par perfeito

Quero terminar com meu namorado mas tenho medo de sofrer

Desabafa > Desabafos Femininos > Problemas no Namoro > Quero terminar com meu namorado mas tenho medo de sofrer

Olá, estou com meu namorado há 1 ano e 1 mês, no começo a gente namoro a distância, era muito triste dava muita saudades. Mas a gente se via de vez em quando, até que era bom assim um longe do outro, os pais deles são separados aí ele foi morar com o pai dele e o pai dele era contra nosso namoro e mandou ele ir trabalhar numa banda que tocava em bailes, festas e tudo mais e é óbvio eu fui contra isso porque lá teria muitas meninas, mais mesmo assim ele foi e eu estava muito brava e desconfiada de tudo né, e ele me traiu com outra menina, mais foi a pior das traições e decepções que eu já tinha passado… 1 mês depois ele veio morar comigo em minha casa perdoei ele e tudo mais, a gente se acertava se amava ainda, mas as vezes brigava porque eu lembrava do que ele tinha feito. Claro tivemos momentos felizes sim, mas a maioria das vezes era briga né, desconfiança ciúmes raiva. E ainda é assim, um inferno, todo aquele amor sumiu, mas eu ainda o amo e acho que ele também me ama muito mas a gente briga demais, e eu acho que se eu terminasse ele ia ir embora para longe com certeza e eu ia sofrer muito muito muito com isso tudo e meus pais também. O que eu faço, me ajudem por favor

Respostas (2)

  • Naty

    Se vc não o perdoar de coração, com sinceridade, o relacionamento de vcs não vai ter mais paz.Nenhum relacionamento sobrevive em meio à tantas brigas e discussões.Cansa.E uma hora acaba.E tudo que resta, são as lembranças ruins.
    Enquanto vc doa para a relação muito ciúmes, culpa e ressentimento , lá fora tem milhares de garotas querendo dar só diversão.Vc mesma está se prejudicando.
    Suas atitudes são naturais, acho que qualquer uma que estivesse no seu lugar, estaria com a traição entalada na garganta.Porém , vc escolheu o perdoar.Escolheu continuar com ele.Então a volta de vcs, tem que ter valido para alguma coisa.E não para mais sofrimento.
    Se acha que nunca mais olhará para ele como antes, não adianta ficar levando o namoro adiante.Não vale a pena.
    Melhoras.

  • s

    Você diz que o perdoou, mas não é verdade. O ressentimento (ressentir é sentir novamente uma mesma emoção) habita em você: a raiva pela traição. Por isso não se esquece da traição e teme que ele faça isso de novo. Você não confia nele´porque não deixou no Passado o que é do passado, nem aquelas emoções de então.
    Desenvolveu também uma coisa em você, por causa da traição, algo que chama de tentativa de controle sobre o outro. Cada vez que ele sai, pronto, você já entra em desespero porque não sabe o que ele está fazendo e você não tem controle algum, pois ele não está debaixo das suas vistas para que você possa ver o que ele faz e evitar qualquer mulher perto dele.
    Mas isso é ilusório. Quando um homem quer uma mulher e vice-versa, não há força humana que segure. E se não for com uma, é com outra logo mais. Porque você não é a unica mulher do mundo, querida. Há muitas.
    De outra parte, se um homem não quer trair a mulher, também não a força no mundo que o force. Então porque você não relaxa, confiando nele e sendo confiante em você?
    Se continuar brigando com ele, vão acabar se separando. Se não confiar em você e nele e na união de vocês, vão acabar se separando. Se tentar controlar alguém, vai sentir frustração e raiva pela impotência, e vai brigar; o que vai acabar dando em separação.
    Perdoe e confie. Relaxe abrindo mão da tentativa de controle.
    Ele não é um bebê e nem você a mãe dele. Não deve ‘tomar conta’ dele, isso pode ser ofensivo para ele, até.
    E outra. Homem odeia mulher que pega no pé não é mesmo? Quer que ele a veja como uma chata na vida dele? Acho que não. Então pare de desconfianças e de brigas.

Deixar uma resposta

Não são aceites comentários que ultrapassem o limite de caracteres ou utilizadores com vários nomes.
Aviso
O conteúdo que estás prestas a ver pode ser considerado ofensivo ou inapropriado. Poderá ser necessária autorização por parte de um adulto. Se não tens mais de 18 anos ou és facilmente ofendido/a clica em Sair.