33 anos virgem por opção

Na minha “primeira vez” com minha ex, eu percebi que eu não precisava fazer a penetração para ter um sexo normal para ambos se eu poderia fazer outras coisas com a vantagem de continuar virgem e experiente ao mesmo tempo, então eu decidi seguir por esse caminho e, desde então, estou muito satisfeito com a minha vida sexual.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *