em você no que você deseja. É a sua vida, não tem volta. Procurar ser feliz não significa ignorar sua família mas anular-se é imperdoável. O que isso menina? Deus te quer vitoriosa, sorrindo. Vamos mudar esse jogo? bjs

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar