22 anos, virgem, defeitos no órgão genital, dificuldade em fazer amigos e amigas, sem namorada

Tenho 22 anos, sou virgem (e não e signo), não tenho namorada nem algo que se pareça, acho que no fim de contas ao longo de tantos anos nunca dei grande importância a isso (ate há pouco tempo), talvez por ter descoberto que tinha defeitos nos órgãos genitais me tivesse tirado mais a vontade de uma aproximação mais intima, não sei. acho que por causa disso alimentei mais a minha timidez e me isolei ao ponto de não conseguir falar sobre isso a ninguém próximo, e isso junto com o facto de ser virgem me faz sentir excluído dos homens.
nunca falei com ninguém próximo pois tenho medo que depois muita gente saiba e me trate como objeto de gozo. O facto e que tenho 22 anos, sou virgem, tenho defeitos nos órgãos genitais e tenho vergonha de falar sobre isso, não tenho amigos nem namorada, passo os meus dias no trabalho ou frente ao computador ou frente a televisão ou simplesmente a dormir, sempre a espera que no dia seguinte eu consiga reunir a coragem necessária para conseguir resolver algum destes problemas. até la fico-me pela minha solidão e talvez estupidez.

Olá!
Após um ano da publicação do meu desabafo aqui estou eu novamente.
Quando publiquei o meu desabafo é que percebi o que tinha feito. Falar dos problemas, ainda que para desconhecidos, revelou-se uma coisa muito boa, pois nunca pensei que houvesse gente que compreendesse o meu problema, mas de facto a maior parte das pessoas compreendeu e de certa forma ajudou-me a acreditar um pouco mais e a ter um pouco mais de fé e confiança nas pessoas. Essa compreensão que houve do meu problema levou-me a perceber que tinha que falar com alguém próximo sobre isso e, embora tenha demorado bastante tempo a fazê-lo, acabei por me surpreender novamente com as pessoas à minha volta. Quando falei sobre o assunto, defeitos no órgão genital, e após ter consultado um especialista, um desses defeitos revelou-se de imediato algo muito comum entre os homens e o outro ainda que tenha necessitado de fazer uma pequena cirurgia passei também a vê-lo como um problema comum.
Agora percebi que o que eu fiz não passou de uma estupidez. Esses defeitos não eram nem nunca deviam ter sido motivo para eu me esconder de tudo, nunca devia ter escondido e deixado para hoje o que devia ter sido feito há mais de 9 anos atrás quando eu me apercebi disto. Cometi um erro que me fez desperdiçar anos de vida, mas enfim. ..
Neste momento tenho 23 anos, sou virgem, os defeitos no órgão genital já eram, não tenho namorada e espero conseguir recuperar parte dos amigos que perdi ou conseguir fazer novos. Para isso tenho que sair de casa e dedicar-me ao que realmente importa As pessoas.
Muito obrigado pelo carinho e compreensão de todos os comentaram.

10 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
s
9 years ago

Parabenizo-o pela superação! Parabenizo-o pela persistência em ter feito por si mesmo, indo buscar ajuda junto ao seu médico de confiança! Você está de fato de parabéns!
Seja feliz. Seja feliz!

dani
9 years ago

Que bom agora é só olhar para os lados quem sabe aquela menina feita para você amar nõ esta logo ai do seu lado tão pero e você não vê.

rafael
9 years ago

olá amigo! parabéns por teres alcançado progresso nas suas buscas pessoais. de fato é um grande problema quando estamos preocupados com algo e não conseguimos expor para ninguem. muitas vezes na vida precisamos contar com a ajuda de outras pessoas. me aconteceu um caso semelhante, fiquei 8 anos com um grande problema(pra mim era um grande problema) e por não expor para ninguém acabei me torturando esse tempo, e isso fez com que a minha vida fosse bem pior do que poderia ser.culpa minha? das pessoas à minha volta? não sei.mais minha mesmo, mas é muito ruim ficar em busca de culpados, principalmente se os maiores acusados somos nós mesmo. retire esse peso do ombro, siga em frente como você mesmo falou. uma vez ouvi uma frase interessante “a unica maneira de recuperar o tempo perdido é não perder mais tempo”. resolva as pendencias que tem que ser resolvidas e veras uma vida nova pela frente, com dificuldades, é claro, porque todas as vidas tem as suas dificuldades, mas uma vida nova. desejo tudo de bom para vc. felicidades, abraço!

Kalua
9 years ago

Você deveria falar do problema, pois se tiver mais homens com o mesmo problema e veja seu desabafo pode ajudar.
Ainda bem que deu tudo certo.

proteina
8 years ago

passo por uma coisa parecida, eu tenho o que chamam de “fimose” e por este fato não consigo ter uma namorada pois sei que não poderei satisfase-la, ao mesmo tempo não tenho amigos pois me isolei em casa por muitos anos sem sair de casa.

espero um dia resolver meu problema, e quem sabe ter uma vida normal, onde se tem amigos e uma pessoa para chamar de meu amor.

seinao
7 years ago

é fimose? se for é normal só tem que fazer cirurgia ou exercitar o bilau.

André
7 years ago

Tbm perdi minha virgindade com 22 anos, pois morria de vergonha por só ter um testículo e meu pênis ser pequeno, no máximo 13 cm, tive namoradas que se insinuavam porque queriam sexo tbm claro,mas eu evitava. Por sorte conheci minha atual esposa, já tinha sido casada e quando namoravamos ela tomou toda iniciativa e rolou, e com o tempo tirou toneuras, sente muito tesão em mim, e me realizo nela.

7 years ago

cara. tenho defeito algum, mas era muito tímido e só fui perder a virgindade para valer aos 25. Fora uma ou outra pequena coisa na infância que nem pode ser vista como relação sexual em si, só fui transar e beijar na boca mesmo aos 25.

acho que não perdi nada. Hoje, com 30, já sou pai e encontrei uma boa pessoa. Graças a não “perder muito tempo” com mulheres engrenei bem minha carreira

Anna
7 years ago

Oi, que bom que você conseguiu superar isso, a gente pensa que o problema é tãao grande quando temos medo, mas depois eles se dissipam. Olha, não sei seu nome nem dá onde você é, mas gostaria de falar com você, se você me responder aqui, posso te passar meu e-mail.
Beijos querido.

Denis
2 years ago

Quando era adolescente tinha fimose, doia imenso, felizmente meus pais levaram-me ao medico e fiz a cirurgia e fiquei normal, doia muito antes da cirurgia.