Caso amoroso complicado

Tenho 23 anos, inexperiente, nunca namorei, virgem e me apaixono fácil. Conheci um rapaz em Jan/2013 em uma viagem e começámos a ficar desde lá. Ele mora numa cidade vizinha à minha. Ele tem 23 anos bem vividos. Ele tinha acabado de sair de um relacionamento, sabendo disso eu não me envolvia muito com ele, pois achava que a qualquer momento ele voltaria para a ex-namorada. Até então não abria mão da minha vida, continuava saindo com amigos e estimulava que ele fizesse isso também. Mas aí, começou que ele começou a mentir para mim. Foram pequenas mentiras, mas eu já estava com pé atrás e fui só juntando. Então ele veio falar de namoro em menos de um mês e eu dizia que não porque tinha que conhecer ele melhor, já que só conhecia há um mês. O inferno começou quando apareceu uma “amiguinha” dele, mais velha, na casa dos 30. Até então eu só sabia que eles tinham ficado no passado mas continuavam “amigos”. Ela passou a fazer pequenas publicações no facebook dele, chamava ele de “amor”. Então não me aguentei e perguntei (pedindo muita sinceridade e na maior calma) a ele o que ele e a tal “amiga” tinham fora a amizade. Porque tudo que ela fazia não era coisa de “amiguinha” e sim de quem tinha um caso. Ele respondeu que eles tinham ficado uma vez depois que eu o conheci. Sem querer chorei, não muito, na frente dele. Ele me pediu desculpas. Foi quando eu vi que estava gostando dele. Até hoje aparecem coisas que ela marca ele no facebook. Mas ele nunca curte e nem comenta. Ela é louca por ele e de alguma forma ele gosta dela, mas não assume compromisso porque ela já tem a “vida feita” e o que ele quer é fazer a vida dele com alguém. Terminei com ele por telefone depois de dois meses e 15 dias porque não aguentava essas coisas. Nesse meio tempo, ele veio atrás e a gente tem conversado, saí com minhas amigas. Não quero namorá-lo de jeito nenhum pois não confio nele! O problema é: adoro a companhia dele, os beijos. A gente se dava muito bem, nos beijos, nas conversas. Ele me tratava super bem. Só não gostava das tentativas em me enganar, pequenas mentiras sem necessidade. Quando “terminei” chorei muito nos dois primeiros dias mas depois foi tranquilo. Senti falta mas nada muito exagerado. Esse tempo me fez desapegar mais dele. Vamos nos ver para conversar. Mas não sei como agir. Vai servir para ver se ainda sinto o mesmo. Fiz certo? O que faço?

0 0 votar
Avaliar Desabafo
4 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Naty
7 years ago

Se você quiser assumir algo com ele, vai ter que se preparar para chorar algumas vezes. Porque ele engana naturalmente. É dele. E não é por namorar você que isso vai mudar. Ainda mais se ele gosta da fulana que você mencionou.
Você é adulta. Sabe de si. Se quer um relacionamento cheio de altos e baixos, vai em frente. Assuma os riscos. Curta os momentos.
Mas se você faz a linha mais romântica, caia fora. Para o bem do seu coraçãozinho.
E você mesma percebeu que terminar com ele, não foi o fim do mundo. Que você até que levou numa boa. Isso significa que você não vai “morrer” se não ficar com ele.
Conheça outros caras. E depois, se mesmo assim, você sentir falta dos beijos dele, das conversas com ele, você pensa melhor a respeito sobre ele.
Bjú

s
7 years ago

Sim, agiu acertadamente. Não deve travar relações com um homem que parece estar que ‘esteve a voejar’ em derredor de uma mulher mais velha comprometida, que aliás ainda ‘voeja’ em torno dele. Ele não pode se responsabilizar pelos ‘recadinhos’ dela no face, mas embora não os responda, e isso já um sinal, ele talvez não tenha sido claro com ela: ele paga o preço de talvez ser educado demais até agora.
Pois a vida ensina as lições. Se ele prefere ser um gentleman com a ‘oferecida’, ficará sabendo quando se der conta que ela o prejudica.
E quanto a você, não tema. Ou ele retorna a você ‘de chão varrido’ ou que vá ao piso sujo e pronto!
Isso se der tempo. Deve aí haver muitos e muitos homens à procura de uma garota especial como você!
O parvo não se dá conta disso?. Pois que fique lá às cegas e que encalhe o navio nas barrancas.
Você diz que ele é experiente. Errou. Ele nem enxerga o quanto você vale comparada às piruetas da outra face afora.
Pode doer, mas ele está merecendo que você deixe-o para ser abusado ainda muito pela oferecida internauta do face. Há um ditado que diz “Cada um está no altarzinho que merece à Igreja.”
Não tema. Homens para você não faltam!

autora do texto
7 years ago

Gostei da resposta das duas.. está me ajudando muito. É exatamente o que todas as minhas amigas dizem. S a outra é separada.

Bem, acabei que fiquei com ele de novo. No outro dia ele me ligou disse que tinha gostado e blá blá.. só que eu disse que queria esquece-lo e que iriamos ser somente amigos. Ele aceitou mas percebi que ele não gostou, até porque fui muito fria com ele no telefone.

No outro dia mandei uma mensagem no facebook dele dizendo o seguinte: “tava tudo bem cmg. Ate a gente ficar de novo. Eu não era para ter feito isso, embora no fundo eu tivesse vontade. Mas para quem quer esquecer.. Isso não foi uma boa atitude! Eu realmente não sei agir pensando só no presente!”

Ele: A decisão que você tomar vou acatar.

E é isso, estou deixando quieto mesmo.. está doendo. Embora eu goste dele, ele não vai mudar nunca. Ele quer namorar comigo e ter todas as outras. Esse tipo de situação não dá para mim msm.!

s
7 years ago

à Autora,

Não há o que agradecer, querida! Eu sim agradeço à oportunidade de tentar ajudar.

Então o moço te desafiou? Disse que o que você decidir ele acata?.
Truque velho! Turque velhíssimo! Ele pretende jogar as responsabilidades todas sobre você (como se ele fosse um bebê da mamãe). Enfim com essa postura o que ele consegue é mostrar uma enorme fraqueza de caráter e/ou um imenso desinteresse em você. Pois ele deixa claro que para ele ‘tanto faz’, opis disse ‘decida você’. Ou seja, ele foi bem claro: ‘Não arredo pé, você não merece o meu trabalho, tenha-o você se quiser.’
É muita prepotencia!
Um homem que valha a pena e quando quer uma mulher, sabe bem o que fazer e o faz bem rapidamente. Um homem de verdade jamais tenta desafiar uma mulher com essa postura de ‘você é quem sabe’, como se ele fosse o unico homem e o melhor. Um homem quando ama e respeita, assume e toma as rédeas, não deixando que a mulher precise procurá-lo, fazendo dela uma oferecida. Um homem digno e que se respeita, toma a frente e a decisão, e faz o que é preciso para salvaguardar a moral da mulher e protegê-la de precisar correr atrás dele. Um homem de verdade não expõe uma mulher desse modo.
Querida, você merece coisa melhor. Ele não a respeita e nem respeitaà própria masculinidade. Uma mulher com as suas qualidades, que ele ignora ou nem vê, não é repasto para ‘o bico’ dele.
Tudo vai dar certo, você vai ver. Você há de encontrar um homem dez mil vezes superior a ele. E quanto a ele? Que se esbalde com as de inferior qualidade.

Botão Voltar ao topo